"Os mais excitantes contos eróticos"

 

Minha lindinha II


autor: adriano.master
publicado em: 26/08/17
categoria: incesto
leituras: 1250
ver notas


Ela me liga e diz que esta me esperando no quarto usando um vestidinho preto, sem sutiã e sem calcinha. Termino o que estava fazendo e me dirijo pra casa. Corro para o seu quarto. Ela me espera com os cabelos soltos, sorriso sapeca, olhos verdes brilhando, deitada de barriga pra cima com as pernas abertas, mostrando a buceta lisinha como eu gostos.

Ela sorri e diz

_Vem Papai, ela tá bem meladinha, lisinha e palpitando.

_Delicia do Papai. Seguro sua mão e puxo. A abraço e sinto sua pela macia, o calor sob o seu vestido.

Nos beijamos e minhas mãos percorrem o seu corpo. Seios, costas, rabo grande e duro. Uma maravilha. A alça do vestido cai, revelando seus seios duros. Encho a boca, sugo, mamo, beijo, mordo.

_Me chupa Papai.

Abro sua pernas, sua buceta esta rosinha, como uma flor. Minha boca encontra o seu sabor de mel. Beijo cada pedacinho da xaninha. Beijo e continuo beijando de leve, beijando, beijando, beijando, beijando, beijando. Agora papai vai chupar de baixo pra cima, de baixo pra cima, de baixo pra cima. Sugar grelinho, sugar grelinho. Ela aperte as pernas em minha cabeça e começa a gemer gostoso. Pedindo pela minha boca.

Sugo a xaninha com imenso prazer. Sugo,sugo, chupo, lambo, lambo, lambo, lambo, sugo, chupo, enfio a língua profundamente dentro dela e tiro e enfio, tiro e enfio, tiro e enfio. Volto a beijar a xaninha. Minha menininha pede por um beijo na boca. Sugo a xaninha pra menininha sentir o gosto dela na boca do Papai. Ela me beija com desejo, vontade, tesão. Segura minha pika e a punheta, deixando mais dura e grossa.

Ela não resiste e diz

_Enfia essa pika na minha xaninha, agora.

Tiro o restante da roupa e me deito sobre ela. Encaixo a rola na entradinha da buceta e enfio. Delicia. Começo a fuder, fuder, enfiar pika na menininha, pika na xana. enfiar pika, enfiar pika, enfiar pika, vara, pau, cacete, rola, bem gostoso, pika na xaninha, pika na xaninha, rola quente na bucetinha.

_Papai vai enfiar e tirar, enfiar, e tirar, meter, fuder, fuder, fuder, fuder, socar, socar, socar.

Enfio a pika grosa e dura, a rola quente na bucetinha. Continuo a fuder com força, fuder, fuder, fuder, fuder. A socar, socar, socar, enfiar, meter, fudendo a minha putinha, putinha, putinha. Que delicia...

_Gostosa, gostosa, gostosa, gostosa...





_Isso vai fode papai como seu fosse tua puta, com força papai.

_Como se fosse? tu é minha puta, minha cadela, minha vagabunda, minha submissa. toma pika vagabunda, pika puta, pita cadela, pika vagabunda, v,a,g,a,b,u,n,d,a... vagabunda. Toma pika, toma pika, toma pika, toma pika, toma pika, toma pika, toma pika, toma pika...

Continuou a fuder, a beijar, a morder, a cheirar. Sentido seu corpo sob o meu. Seu olhar, me apaixona. Enfio a pika, seguro seu corpo junto a meu. A abraço como que não desejando me separar dela por um instante. Meu pau a penetra cada vez mais rápido. Socando, socando, socando, socando, socando.

_Enfia essa pika na minha buceta, vai mais forte, mais rápido.

Atendo o seu pedido. A seguro pelos ombros e coloco mais força na penetração. Enfio e tiro, enfio e tiro, enfio e tiro, enfio e tiro, enfio e tiro ,enfio e tiro, enfio e tiro, enfio e tiro, enfio e tiro, enfio e tiro, enfio e tiro.

_To gozando papai, isso soca, olha meu mel escorrendo.

Suas palavras me excitaram ainda mais. Soquei o pau, entrando e saindo, entrando e saindo, entrando e saindo. Que delicia de buceta e logo gozei junto com ela.







ver comentários

Aviso:

Todos os comentários aqui exibidos são de inteira responsabilidade do comentarista. O site Clímax Contos Eróticos deixa claro nas suas normas que manifestações de pedofilia, racismo ou de qualquer outro teor ilícito serão banidas, assim como seus autores. Publicações ou comentários ofensivos aos demais membros poderão ser removidos.

Faça um comentário:



Sua nota para este texto:

Quero receber email sobre novos comentários.