"Os mais excitantes contos eróticos"

 

A prima e o travesseiro


autor: Raskolnikov
publicado em: 27/07/17
categoria: hetero
leituras: 2798
ver notas


Oi a todos e todas, meu nome é Fernando e vou relatar algo aqui que é o desejo de muitos homens e mulheres, principalmente na adolescência, se relacionar com a prima. Hoje tenho 29 anos, mas tudo aconteceu quando eu e Camila tínhamos 17 ambos. Cresci junto com ela, quase vizinhos convivamos com os mesmos amigos, íamos na mesma escola e até mesmo nos divertíamos juntos, passamos a infância e adoles... cência jogando vídeo game um na casa do outro e até mesmo posando juntos. Hoje Camila é casada mas ambos lembramos de como era gostoso todo aquele tempo. Hoje Camila é diferente do que era naqueles tempos, continua bonita mas quando tudo começou Camila era baixinha, tinha 1m55, corpinho lindo, não era magrinha, tinha aquelas gordurinhas na cintura que eu adorava, seios médios pra grande e bumbum médio, mas o que eu gostava mesmo eram dos seus longos cabelos castanhos ondulados com uma enorme franja na testa e do seu lindo sorriso. Me acostumei a ver ela usando pijaminhas curtos que apareciam a polpa da bundinha e blusinhas de alça, tinha dias que ela passava o dia todo assim em casa comigo ou eu na casa dela jogando vídeo game, e eu por outro lado sempre de bermuda e sem camisa. Até com o passar do tempo as coisas começaram a esquentar naturalmente acredito eu que por força dos hormônios e puro tesão, certo dia começamos a conversar sobre sexo jogando vídeo game:


- Primo você fez sexo com aquela namorada sua do ano passado?


- Fiz sim Cami, foi a minha primeira vez inclusive, primeira, segunda, terceira até que terminamos rsrss bons tempos.


- Ah eu te pergunto é porque você sabe, nunca fiz nem com meu ex apesar de ele querer muito e eu também, mas não me senti segura, as meninas da escola vivem falando pra eu fazer mas não coragem.


- Tá perdendo tempo prima, é uma das melhores sensações do mundo.


-Ah isso eu imagino até porque eu brinco sozinha a pelo menos uns 3 anos


-Sério? nunca imaginei que você fizesse isso.


-Deixa de ser besta, toda menina faz.


-Eu sei disso, mas você só de imaginar ai ai ai ai se não fosse minha prima.


-Ai não seja idiota, somos parentes, mas se não fossemos ...


-Eu aceitaria.


-Eu também.


Eu gosto de ver vídeos de mulheres sem masturbando já que estamos falando nisso.


-Será que elas fazem igual eu?


-Não sei nunca te vi, me mostra.


-Só se você fizer comigo ao mesmo tempo, você começa então, mas anda logo que daqui meia hora a mamãe volta.


Comecei a punhetar por dentro da calça olhando minha prima começar a se morder e ficar acariciando por baixo do short, notei que ela começava lentamente por cima da calcinha, depois ela puxou o short pro lado com a calcinha e pela primeira vez vi aquela bucetinha branquinha depilada e ela se tocando gostoso, era lindo ver aquela bucetinha melando ela sentindo seu gostinho me olhando, meu pau que sempre mantive depiladinho latejava de tesão, cheguei pertinho dela e trocamos um beijo enquanto ambos nos tínhamos uma explosão de prazer, não durou muito até gozamos muito intensamente e caímos no chão rindo e loucos de vergonha um do outro:


-Primo por favor não conta pra ninguém isso, somos loucos rsrsrsrs


Logo minha tia chegou, sorte que arrumamos e limpamos a pequena baguncinha e ainda espirramos um perfume pra sair o cheiro de sexo (que não era sexo), no outro dia a minha tia novamente quando minha tia foi trabalhar fui a casa da Camila e disse:


-Prima eu quero te ensinar uma coisa


-Ah não primo, o máximo que vai acontecer é brincarmos igual ontem, sexo eu não faço porque somos primos e porque quero que minha primeira vez seja com um namorado.


-POr mim nada haver sermos primos pra sexo, mas eu vou respeitar, mas é isso que eu queria dizer, eu vi um vídeo de uma menina se masturbando com o travesseiro já ouviu falar ou já fez assim?


-Nossa mas é impossível, nunca nenhuma amiga me falou nem eu vi em vídeos como é?


-(peguei o travesseiro do quarto dela) é assim só que precisa tirar o short e calcinha não pra ficar igual ontem.


-Aff mas eu vou ter vergonha agora, sério, me ensina que eu faço sozinha depois te conto.


-Tá pode ser. Então você pega, prender ele entre as pernas e fica se esfregando, ou simplesmente sobre nele e fica se esfregando e sentindo como se tivesse um pau embaixo, quer tentar?


-Tá eu vou tentar, mas depois sozinha, enquanto isso vamos repetir igual ontem?


-Vamos, Beijo pode?


-Pode, vem.


Começamos a nos beijar e novamente eu punhetando e ela se masturbando até gozar novamente. No outro dia eu já tinha esquecido do travesseiro até que ela no mesmo horário que eu ia na casa dela me deu um abraço um beijo e agradeceu, segundo a Cami foi a melhor gozada que ela deu na vida, depois disso ela passou a se masturbar direto com travesseiro e almofada, tanto que no aniversário presenteei ela uma almofada, ninguém entendeu, apenas nós! O tempo passou e continuamos a brincar juntos sempre que podíamos, pena que nunca rolou penetração, ou rolou? deixo em aberto! mas o travesseiro sempre vai ficar na minha memória.


SE VOCÊ GOSTOU DO CONTO E QUER SE CORRESPONDER, ESCREVA PARA: escritordecontos80@yahoo.com



ver comentários

Aviso:

Todos os comentários aqui exibidos são de inteira responsabilidade do comentarista. O site Clímax Contos Eróticos deixa claro nas suas normas que manifestações de pedofilia, racismo ou de qualquer outro teor ilícito serão banidas, assim como seus autores. Publicações ou comentários ofensivos aos demais membros poderão ser removidos.

Faça um comentário:



Sua nota para este texto:

Quero receber email sobre novos comentários.