"Os mais excitantes contos eróticos"

 

Punheta no Trabalho III - Secretaria


autor: Mayers
publicado em: 12/06/17
categoria: hetero
leituras: 1299
ver notas


Boa tarde Leitores e leitoras, segue aqui continuação do conto real, punheta no trabalho, agora com a promoção.

Então...cheguei eu ás 6 da manhã na empresa, vesti minha melhor calça, camisa, sapato, fiz o melhor penteado possível, ao entrar tinha uma vasta mesa de café da manha pronta e lá no fundo na sala de reunião vozes e gargalhadas, fui me aproximando, cheguei na porta e bati, pedi licença e entrei. Estava os diretores da empresa e sua assistente, minha chefe e mais uma mulher de uma outra filial no qual iria assumir o lugar da minha chefe.

Fui recepcionado com um belo bom dia, as mulheres sorridentes, os homens de terno e gravata bem simpáticos, me senti a vontade.

Sr Douglas então disse: "É esse o seu menino?" Perguntou para a Claudia que desta vez vestia um vestido preto básico com um generoso decote.

Ela então sorridente e olhando para mim com um olhar perverso disse: "Sim senhor Douglas, esse é o meu garotão, meu assistente perfeito." Eu apenas sorri envergonhado, deu bom dia e o senhor Douglas disse: "Pode se sentar, fica a vontade." E logo emendou: "Então Claudia, conte-me tudo dele e não me esconda nada, afinal ele esta preste a ser promovido para um cargo de suma importância."

Ela então disse que eu era muito dedicada a ela, atencioso, fiel, escudeiro, que além dos eixos profissionais éramos amigos e isso ajudava muito no trabalho, enfim. Mostrou minhas últimas planilhas a ele e após alguns minutos analisando os meus resultados de baixar custos para a empresa e ainda manter o padrão, ele olhou para mim e disse: "Fechado, Marco, a partir de hoje você é assistente pessoal da mais nova Gerente Geral da empresa, Sra. Claudia." ela bateu palmas, todos rimos, eu agradeci muito e ela piscou para mim com um ar de alegria e safadeza ao mesmo tempo.

Ao sair da sala, fomos tomar café e comer a delicias ali preparada. Já era quase 7 horas da manha quando os outros funcionários iam chegando, pois no dia anterior foram avisados de chegarem uma hora mais cedo.

O Sr Douglas então fez um breve discurso e anunciou a Claudinha como nova Gerente Geral da empresa, anunciou a Sandra como nova Gerente do setor de Orçamentos/Custos da empresa e me anunciou como Assistente Pessoa da Claudinha. Todos alegres e felizes, cada um voltou a seu trabalho, como a Sandra ainda iria assumir daqui uma semana, eu e a Claudinha ainda ficamos ali para fazer o processo de transição para a Sandra, foi uma semana que eu voltei a bater punheta no banheiro da empresa.

Com a minha promoção eu estava muito feliz e por isso meu cargo estava ficando em aberto dentro da empresa. Como a empresa prefere remanejar alguém que já esteja dentro da empresa, eu sabia que alguém iria se candidatar. Passou o horário do almoço, voltei do almoço e fui até o setor de RH para ver se alguém tinha já se candidatado para a minha vaga e eis a surpresa, a secretaria da empresa tinha se candidatado. Eu nunca falei nada, mas ela era muito linda, uma morena de cabelo compridos, bunda maravilhosamente perfeita, peitos médios mais bem durinhos e uma boca com um olhar fatal.

O nome dela é Luíza. Pouco falava com ela, mas depois que sai do RH, encontrei ela no corredor, ela me olhou como nunca tinha me olhado antes e disse: "uhmmm, cargo novo, parabéns." Eu então agradeci e aproveitei e disse que vi que ela tinha se candidatado. Ela então fala: "Sim, por que, algum problema?" Eu disse que não, mas que quem indicaria seria a Claudia. Ela sabendo que a Claudia não ia muito com a cara dela disse: " Serio, poxa a Claudia não vai me indicar, a gente não se bica aqui na empresa." Foi onde tive uma deliciosa ideia.

Falei assim: - Bem, vamos ver o que eu consigo. E sai dando uma risadinha para a Luíza.

No meio da tarde, quando o Sr Douglas, a Claudinha e a Sandra já tinha saído mais cedo, chamei a Luíza na minha sala e perguntei o quanto ela queria essa vaga, ela disse que muito, que ouviu falar que o salario é o triplo do dela e que sempre precisou pois as coisas na vida dela nunca foi fácil e o marido trabalhava como vendedor e as vendas tinha caído muito. Então eu aproveitei o presença dela na minha sala, disse para ela que estaria disposto a ensiná-la a minha função e até convencer Claudia a indica-la. Ela então me olhou com um olhar fulminante e disse: "Ótimo Marquinho, super quero aprender e se você puder me ajudar, nem sei como vou poder te agradecer"

Falei para ela que eu iria ficar apenas um ou dois dias por mês ali naquela filial e que eu iria viajar bastante, então eu falei: Tem uma forma de você me agradecer, mas não sei se você vai topar. Ela então ficou em silencio, me olhou e perguntou: "como?" e eu então disse: Sempre te olhei e te admirei e sempre preferi as mulheres mais velhas.

Ela então, riu e logo fez uma cara de estranheza e disse que era loucura, e saiu em reta pra o seu posto de trabalho.

Fechei tudo e fui embora.

No meio da noite, por volta de umas 20 horas meu celular toca, era a Luiza dizendo:

"Oi Marco, tudo bem? Seguinte, pensei melhor e eu tô precisando muito dessa vaga. O que você tem a me propor?"

Logo disse: bem, para você estar me ligando a essa hora seu marido não esta em casa certo? Ele vai demorar, ela disse sim, pois tinha ido jogar futebol. Então eu disse, primeiro de tudo, você é uma mulher muito gostosa, deliciosa, sempre te olhei te querendo, quero umas fotos bem gostosas suas peladinha amanhã. Ela disse que não tinha como e que não iria fazer e eu respondi tudo bem, nem vou comentar com a Claudia... ela então concordou e no dia seguinte as 8 horas lá estava ela na minha sala com uma maquina digital e as fotos.. Uma mais linda e deliciosa que a outra. Complementei, sempre bati punheta pensando em você sua gostosa. Ela então sorriu e saiu.

Minutos antes do almoço perguntei onde ela iria almoçar, ela então disse que não sabia, eu então convidei ela para pedirmos um lanche e almoçarmos na empresa mesma, ela topou, fui então me certificar de que poucas pessoas ficaram na empresa, quase ninguém ficou. Claudia estava muito ocupada com a Sandra e com o Sr Douglas, iria ser assim a semana toda.

Então, ao ir almoçar com a Luiza, meu pau já estava duro lembrando das fotos dela, ela tinha 28 anos e era muito deliciosa.

Fui bem ao ponto. Pra chegar onde cheguei Luiza, passei por varias coisas, fiz horas extras, refiz o meu trabalho varia vezes a fim de ficar melhor e mais produtivo. E por isso fui promovido com apenas 17 anos, quando eu falei isso ela riu, e disse: "nossa que novinho." Eu então respondi: - é, mas é esse novinho aqui que vai te dar a vaga que você precisa. Então se você mesmo quer essa vaga terá que também fazer algumas coisas, pois estou aqui neste empresa a quase 2 anos e sabemos que ninguém aqui consegue as coisas somente por merecer, sempre rola umas combinações.
Foi ai que ela disse: "Ah isso é verdade, no mês passado a fulana(outra secretaria) conseguiu a vaga de RH por já vem a 5 meses dando para o Fulano(gerente de RH da empresa), ela me conta tudo"
É exatamente disso que estou falando - Falei pertinho do ouvido dela dando uma lambidinha.
Ela então se esquivou e disse para eu parar que tinha ficado arrepiada, e eu disse: arrepio depois dos 15 já é tesão, então a gente riu e disse, linda aquelas fotos, ah se eu pudesse ver ao vivo. Foi então que ela falou se eu estava falando serio, pois ela já era muito mais velha que eu e perguntou se eu realmente me interessava por mulheres mais velhas. Eu disse sim..com toda certeza possível. Ela então disse: Ta mas e ai qual o seu plano?
Eu disse que ainda iria verificar e falaria com ela. Ela então disse, vou esperar, pois todo esse papo me deixa excitada, sexo no trabalho!

Terminamos o almoço, foi cada um para o seu lado. Logo voltei a recepção devolvendo a câmera para ela e disse, salvei todas as fotos, e agora vou no banheiro gozar gostoso para você, ela então disse, goza na minha boca e ali mesmo meu pau quase gozou.
Fiz questão de ir no banheiro da recepção, logo sai olhando para ela, vi sua cara de safada, logo o telefone toca e ela diz: Toda molhada aqui seu safado e desliga.

Meu pau fica duro de novo e eu volto a ligar. Molhadinha é? meu pau bem duro aqui de novo..louco para entrar em você todinha sua safadinha.. Nisso chega na minha sala a Claudinha.. e disse: "Como assim? que tipo de conversa é essa?? Deixa isso para depois preciso de 2 planilhas do setor operacional agora." Eu digo, é para já. ela então senta do meu lado e diz, pensei que essas conversas eram só Comigo Sr Marco. Eu disse, em breve vou ser todo, todinho seu, e que estaria poucas vezes nesse filial a partir de hoje, pedi para ela deixar eu aproveitar a Luiza. Ela então disse: A "Luiza? Duvido você conseguir algo com ela." Eu disse, bem aqui estão as planilhas, ela virou e saiu dizendo: "Safadinho, depois que quero saber tudo"

Comecei então a esquematizar um jeito de ficar com a Luiza, todos os dias a gene trocava palavras de safadeza, insinuações, mas tudo bem discreto. Chegando o fim de semana e na sexta feira todos saem mais cedo, saem as 17:00, porem sempre fica um ou outro para finalizar as coisas e então liguei para a Luiza e disse: - Luiza, o que você acha de na sexta a gente colocar em pratica toda essa provocação, eu vou ficar até mais tarde já que é o último dia da semana. Eu digo a Claudia que pedi você para me ajudar., ela todo insegura mais com vontade ficou retrucando mas aceitou, avisou em casa que na sexta iria chegar mais tarde, e sexta estava ela, linda, mais linda e gostosa do que nos outros dias. Bem maquiada, cheirosa... Ao chegar eu já notei que hoje seria um final de tarde muito gostoso, e para minha surpresa, na minha mesa tinha um bilhete escrito: "não quero apenas saber, quero ver também." Assustado, fui até a sala da Claudinha, ela estava sozinha e disse: Como? Aproveitei para dar um beijo nela e receber uma pegada no meu pau. Como assim você quer ver? Ela então disse: Eu sei que ela se candidatou a sua vaga, ela já esta na vaga, mas quero ver. Então eu disse só se for escondia, por que para u conseguir aquilo já tinha sido um trabalho entanto e no trabalho então. Ela disse tudo bem.

Foi chegando o final da tarde, alguns já tinha ido embora, outros ainda ficaram ali e eu então iniciei, levei algumas pastas para a recepção e pedi para Luiza me ajudar, pedi para ela encontrar alguma coisa muito fácil e levar até a minha sala, logo depois Luiza vem, entrada na sala, senta ao meu lado e diz, achei, era isso que queria. Ela percebendo que a Claudinha ainda estava na empresa, logo levantou e quis ir, e eu disse: Não vai, você quer essa vaga né? Então vai ter que ser do meu jeito e do jeito de mais alguém, o da Claudinha. Ela então ficou muito assustada, liguei para Claudinha e disse que iria ser agora, em 2 segundos chegou na minha sala, eu estava ali na minha sala com 2 mulheres super gostosas.

Claudinha disse para todos irmos até a sua sala, ao entrar na sala, ela já foi falando para Luiza: "Você sabia que esse muleque bate punheta aqui na empresa pensando em mim e em você?" Ela apenas riu. Você sabia que ele tá afim de te pegar né e te dar a vaga dele né?

Claudinha serviu então 3 bebidas, e disse relaxa Luiza, o Marquinho vai cuidar bem de você e vai ser aqui e agora.

Então Claudia veio por trás de Luiza e a fez uma massagem e eu fui beijando Luiza na boca, no pescoço, na orelha até ver que ela estava totalmente no clima, então Claudinha saiu de cena e sentou no canto da sala onde estava mais escuro, e eu e a Luiz ali, nas cadeiras em frente a mesa de Claudia. Luiza entrou sim no clima, começou e retribuir bem os beijos e amasso, tirei minha camisa, e ela tirou todo o seu vestidinho preto colado, ficou apenas de calcinha e sutiã. agarrei ela, tirei seu sutiã, chupei os seus deliciosos peitos, sua barriga, virei ela de costas para mim, tirei sua calcinha, coloquei uma das pernas sobre a cadeira e comecei a chupá-la deliciosamente, chupei o cuzinho e a buceta dela ela já gemia e apertava os peitos. Sua buceta foi se ensopando com a minha boca e com o tesão. Ela então se virou tirou minha calça, se ajoelhou e iniciou um chupada deliciosa no meu pau, engolia tudo, e babava ele todinho, eu apertava o cabelo dela, e ela chupava tudo... não aguentando mais, gozei na boca dela.. e para minha surpresa, tudo engolido. Então ela se levantou e disse que queria mais e foi me beijando, meu pau, logo depois já duro de novo, ela volta a chupar e logo se debruça e cima da mesa de Claudinha e diz: "Mete gostoso na minha buceta" Foi quando apareceu a Claudia e disse: "Vai Marco, fode ela toda, mostra para ela" então Claudia abriu a bunda dela, o que facilitou a metida, e ai fiquei por muito tempo metendo na bucete da Luiza. Tentava tocar na Claudinha e ela não deixava e dizia, fode a Luiza, fode essa vagabunda.

Logo, Claudinha ordenou que eu deitasse no chão e mandou Luiza sentar no meu pau e cavalgar, então Luiza veio rápido, sentou em cima de mim, e rebolava a buceta, eu chupava os seus peitos, e segurava na sua cintura fazendo o meu pau entrar ainda mais dentro dela, Luiz gemia eu urava de tesão e Claudinha dizia, isso, tá gostoso pra vocês dois? Ela tem a buceta melhor que a minha Marquinho? Esta gostando do meu pau Luiza?
E isso nos dava mais tesão, Luiz pediu tapas na cara. E na bunda, enquanto eu dava na cara, Claudinha dava tapas na bunda dela.

Então Claudinha agora ordenou que Luiza ficasse de 4 no chão e eu aproveitei e fui pra cima de Luiza, comer a buceta dela.

Claudia tirou a saia, deitou em frente a Luiza, pegou no cabelo dela e a fez chupar a sua buceta e disse, mete Marco, acaba com ela. E eu ali, metendo em ritmo forte, e rápido. Logo Claudinha gozou com a boca de Luiza, e então Claudia foi beijando a boca de Luiza e dizendo, vai tomar no cuzinho também. Então Luiza me fez parar, apontou o meu pau para o cuzinho dela e forçou até entrar o meu pau. Eu berrava de tesão, cuzinho delicioso, apertadinho.. enquanto eu comia o cuzinho dela, Claudia vinha pelo laco com a mão a masturbada Luiza, não demorou muito e ela gozou se tremendo toda.. e gemendo igual uma puta.

Então eu e Claudinha levantamos, Claudinha levantou a Luiza e as duas ficaram ali de joelhos e Claudinha bateu uma punheta para mim, beijava a Luiza e me punhetiava, até que gozei na cara das duas.

Ficamos ali por algum tempo, tomamos água, nos beijamos as vezes os 3 juntos, então Claudia perguntou: gostou Marquinho, eu nem respondi. E Luiza? Ela disse: Nossa que loucura isso tudo, não sabia o quanto era bom saber sexo no trabalho e questionou a atitude da Claudinha em beijá-la e ser chupada por ela. Claudinha então disse: Sexo é sexo, o importante é gozar.
Então disse ainda: Você quer o cargo né? Ele é seu, mas o seu Douglas vai conversar certinho com você. Ou seja, que bom que ela tinha gostado do sexo no trabalho, por que para se manter no cargo iria dar muito para o seu Douglas ao logo da carreira.

Nos vestimos, nos limpamos e fomos embora. Na segunda eu estava de folga sóvoltei no dia seguinte para pegar minhas coisas na sala e já estava tudo normal. Luiza como Orçamentaria, Sandra como gerente de orçamentos, o seu Douglas conversando com Luiza, eu e a Claudinha saindo da empresa para irmos a nossa primeira viagem.


Empresa deliciosa de se trabalhar.



ver comentários

Aviso:

Todos os comentários aqui exibidos são de inteira responsabilidade do comentarista. O site Clímax Contos Eróticos deixa claro nas suas normas que manifestações de pedofilia, racismo ou de qualquer outro teor ilícito serão banidas, assim como seus autores. Publicações ou comentários ofensivos aos demais membros poderão ser removidos.

Faça um comentário:



Sua nota para este texto:

Quero receber email sobre novos comentários.