"Os mais excitantes contos eróticos"

 

Ela me adicionou ...


autor: remistasecreto
publicado em: 07/09/15
categoria: romance
leituras: 2101
ver notas


Gente, boa tarde! até um tempo atrás estava numa relação de seis anos, casado a dois. Sempre fui um marido dedicado, trabalhador, não era santo, mas também não era de sexo casual, prova disso é que depois de ter casado só havia saído com duas pessoas, mas depois n]ao quis mais, pois pra mim não compensou, foi algo mais de carne, minha relação foi perdendo a graça, o sentimento foi embora por conta de eu ter parado de sonhar, não cresci mais e nem ela. O sentimento possessivo acabou com tudo, nem vida social mais eu tinha. Tentamos salvar nosso casamento com uma bela viagem ao litoral do Pará, mas mesmo assim a coisa não fluiu. No dia que retornamos a Belém eis que eu recebo um convite no Facebook, era de Paula Rafaela,de início achei estranho, afinal nunca a vi e nem ela a mim, e também achei que poderia ser uma cilada pra ser pego num flagrante. Mas resolvi encarar a situação, aceitei o convite e começamos a conversar. Pedi o número dela, liguei e falamos bastante, ela me disse que era casada e tinha uma filha, mas que o seu marido não notava sua presença, a ignorava, tratava mal. Lhe falei sobre minha situação, que meu casamento estava em ruínas, prestes a terminar, então resolvemos marcar de nos conhecermos já no outro dia.
Eu confesso que fique receoso e estava com medo, mas encarei o desafio, pra minha sorte, quando ela chega, meu coração disparou, afinal tratava-se de uma belíssima dama com cheiro suave, pele chamativa, cabelos longos e lisos, uma bundinha bem empinadinha, olhos castanhos, enfim ela preenchia todos os quesitos de uma mulher perfeita. Entramos no táxi, fomos ao motel, chegando lá conversamos um pouco e fomos ficando mais a vontade, ela foi tomando conta da situação, aquilo era novo pra mim, ela me beijou, olhava em meus olhos, tirou minha calça, pois se dizia curiosa pra ver meu pau, quando o viu ficou sorrindo, acariciou, mas não chupou, ela disse "ainda não, venha pra cama!", aí eu fui, ela tirou a roupa, chupei sua buceta quente e molhada, depois com uma ansiedade e vontade tremenda me pediu pra por a camisinha e não perder tempo em comê-la, Comecei a socar com vontade, e o que percebi foi que Rafaela era uma mulher muito mal comida, precisava mesmo ser amada e desejada, nossa! teve um momento em que ela disse em meus ouvidos "quer me pegar de 4? me pega de 4 por favor! um pedido desses não se nega, eu a comi desse jeito que pediu, puxava seus cabelos, batia em sua bunda, e vi uma mulher se libertando para o amor, eu também me libertei junto, afinal não sentia isso há muito tempo, pois era casado com uma paranoica. Ela me surpreendeu mais ainda quando pegou meu pau, e enfiou tudo em seu cuzinho, ela socou de um jeito que acabou comigo, cavalgava, sentava com vontade, depois ficou de quatro e disse "soca sem pena, ele agora é só seu, se fizer direitinho nem pro meu marido eu libero mais!", eu fui com tudo, praticamente arrombei aquela morena linda. Em seguida tirou minha camisinha, e começou a chupar meu pau, e foi o melhor boquete que já tive, ela melava, lambuzava tudo, até que gozei na boquinha dela.
Conversamos bastante, ela me confessou que há muito tempo não vivia isso, não curtia sexo casual e que queria mais. A partir de então estamos vivendo um belo romance, meu casamento acabou mesmo, o dela está mais que na UTI, só permanece por causa da filha, mas já me confessou que não se importa se um dia nos descobrirem. Lembro que na nossa segunda vez, uma semana depois, ela me mandou uma mensagem bem cedo dizendo que o marido tinha saído pra pescar, então eu disse: "já que ele foi pescar, deixa que eu cuido da sereia que ele não quer", nossa sintonia é tamanha que já estamos transando sem camisinha, o que só apimenta ainda mais nossos desejos, amo estar com ela, estamos nos amando e não pretendemos parar por aqui. Espero que tenham gostado, pretendo postar mais coisas sobre meu grande romance com Paula Rafaela.



ver comentários

Aviso:

Todos os comentários aqui exibidos são de inteira responsabilidade do comentarista. O site Clímax Contos Eróticos deixa claro nas suas normas que manifestações de pedofilia, racismo ou de qualquer outro teor ilícito serão banidas, assim como seus autores. Publicações ou comentários ofensivos aos demais membros poderão ser removidos.

Faça um comentário:



Sua nota para este texto:

Quero receber email sobre novos comentários.