"Os mais excitantes contos eróticos"

 

nosso primeiro negao....


autor: junior80
publicado em: 01/06/17
categoria: aventura
leituras: 447
ver notas


Boa tarde eleitores. Vou contar a vocês sobre minha fantasia, bom minha companheira e eu estamos juntos ha 14 anos.... Certo dia ha mais ou menos um ano depois de tomarmos uns drinks socilmente em nossa casa, a convidei para assistir um filme porno. Ela aceitou, um filme interracial, negros com branquinhas.... Entao no decorrer do filme vendo aquela cena em que a branquinha magrinha cavalga gostoso na rola preta, despertou em mim um interesse em ver isso acontecer com minha companheira. Mas guardei pra mim esse pensamento, ela comecou a acariciar meu pau vendo aquela cena e eu a passar a mao em sua bucetinha que já tava molhadinha, entao logo ela já tirou meu pau e comecouba chupar. Eu metemos ali mesmo no sofa, depois fomos nos banhar e dormir. Eu com aquela cena na cabeca imaginando aquela rola na buceta de minha companheira.... Bom passado alguns dias tomei coragem e questionei minha companheira, mas antes convidei-a para tomarmos um drink e aos poucos fui conversando sobre o assunto.... Quando cheguei ao ponto em que eu disse a ela sobre uma fantasia que estava brotando em minha mente, pra que.... ela jogou o conteudo da taça em minha cara e me chamou de nojento, cachorro, indescente e por ae vae.... Bom ela foi se deitar e eu fui assistir tv.
No decorrer da noite fui assistir a um porno entre negros e branquinhas. Curto muito filmes assim interracial. E vendo aquelas branquinhas mamando e sendo comidas por aquelas rolas eu imaginando minha companheira naquela cena.
Bom, o tempo foi passando, agente sempre com nossa vida de tomarmos drinks depois do jantar. Sempre assistindo tv, perguntei a ela, vamos assistir um porno ? Ela respondeu sim. Entao coloquei um filme de homossexuais, quando ela viu aquilo um negro rabando um branquinho ela olhou e deu risada e já perguntou . Por que você nao da seu rabo pra um negao ? Eu olhei pra ela com cara de bravo e disse respondi. Por que nao voce, ela entao respondeu, eu sei dessa fantasia sua de me ver sendo comida por um negro. E disse mais, que se eu queria isso mesmo. Meu pau parecia explodir de tesão quando ouvi isso. Eu falei se ela faria e ela disse que só faria com uma condicao. Se eu deixasse o negrao me comer tambem, naquela hora meu cuzinho parece ter ficado excitado.
Perguntei, por que isso ? Ela respondeu, sua fantasia, minha fantasia e deu risada. Ok, mas porque e qual motivo você chegou a essa conclusao de aceitar um outro homem te comer ? Ela respondeu, meu bem sou mulher, e mulher tem sua fantasias. E disse que nunca havia comentado comigo por medo de eu abandoná-la e que algumas de suas amigas já realizaram esse tipo de fantasia....
Bem, resolvemos botar o plano em acao, comecamos a procurar em sites de garotos de programa e isso levou alguns dias e nada, pois muitos mentem com fotos falsas. Ja havia passado semanas, quando um garoto que nós haviam entrado em contato respondeu nosso e-mail. Enviando fotos e também sobre seu servico. Convidamos ele para um encontro, minha companheira havia gostado por foto e quando viu pessoalmente ficou tremula e quase sem vóz.... Realmente boa pinta mesmo....
Nos apresentamos e fomos tratando do assunto. Ele falou sobre seu trabalho e valor e fetiches, resolvemos fechar com ele.
Negro, 27 anos, 1,80 alt e 70 kg com dote de 18 cm. Fiquei de pau duro e com fogo no cu, minha companheira ficou tao excitada a ponto de dizer o porque de nao rolar hoje.... ele riu e disse que tinha compromisso. Passado alguns minutos nos despedimos e fomos embora. Tinhamos marcado pra tres dias depois do encontro, e vocês acreditam que minha esposa nao quis dar pra min nesse tres dias. Disse que iria guardar a bucetinha pro garotao, tudo bem disse a ela, mas um oral você me faz e assim rolou um oral e ela falando assim, vou fazer asdim naquela rola preta, eu dei risada.
Bom chegou o dia, final de semana chuvoso eu gostei imagina sexo a tres com barulho de chuva. Ele entao chegou na portaria, fomos informados pelo porteiro de nosso predio e liberamos a entrada. Moramos no quarto andar e quando ele chegou minha companheira foi abrir a porta e recebê-lo toda fogosa. Convidamos ele para um drink e comecamos a conversar. Minha esposa entao foi se banhar e se preparar ficamos sozinhos na sala. Conversamos sobre o fato dele atender casais de comer os dois ele exclamou que isso sempre acontece maridos que gostam de ser comidos tambem. Bom passado um tempinho minha companheira chega na sala com lagerie preta com cinta liga e eu a questionei que nunca tinha visto essa lingerie, ela repondeu que era para aquele momento especial. Demos risadas, entao fui pegar mais bebida, perguntei ao nosso convidado se ele estava dirigindo e respondeu que estava de taxi, bom entao você pode beber a vontade. Pedi um tempinho pra eu me preparar, fui até banheiro fiz uma ducha no anus e passei um pouco de pomada analgesica pra nao sentir muita dor. E lá fomos nos todos para o quarto, ligamos um som bem tranquilo e ascendemos luzes vermelhas e fechamos as cortinas. Que frio na barriga eu olhava pra minha companheira e ela toda sorridente com ares de putinha. Entao comecamos a nos olhar e perguntei como vae ser ? O rapaz disse que se quisessemos ele iniciaria com um streap-tease entao concordamos. Colocamos uma musica mais balada e me sentei na cama com minha companheira e ficamos assistindo o show.
Ele ali dancando e nos assistindo, passado algus minutos ela foi dancar junto com ele e eu também ficamos acariciando aquele negao forte até ele ficar despido totalmente. Que pauzao gostoso, minha companheira desceu já enfiou ele na boca e eu também comecei a dividir com ela aquela pica gostosa. Entao pedi pra ele sentar no sofa no canto do quarto e me ajoelhei e comecei a chupar minha companheira tirou sua langerie e pediu licenca e colocou a camisinha e foi sentando lentamente na pica preta. E pediu pra chupar meu pau, entao ela rebolava e chupava meu pau e eu imaginando aquelas cenas dos filmes que havai assistido. Ela rebolava, sentava e levantava e chupava meu pau, até que ela gozou gemendo e elogiando a pica do negao. Dizendo querer uma pica assim todos os dias, ele olhou pra mim e deu risada. Bom logo ela saiu e disse agora é sua vez de dar pro negao, ok disse tudo bem.
Entao na mesma posicao dela sentei devagar e aos poucos fui sentindo aquele cacete gostoso até o fim, entao comecei a rebolar também e pedi pra minha companheira chupar meu cacete e o negao me comendo. Pedi pra ele me beijar nas costa e passar a lingua no meu ouvido e assim ele fez. Que foda gostosa só de lembrar me da vontade de dar de novo.... Bom depois de socadas profundas ele disse que ia gozar eu entao disse vamos gozar juntos. Entao rebolei e pedi pra minha companheira parar de chupar e pedi pro negao me masturbar, pois eu estava sentado em seu colo de costas, ele entao comecou a me masturbar e pedi pra minha companheira ficar de rosto perto do meu pau que eu ia gozar em seu rosto. Ela entao colou seu rosto e eu rebolando subindo e descendo e o negao gemendo junto comigo e me masturbando até que senti mordidas nas costas e na orelhas, era o negao gozando no meu cuzinho. Eu travava meu cu no seu pau e ele gemia gostoso me mordendo, ele continuo a me masturbar até que eu gozei na minha companheira. Hummmmm que delicia de gozada, a melhor gozada de todas.... Delicia, levantei e ele tambem, ele tirou a camisinha cheio de porra, e olhamos um para o outro e dissemos o quao bom tinha sido aquela foda. Fomos tomar banho nos tres juntos. Minha companheira comecou a brincar com pau dele outra vez até ficar duro, ela entao comecou a mamar e a masturbar e eu olhando. Tambem dei mais agumas chupadas, até passar uns minuts e ele dizer que ia gozar de novo. Minha esposa pediu pelra ele gozar em seu peitnhos e assim foi encheu o peitl dela de porra. Que delicia ver aquela cena. Logo depois ele se vestiu fizemos o acerto com ele e dissemos que foi muito bom. Ele respondeu que esta a disposicao. Minha companheira entao argumentou que na proxima quer ser comida por uma boneca, e quer que eu também meta no cu da boneca e vice-versa. Demos risadas e nos despedimos, antes ela segurou ele e deu um longo beijo no negao dizendo que adorou dar pra ele. E disse também pra ele você ficou devendo a chuva dourada, ele deu risada e disse você quer agora ? Ela respondeu que sim, entao ele mandou ela se ajoelhar no box do banheiro e tirou a pica preta que naquela hora esta mole e eu disse um momento. Segurei em minhas maos e comecei a mamar aquela cobra preta mole, só pra sentir como era uma rola mole na boca. Ae entao ele comecou a fazer chuva dourada nos peitos dela.... A putinha tava adorando aquilo. Que bom que ela se divertiu e eu tambem.... Entao nosso negao se foi. É agora vamos preparar nossa proxima aventura sexual com uma boneca. Depois disso tudo disse a minha companheira, 14 anos juntos e eu nao conhecia esse seu lado, ela entao respondeu, amor nunca nenhum homem vae entender uma mulher, ela logo disse que eu sou um tremendo bissexual e que nao imaginava eu dando daquele jeito e mamando um pau, eu respondi, guerra é guerra, ela respondeu espero que isso aconteca só entre nós eu nao quero saber de você dando por ae sem mim.... Entao dei risada e fomos pro quarto onde ela me fez uma boquete da hora antes de dormir.... Obrigados e espero que gostem. Pode enviar mensagens valeu. Obs. Ela magra 1,73alt e 55 kg peitos pequenos e bumbum medio. Eu 1,80 alt 80 kg moreno claro 16 de dote. Beijos a todos.
Foto 1 do Conto erotico: Nosso primeiro negao



ver comentários

Aviso:

Todos os comentários aqui exibidos são de inteira responsabilidade do comentarista. O site Clímax Contos Eróticos deixa claro nas suas normas que manifestações de pedofilia, racismo ou de qualquer outro teor ilícito serão banidas, assim como seus autores. Publicações ou comentários ofensivos aos demais membros poderão ser removidos.

Faça um comentário:



Sua nota para este texto:

Quero receber email sobre novos comentários.