"Os mais excitantes contos eróticos"

 

comi meu colega de time *1


autor: alguem
publicado em: 23/11/15
categoria: gays
leituras: 4628
ver notas


Olá,meu nome é Rafael , tenho 22 anos , sou alto , moreno claro , musculoso e hoje vou contar um fato que aconteceu comigo a alguns dias atrás.
Bem , como eu costumo jogar futsal , eu visto muito aqueles shorts finos que sao um pouco curtos e também uso uma blusa branca bastante colada. Então, num certo dia de treino, eu cheguei atrasado e tive que ficar sentado no quanto da quadra , depois de um tempo eu entrei no jogo já quase acabando , acaba o jogo e eu e todos os outros jogadores vamos para o vestiário tomar água e ir ao banheiro, quando eu chego no banheiro percebo q um colega estava quase que me esperando , logo ele falou : Iae cara, se atrasou por que? Eu disse a ele q havia me atrasado por causa do meu relógio que estava quebrado. O treino acaba e vou embora, chegando em casa meu colega me pergunta se posso ir na casa dele mais tarde para ajudá-lo a instalar um ventilador no teto, eu falo que vou assim que tomar banho. Já é quase noite e eu ja tomei banho, me lembro que tenho que ir na casa do meu colega , visto minha roupa e parto pra casa dele , chego na casa dele e bato na porta , ninguém aparece , eu chamo pelo seu nome e logo escuto um grito dizendo: Já vou !! Espero por alguns segundos e ele abre a porta e me manda entrar , eu entro e pergunto onde ele vai instalar o ventilador , ele responde que é no quarto , eu peço pra ele andar de pressa pois eu ainda ia pra casa assistir ao jogo q ia começar em pouco tempo , então eu fui para o quarto e ele foi buscar a escada , eu fiquei sentado na cama esperando e logo ele apareceu com a escada e disse : Eu tenho medo de altura , você sobe e instala que eu seguro a escada. eu dou uma risada alta, aceito sua proposta e subo na escada e digo para ele segurar direito pois se eu caísse eu bateria nele, logo ele me deu o ventilador e os parafusos pra eu parafusar o ventilador no teto , quando eu olho pra baixo eu percebo q ele está olhando pro volume q meu pau estava fazendo no short fino q eu estava usando,ai ele percebeu q eu tinha visto e começou olhar pra baixo ,eu disse: pode continuar olhando se quiser . Ele riu e pediu pra pegar no meu pau um pouco, eu comecei imaginar coisas e meu pau ficou duro, e eu vi no rosto do meu colega que ele estava doido com aquela cena , dai eu desci da escada e mandei ele sentar na cama , quando ele sentou eu fiquei na frente dele e tirei meu pau (que tem uns 22 cm) pra fora do short e ele fez uma cara de "queria isso a muito tempo" pra mim e eu perguntei ele se não ia chupar logo, ele nem pensou duas vezes antes de abocanhar meu pau, e eu não acreditei quando ele engoliu meu pau por inteiro, fiquei surpreso por ele ter conseguido ja que foram poucas as pessoas que conseguiram engolir ele todinho assim , logo eu percebi q esse meu colega ja era bastante experiente com o assunto , depois de uns minutos eu mandei ele tirar a roupa ficar de quatro com a bunda bem empinadinha em cima da cama e eu também tirei minha roupa para aproveitar bem aquele momento,dai eu fiquei um pouco atrás dele encaixando a cabeça do meu pau bem na entradinha do cu dele que era um pouquinho fechado , quando a cabeça entrou ele começou se contorcer pedindo pra mim ir com calma, na hora eu dei uma risadinha e fui metendo mais e mais fundo naquele rabo gostoso e fechadinho , logo entrou tudo e ele estava soltando gemidos misturados com choro, quando ele diminuiu o choro eu comecei a enfiar e tirar rapidamente e depois de um tempo ja anunciei que ia gozar e mandei ele chupar , em pouco tempo já sentia meu pau pulsando e antes de gozar eu puxei a cabeça dele pra mim gozar no fundo da garganta dele , depois tirei meu pau da garganta dele e chupar ate meu pau ficar bem limpinho , quando ele terminou de chupar eu desabei de cansaço em cima da cama, passou um tempinho e eu me levantei , vesti minha roupa e terminei de instalar o ventilador enquanto ele vestia a sua roupa, terminei de instalar o ventilador e ele me perguntou se o que havia acontecido poderia acontecer novamente e eu confirmei elogiando o "trabalho" dele, ai ele me agradeceu pelo ventilador e pela surra de Mangueira que tinha levado e eu fui embora pra casa. Alguns dias depois aconteceu algo parecido só que no vestiário da quadra, mas isso vai ficar pra próxima história.



ver comentários

Aviso:

Todos os comentários aqui exibidos são de inteira responsabilidade do comentarista. O site Clímax Contos Eróticos deixa claro nas suas normas que manifestações de pedofilia, racismo ou de qualquer outro teor ilícito serão banidas, assim como seus autores. Publicações ou comentários ofensivos aos demais membros poderão ser removidos.

Faça um comentário:



Sua nota para este texto:

Quero receber email sobre novos comentários.