"Os mais excitantes contos eróticos"

 

Eu e os juízes do concurso


autor: bad2
publicado em: 11/09/17
categoria: hetero
leituras: 1974
ver notas


Meu nome é Gabriele, hoje tenho 17 anos, mas minhas aventuras começaram bem cedo, com 8 eu já sentia desejos e me insinuava para os homens, principalmente os bem mais velhos.

Minha vida fora estas taras é bem normal, tenho uma família muito boa com bom nível e por ser filha unica sou mimada e protegida pelos meus pais, que até bem pouco tempo nem desconfiavam dos meus desejos.

Sou loira, olhos claros e uma pele sedosa e um corpo magro, mas com uma bundinha bem redondinha e arrebitada e uns seios durinhos e rosados que adoro dar para os homens chuparem.

Como disse com 8 já comecei a me exibir e provocar os homens e o primeiro foi o caseiro de nosso sítio, um senhor de 45 que me ensinou muito do que sei hoje, mas que falarei depois em outro conto.

Hoje vou contar como minha mãe descobriu e aprendeu a ser safada como a sua doce filhinha.

Quando tinha treze morávamos em uma cidade de porte médio no interior de sp e eu por ser loirinha e bem bonita, chamava muito atenção e minha mãe acabou me incentivando a participar de um concurso que escolheria a musa da cidade.

Eu acabei concordando, a ideia de desfilar para várias pessoas me deixava excitada, saber que os homens ficariam olhando meu corpo e desejando me verem peladinha me incentivou muito então participei.

Foram várias etapas e eu estava adorando, nos camarins tínhamos que trocar de roupa bem rápido e as vezes alguns homens acabavam vendo a gente peladinha eu aproveitava para me mostrar e observar os olhares sedentos dos machos de plantão, me diverti muito com isto.

Para prova de biquínis escolhi um bem sensual que me deixava a impressão de estar sem nada, ele era clarinho e se confundia com minha pele além disto marcava bem a chaninha deixando transparecer o que havia por baixo, senti os olhares e me imaginei sendo chupada por todos homens que estavam presentes.

Neste dia foram escolhidas 10 meninas e eu fiquei entre as finalistas, com a etapa final seria na próxima semana minha mente má imaginou uma forma de tirar proveito deste concurso.Com eram cinco jurados eu falei para minha mãe que podíamos tentar conquistar pelo menos três deles assim eu ganharia com facilidade, ela no principio não entendeu como faríamos isto, mas eu convenci a convida-los para jantar já que papai estava viajando poderíamos ficar a vontade e eles poderia avaliar melhor minhas qualidades,rsssss.

Ela era muito inocente e nem imaginava o que eu planejava e como aquilo me deixava louca só de saber que situação deliciosa seria ficar a sós com três homens me admirando.Ela concordou e eu falei qual deles iriamos chamar, escolhi os mais velhos, entre 45 e 55 anos e eles aceitaram numa boa já que como eram de outra cidade estavam sozinhos na nossa e acharam que seria um jantar normal e não que só iam estar eu e mamãe para recebe-los.

Quando eles chegaram foram surpreendidos por saber que só nos duas iriamos acompanha-los, tudo foi muito formal no começo e mamãe estava nervosa porque nunca tinha ficado com três homens sem papai presente, mas correu tudo bem e depois começamos a falar de mim, da minha beleza e de meus talentos, pois sabia dançar e cantava muito bem. Eu fiz uma apresentação de dança e cantei para eles e senti que eles estavam se soltando e aproveitei para me aproximar mais e me insinuar de forma a deixarem eles mais a vontade ainda, ria de tudo que eles falavam e sentei no meio dos três e perguntei de inocentemente se eles achavam que eu tinha o corpo bonito, eles me encheram de elogios e eu fiquei com tesão imaginando aqueles homens maduros se aproveitando de mim, provoquei eles dizendo que achava meus seios pequenos demais e eles riram e me reprovaram falando que tinha o corpo perfeito pra idade.

Mamãe não entendia nada e olhava surpresa com minha desenvoltura, eu pedi para ela sair um momento e observar tudo de outro comodo, que iria fazer uma dança especial para os convidados.

Ela se afastou e eu fiquei bem pertinho deles e comecei a dançar sensualmente, levantado a saia e abaixando a blusa deixando partes do meu corpo a mostra, meus convidados não entendiam e também surpresos com minha atitude ficaram boquiabertos quando tirei um dos seios e coloquei bem pertinho da boca deles e manhosamente falei; olha que pequenininho que ele é... eles não aguentaram e um deles,o mais velho, um senhor de 50 com uma barriga enorme, colocou a boca no meu seio e chupou ele com gosto, eu gemi de tesão e senti a mão dos outros nas minhas coxas e subindo em direção a minha bucetinha, fiquei imaginando mamãe vendo a cena e me molhei todinha...rsss.

Em cinco minutos já estava peladinha e eles com os membros pra fora se oferecendo pra um boquete, o que fiz rapidamente chupando um de cada vez completamente ,chupei as bolas e lambi os pelinhos do sacos de cada um deles, o mais novo tinha uns 45 anos e era barrigudo também mas nem tanto quanto o mais velho ou outro um moreno da mesma idade já era mais magro e era bem peludo o que deixava tarada e quando sentei na barriga dele pra chupa-lo enquanto ele lambia meu cuzinho senti os pelos dele no meu corpo e fiquei mais louca ainda e pedi para o três gozarem gostoso no meu rosto,foi uma delicia, depois fiquei de quatro e um deles enfiou o pau bem gostoso na minha buceta enquanto eu chupava os outros dois, dei pros três várias vezes e eles me lambuzaram todinha, foram embora super satisfeitos me prometendo seus votos no concurso, mas eu pedi uma coisa a eles e eles cumpriram com o prometido.

Voltei para a onde estava minha mãe e encontrei ela toda desarrumada de tanto se masturbar a calcinha no joelhos e o seios pra fora, ela era uma linda mulher que naquele dia descobriu que a filha é uma safada e que se descobriu safada também, ela disse que ficou com muita vontade de estar no meu lugar, então começou a me lamber todinha me limpando do gozo dos machos, chupou meu grelinho e terminamos a noite abraçadas e se chupando e se conhecendo, eu fiquei super feliz e trouxe mamãe para ser minha cúmplice nas safadezas.

No dia do concurso reencontrei meus amigos e eles me comeram de novo, só com os olhos desta vez.
Eu fiquei em segundo lugar e mamãe não entendeu porque tinha perdido depois de ter feito o que fiz,mas eu contei pra ela que não queria ganhar e pedi para eles não votarem em mim, expliquei a mamãe que o que eu queria era uma boa aventura erótica que era tarada e adorava ser chupada e comida por homens mais velhos, e não perdia a chance de fazer acontecer,ela acabou entendendo e depois de alguns dias estava participando comigo.

Espero que tenham gostado, e a próxima vez contarei como toda esta minha safadeza começou.





ver comentários

Aviso:

Todos os comentários aqui exibidos são de inteira responsabilidade do comentarista. O site Clímax Contos Eróticos deixa claro nas suas normas que manifestações de pedofilia, racismo ou de qualquer outro teor ilícito serão banidas, assim como seus autores. Publicações ou comentários ofensivos aos demais membros poderão ser removidos.

Faça um comentário:



Sua nota para este texto:

Quero receber email sobre novos comentários.