"Os mais excitantes contos eróticos"

 

UM PRESENTE PRO MEU TIO PREFERIDO... PAR


autor: Pri97
publicado em: 05/06/17
categoria: hetero
leituras: 6142
ver notas


UM PRESENTE PRO MEU TIO PREFERIDO... PARTE 1

Primeiramente gostaria de falar sobre mim: meu nome é Priscila, tenho 20 anos e como muitos me dizem, sou uma delicinha…rs. Fisicamente eu tenho apenas 1,66 metros de altura e peso 51,3 kilos. A parte que eu acho que mais atrai os homens é minha bundinha pois eu sei que olham bastante mas também meu seios não deixam a desejar.

Fui passar as férias na praia com minha prima e seus pais. Era meu tio preferido, quando criança, ele sempre brincava comigo. Ele era como um segundo pai pra mim. Mas desde meus 14 anos que eu não via mais ele pois ele estava morando fora a trabalho.

Eu e minha prima descemos antes para praia e os pais delas só chegariam de madrugada. Como também chegamos a noite e estavamos cansadas, só conversamos um pouco e fomos dormir. No verão sempre durmo com um pijaminha bem leve, um shortzinho que tampa levemente minha bundinha e uma camiseta que marca meus seios por causa do tecido e também porque não durmo de sutiã.

Acordei cedo e como não tinha ninguem acordado desci assim mesmo para beber uma agua mas como fiquei mexendo no meu celular nem vi o tempo passar que foi quando meu tio veio pra cozinha também! Na hora nem me toquei que estava só de pijaminha, fui dar uma abraço gostoso nele, ai ele segurou na minha cintura me olhou dos pés a cabeça e falou: Como voce cresceu Pri. Foi essa "secada" que ele me deu que eu lembrei que estava só de pijama e falei timidamente desculpa não tinha ninguem aqui vou me trocar. Ele só sorriu e como se tivesse me comendo com os olhos disse que não precisava. E quando eu estava subindo para meu quarto eu olhei pra ele e adivinha, ele estava olhando pra minha bundinha na hora ele desviou o olhar e ficou sem graça.

Confesso que na hora eu fiquei sem jeito mas eu adoroo provocar os homens (risos) e resolvi entrar na brincadeira. Depois que todo mundo tomou cafe era hora da praia, coloquei meu biquini, um shortinho e desci só com a parte de cima mostrando minha barriguinha. Meu tio pirou rsrs.

Chegando na praia, colocamos o guarda sol as cadeiras e mal sentamos minha tia e minha prima quiseram ir andar. Meu tio brincou que elas gostam de andar até o fim da praia e falou que não ia haha. Era minha deixa, falei que não também pq ia tomar sol.

Depois que elas se afastaram, fui quase na frente dele pra tirar meu shortzinho enquanto eu puxava meu shorzinho eu deixava minha bundinha toda pra ele ver e percebia que ele tentava disfarçar mas tava louco pra olhar rs. Ah mas eu queria pegar ele no flagra então eu apelei, peguei a canga pra deitar, me ajolhei em cima de uma ponta e fui me inclinando lentamente pra esticar a tanga ficando literalmente de quatro pro meu tio com a bundinha toda empinadinha. Qdo virei pra falar com ele, nao deu outra haha, ele estava hipnotizado pela minha bundinha o que me deixou muito excitada rs:

- Tio, pode passar protetor nas minhas costas?

- Claro. E engoliu seco pq percebeu que eu vi claramente que ele estava me secando.

Quando ele terminou de passar eu ainda completei:

– ai tio, será que você não pode passar nas minhas pernas também?

Elecomeçou a passar protetor nas minhas pernas bem devagar parecia que estava aproveitando, começou a subir em direção as minhas coxas e perguntou se era pra passar em tudo. Com meu sinal de ok, ele passou protetor na minha bundinha mais do que devia rs e pra finalizar ele brincou e deu um tapinha nela e disse:

– Pronto!

Nisso as duas chegaram da caminhada e como era por volta das 4 horas da tarde, resolvemos voltar pois precisava fazer compras pra janta. Depois do jantar, eu e minha prima que também era bem safada iamos na casa de uns amigos dela. Fui com um shortzinho branco e uma blusinha amarela mas nada demais só que mesmo assim meu tio me deu uma bela de uma secada rs. Resumindo a noite, minha prima deu pra um carinha e eu também rsrs mas isso fica para uma outra historia.

No dia seguinte ele me secava cada vez mais e mesmo tendo dado gostoso no dia anterior eu ficava cada vez mais excitada com a situação.Passei o dia inteiro provocando ele e sempre que pegava ele olhando pra minha bundinha eu me excitava mais ainda.

Quando chegou a noite, minha prima já estava capotada pois ela não estava se sentindo bem. Sorte que minha tia também não costuma dormir tarde. Logo que acabou a novela minha tia falou que ia dormr e meu tio respondeu um pouco de brilhar. Eu desci um pouco depois que ele e fui ver ele jogar.

- você quer jogar?

– eu não sei jogar não…

– se você quiser jogar, eu ensino.

Inicialmente ele me ensinou como segurava o taco e a posição que eu deixava a mão, quando fui tentar errei propositalmente na espera dele vir atrás de mim para me “ensinar” melhor. Não deu outra, ele veio por trás quase que me encoxando, segurou por cima da minha mão que estava segurando o taco e com a outra ajeitou a minha outra mão para apoiar o taco… estava pronto para dar a tacada:

– agora tenho que mirar?

– isso…

Me abaixei mais, empinei minha bundinha e pude sentir o volume do seu pau roçando na minha bundinha… Dei a tacada enquanto ele se afastava de mim meio sem jeito.

– Sua vez agora tio

A partir dali, não precisei mais de ajuda mas provocava a cada jogava ao empinar minha bundinha e só imaginando o que iria acontecer. Foi quando ele fez uma jogada de costa ai eu reclamei.

– Assim não vale, você não me ensinou. Pode me ensinar!

Ai foi como a primeira vez mas dessa vez eu estava de frente pra ele, quando ele encostou perto de mim, ele me olhou e eu dei um beijo na boca dele… ele afastou assustado e disse o que é isso??? Fui no ouvido dele e falei baixinho:

– um presente…

Ele ficou imóvel, comecei a beijar ele…Eu estava muito excitada, mal começamos nos beijar e eu comecei a acariciar o pau dele...tirei a camiseta dele e fui beijando seu pescoço, seu peitoral e fui descendo bem devagarzinho e nunca parava de acaraciar o pau duro dele. Coloquei o pau dele pra fora e vi o quanto ele também tava excitado pq o pau dele tava todo melado rsrs.

Ah, esqueci de comentar mas chupar pau é uma das coisas que eu faço de melhor viu? risos

Lambi bem devargazinho a boquinha do penis dele, limpando toda a babinha que tava escorrendo e já foi suficiente pra tirar um gemido do meu tio. Comecei a dar voltas com a minha lingua na cabecinha e lentamente eu fui e engoli só a cabecinha, e fiquei chupando ela até eu perceber que meu tio não estivesse mais aguentado de tesão. Foi ai que de uma vez só eu engoli até o talo rsrs e ele deu outra gemida mais forte dessa vez.

Mas não queria fazer ele gozar agora não, tirei o pau da boca e comecei a lamber o saco dele as bolas e depois fui subindo com minha lingua mas bem devagar pelo pau dele e ficava olhando pra ele ( que sei que voces adoram quando a gente chupa e fica olhando né?). Percebi que ele não ia aguentar muito tempo então voltei a chupar bem gostoso mas agora só um pouco mais fundo que a cabecinha e quando ele começou a gozar eu novamente engoli o pau dele inteiro na minha boquinha e esperei amolecer.

Quando ele terminou, enquanto olhava pra ele com cara de puta eu tirava o pau da minha boca, mostrei toda a porra dele dentro da minha boca e engoli e dei um sorrisinho! (adoro engolir rs).

– Gostou? E dei um risinho.

Levantei a bermuda dele, dei um beijo na bochecha dele e falei de nada. Subi e fui dormir…

Espero que vocês gostem desse meu relato, e como podem ver, não ficou só nesse presente…

Se gostaram podem me mandar e-mail pri97.biomed@gmail.com

beijinhos



ver comentários

Aviso:

Todos os comentários aqui exibidos são de inteira responsabilidade do comentarista. O site Clímax Contos Eróticos deixa claro nas suas normas que manifestações de pedofilia, racismo ou de qualquer outro teor ilícito serão banidas, assim como seus autores. Publicações ou comentários ofensivos aos demais membros poderão ser removidos.

Faça um comentário:



Sua nota para este texto:

Quero receber email sobre novos comentários.