"Os mais excitantes contos eróticos"

 

Anal com o novinho...


autor: GostosudaPE
publicado em: 02/06/17
categoria: hetero
leituras: 3261
ver notas


Olá, gente. Voltei, como prometi, para contar um pouco mais da minha aventura com o “mais novinho”. Felipe tem 18 anos, é amigo do meu sobrinho Leonardo e sempre está nas festas e eventos da nossa família. Me chamo Marina e tenho 33 anos. Sou negra, baixinha, gorda, com coxas grossas, bunda e seios grandes. Ahhh! E adoro sexo!

Depois da festa de Tia Vera, fui pra casa com a cabeça a mil por hora. Tinha transando com o melhor amigo do meu sobrinho, gozado muito e curtido cada momento! Cheguei em casa, tomei um banho, coloquei calcinha e camiseta, peguei uma barra do chocolate italiano que adoro e deitei no sofá com um livro. Celular vibra. Mensagem do whats.

“Estou no portão da sua casa. Posso entrar?”

Caramba. Aquele menino quer me enlouquecer! Saio na varanda e o avisto lá em baixo. Com um sorriso no rosto. Moro no primeiro andar.

---Sobe, gatinho. Vou destravar o portão.
Felipe entra, me agarrando.
---Preta! Tô cheio de vontade de você...

E beija minha boca. Aí fudeu! Beijo gostoso demais. Mãos passeando pelos meus cabelos, pescoço, costas, bunda. Aprofundo o beijo. Nossas línguas travam aquela guerra gostosa e quando dou por mim, estou no sofá com Felipe por cima. O corpo inteiro dele em contato com o meu. Sinto o pau duro a me cutucar. Não tem jeito, gente. Não resisto àquele menino...

Os lábios de Felipe descem pelo meu pescoço e encontram meus seios. Camiseta voa longe. Hummmm Que delícia sentir as chupadas daquele gostoso em meus peitos. Me molho inteira... Ele parece que ler pensamentos e, enquanto alterna entre um seio e outro, dedilha minha bucetinha. Gemo alto.

---Tá gostando, amor? Sei fazer direitinho?
---Ahhh, gatinho. Sabes fazer bem demais...

Ele troca os dedos pela boca. Agora está saboreando minha buceta. Beijando. Provando com a língua. Me enlouquecendo de prazer. Gemo mais alto agora. Seguro a cabeça dele e rebolo. Meu corpo está em curto circuito. O prazer se aproxima violentamente. As mãos dele apertam meus seios. A explosão chega e eu tremo toda. Gemo alto. Muito alto. Acho até que os vizinhos ouviram. Gozo gostoso da porra!

Felipe sobe o corpo e beija minha boca. Trocamos de posição e agora sou eu que estou por cima. Espalmo a mão no seu peito e vou descendo pela barriga. Agarro aquele pau gostoso e punheto, enquanto sugo cada um dos seus mamilos. Desço a boca e a encaixo na cabecinha daquele pau delícia. Deslizo de leve. Língua brincando e ele gemendo. Abocanho tudo agora. Com gosto. Adoro chupar! O movimento de vai e vem se intensifica.
---Marina. Para. Eu vou gozar Assim.

Que tesão, gente! Paro a sucção. Faço Felipe se levantar e me ajoelho no sofá. Empino a bunda e falo:

---Mete com força, gatinho.

Sinto suas mãos em minhas nadegas, seus lábios em minhas costas e sua rola dura entrando com força em minha bucetinha. Solto um grito. Ele se apoia em meus ombros e penetra mais fundo ainda. As estocadas são furiosas. Felipe grita meu nome, diz que sou a mulher dele, que vai me comer sempre. Eu só rebolo e gozo. Encharcando aquele pau com meu mel.

---Gatinho. Come meu cuzinho?
---Ahhhh, Marina. Quero muito esse rabão gostoso.
---Então vem, amor. Começa devagarinho, tá? Depois pode meter com força. Adoro!

O menino não se faz de rogado. Tira o pau melado de dentro da minha xana e penetra meu cuzinho bem devagar. Minhas mãos estão dedilhando a bucetinha e a cada centímetro de pau no meu cuzinho, mas eu pingava e gemia. Felipe urra atrás de mim. Rola toda dentro do meu rabo. Peço pra ele meter com força agora. As estocadas dele me rasgam ao meio. Mas eu gosto. Grito. Faço escândalo. Gozo com os dedos castigando meu grelo e um pau delicioso me arrombando o cu. Felipe grita que vai gozar e eu estremeço com os jatos quentes da sua porra.

Caímos no sofá. Suados. Melados. Sorridentes. Ele me abraça. Eu beijo a boca dele. E falo:
---Gatinho. Você é gostoso pra caralho. Nunca vou me cansar de você...
---Eu que nunca vou deixar de te comer, tia Marina...

Espero que tenham gostado.

Felipe: Te adoro, gatinho.

gostosudape@yahoo.com




ver comentários

Aviso:

Todos os comentários aqui exibidos são de inteira responsabilidade do comentarista. O site Clímax Contos Eróticos deixa claro nas suas normas que manifestações de pedofilia, racismo ou de qualquer outro teor ilícito serão banidas, assim como seus autores. Publicações ou comentários ofensivos aos demais membros poderão ser removidos.

Faça um comentário:



Sua nota para este texto:

Quero receber email sobre novos comentários.