"Os mais excitantes contos eróticos"

 

Minha vizinha menina


autor: L. L. Santos
publicado em: 04/04/15
categoria: outra
leituras: 14791
ver notas


"Ela é menina...
Tem as pernas compridas...
Fico aqui olhando com meu jornal
em mãos enquanto ela se agarra ao
muro e acena para as amigas na rua...
Sinto tesão de ouvir sua voz tão fininha..
E olhar para os belos detalhes de seu
corpo ainda em formação...
Toda sua pureza e angelical desejo
que adormecidos estão...
Penso em devorá-la não somente
com o olhar e o coração...
Mas sentir o sabor de sua carne
tenra e molhada em meu corpo
por tantos verões bronzeado...
Desisto da ideia e volto a entreter-me
na leitura do jornal...
Obama reata com Fidel...
Ou será os EUA apenas querendo
dar sentido ao porto brasileiro em Cuba?!
Não importa...
A menina usa shorts e blusinha...
É minha vizinha gostosinha...
Minha esposa vem para o quintal e começa
a estender a roupa no varal...
Estou com tesão...
Não posso olhar para aquela menina...
Podia ser minha filha...
As amigas se afastam...
Ter desejos secretos não é pecado...
Minha mulher pisca pra mim quando percebe
o volume em minha bermuda...
Eu sorrio e desvio o olhar para as palavras-cruzadas...
A menininha está tão sorridente...
Bendito domingo...
Eu sempre vou alguns passos atrás dela todas
as manhãs, quando sigo para o trabalho
e ela para a escola...
Na volta, ocorre o mesmo...
Tem vezes que ela me vê, e chama-me de
vizinho e então faladeira como ela só, vem
bem ao meu lado...
Enquanto sinto a mais fogosa das ereções...
Mas hoje...
Domingo ensolarado...
Que vontade de descobrir os segredos que
sua calcinha guarda...
Tenho vontade de beijá-la inteira...
Colocá-la em um pedestal e adorá-la...
Minha esposa senta-se ao meu lado...
Sua mão pousa em minha coxa...
Sinto um arrepio extra...
Digo que quero fodê-la mais uma vez
pensando na menina do muro...
Minha esposa sorri...
Entramos e trepamos...
Depois quando volto pra fora, a menina
sumiu...
Então reaparece com uma boia e seu
delicado biquíni...
Vai a praia com os tios que estão de visita...
Se bem me lembro, os mesmos tios
que ela comentara algumas vezes pra
mim em nossas andanças...
Os tios que a comem em época de férias...
E eu pensando na pureza que ela de
alguma forma ainda tem na pele...
Em seu cheiro e sabor...
Ah, domingo...
Você é um espetáculo...
Minha esposa pendurou mais roupa...
Agora a imaginação está na areia...
Mas tudo bem...
Isso não é pecado..."

L. L. Santos

Livros:

/>
Perfil no Facebook:

/>





ver comentários

Aviso:

Todos os comentários aqui exibidos são de inteira responsabilidade do comentarista. O site Clímax Contos Eróticos deixa claro nas suas normas que manifestações de pedofilia, racismo ou de qualquer outro teor ilícito serão banidas, assim como seus autores. Publicações ou comentários ofensivos aos demais membros poderão ser removidos.

Faça um comentário:



Sua nota para este texto:

Quero receber email sobre novos comentários.