"Os mais excitantes contos eróticos"

 

AGUENTANDO 2 DE UMA VEZ


autor: crisalli
publicado em: 14/01/16
categoria: grupal
leituras: 13563
ver notas


Hoje, inspirada resolvi compartilhar mais uma de minhas aventuras eróticas com meus queridos leitores. Como vocês devem ter percebido, sempre tive o maior tesão de sexo com mais de um homem. Desde a adolescência, tinha fantasias de ser deflorada por vários 'machos' ao mesmo tempo.
Aqueles corpos nus, suados, se roçando em mim sempre preenchiam minhas fantasias.
A história que vou contar hoje foi uma 'surpresa' que meu ex-marido preparou para mim numa de nossas viagens.
Partimos para a capital em final de semana e meu marido disse que tinha uma surpresinha preparada para mim. Já vivemos muita aventuras, e nosso relacionamento sempre foi aberto e admito que apimentava nossa relação.
Chegamos sexta a noite e fomos para um barzinho que ele conhecia de longa data, desde que era solteiro. Assim que chegamos, fomos recepcionados por 2 casais de amigos dele. Pedro (vou chamá-lo assim), um negro musculoso, bonito, de 1,80m de altura e muito simpático (admito que tenho fantasias loucas por negros), e Sérgio, um moreno também sarado, de 1,78m e muito bonito. Estavam acompanhados por duas moças que não pude identificar se eram amigas ou namoradas dos dois.
Nos divertimos muito durante a noite, jogando conversa fora e afins. Numa certa hora, as 2 moças foram ao banheiro e eu fui junto...(coisas de mulheres, vocês sabem)... e deixamos meu marido, Pedro e Sergio jogando conversa fora.
Depois de algum tempo voltamos, e percebi que eles cortaram a conversa de repente. Tentaram fingir, mas percebi que eles estavam somente desconversando....
Mas no resto da noite, percebi que os dois rapazes ficavam me encarando, Pedro inclusive, com um olhar meio malicioso. No começo fiquei constrangida, mas depois de algumas bebidas, admito que comecei a corresponder as investidas.
No final da noite, nos despedimos.... Pedro me deu um abraço e pude sentir seu pênis ereto por dentro das calças... Sérgio, por fim, acabou me dando um beijo no pescoço, como se quisesse me agarrar ali mesmo... mas ficou somente nisso.
Saímos fomos até o apartamento, mas no caminho fiquei fantasiando de como seria ter aqueles dois "somente para mim". Perguntei ao meu marido sobre o meu 'presente", mas ele desconversou e disse que eu o teria somente no outro dia;
Antes de dormimos, fizemos um "amor" delicioso e dormi profundamente, somente esperando o que me aguardava no outro dia.
Já na manhã de sábado, senti um beijo na nuca, bem molhado... imaginei que fosse meu marido, quando senti uma mão forte, me segurando pela cintura e quando me dei conta, estava ali Pedro, completamente nu ao meu lado na cama...
Levei um susto e quase cai da cama... foi quando meu marido, sentado na poltrona no quarto disse...
- Calma amor, a sua surpresa só está começando....
Pedro me puxou de volta para cama, me jogou de bruços no colchão e me agarrou por trás, apertou meus seios com força e começou a roçar aquele cacete enorme na minha bundinha...
Aquele cacete devia ter uns 25 cm.. começamos a nos beijar... quando meu marido me surpreendeu de novo.
- Sabe amor.. vamos dar uma incrementada nesta festa? Acho que vou querer um sanduíche...
Nisso entrou no quarto Sérgio, igualmente musculoso, completamente nu, com o pau ereto....sorrindo
Ele subiu na cama junto com Pedro, jogaram o edredom no chão para poderem me ver só de camisola....
De uma só vez, eles se jogaram sobre mim e rasgaram minha camisola e me deixaram nua... e começaram a roçar as mãos por todo o meu corpo.
- Seu marido falou que não precisamos ser bonzinhos com você, que você adora ser submissa.... disse, Pedro com um sorriso malicioso...
-Fode ela lá na sala... disse meu marido
Pedro me pegou no colo e me levou até a sala... Sérgio se sentou no sofá...
Pedro me deixou de pé e me colocou de quatro para que pudesse chupar o pau do Sérgio...
Sérgio tinha pênis enorme... ele mal cabia na minha boca.... só conseguia chupar a glande da cabeça... enquanto tentava sugar o pau de Sérgio, Pedro se alinhou por trás para me penetrar....
Pedro tinha um pênis igualmente avantajando e na hora que ele me penetrou, soltei um grito tão forte, que acho que acordei o prédio inteiro....
Aquilo foi entrando dentro de mim que parecia que o cacete dele não tinha fim.... quando finalmente pôs tudo, ele começou a meter compassadamente... só me restava gritar e gemer de tesão...
Não tinha como aproveitar o outro cacete... Pedro me penetrava que me fazia ver estrelas e não conseguia chupar mais Sérgio.
Impaciente Sérgio me segurou pelos cabelos bem forte e enterrou aquele cacete na minha boca....que até engasguei. Ele forçava minha cabeça contra aquele cacete que eu quase não conseguia respirar... ele só tirava da minha boca quando eu engasgava, mas logo depois tornava e forçar minha boca contra seu pênis.
Pedro em arrombando por trás, enquanto Sérgio enfiava um cacete com força na minha boca. Meu marido, sentado no sofá, se masturbava e se divertia....
- Não falei que sua surpresa ia ser grande? Ria...
Ele sabia que adorava ser deflorada por mais um homem, e ao mesmo tempo adorava me ver sendo submissa a aqueles 2 machos.
- Será que você aguenta o meu agora, loira... dizia Sérgio....
Então ele se levantou... me colocou deitada sobre a mesinha de centro e preparou para enterrar aquela pica enorme na minha buceta....
Ele pôs a cabeça bem na entrada e de uma só vez, enterrou tudo dentro de mim ...
Sério... achei que ele fosse me rasgar ao meio.... aquilo foi abrindo minhas entranhas....apesar da dor agonizante... gozei como uma vadia....
Ele ia dando estocadas fortes e só me restava gemer e urrar muito..
Meu marido foi até nosso quarto e quando voltou trouxe uma mordaça (aquelas que você compra na sex shop).
Colocou na minha boca e apertou e disse que se continuasse a gritar daquele jeito, os vizinhos iam chamar a polícia (risos)... então só me restava chorar de dor com aqueles pau enormes e gozar ainda mais de prazer....
Mas aquele dor não era nada.... o melhor (risos) veio depois...
- Quero os dois dentro dessa vadia.... disse me marido...
Sérgio e Pedro riram .
Você tá pagando chefe.... se ela aguentar a gente manda ver... disse Sérgio.
- Implorei para o de pau menor deles ficasse no meu cuzinho.... e o outro maior na minha bucetinha...pois não sabia se ia aguentar.
Gente... aí sim eu vi estrelas... estrelas não, via via lactea inteira...
Voltamos para o quarto, Sergio deitou-se na cama e Pedro me colocou sobre ele... Aquele pau foi entrando bem devagar na minha buceta....Sergio deitou-se sobre mim e preparou seu cacete para invadir o meu cuzinho.
Eles foi enfiando devagar com eu queria e apesar do lubrificante aquilo foi me rasgando toda.... Eu, amordaçada, não podia fazer nada a não ser me submeter à aqueles machos que meu marido me ofereceu
Aqueles dois paus enormes dentro de mim... indo e vindo.. Eu gritava, mas o som não saia por causa a mordaça...meu marido se divertia.....As vezes, ele pedia para eles meterem com mais força, só para me fazer 'sofrer' e gozar muito.....
Admito que as vezes adoro ser 'sodomizada'....meus orgasmos são muito mais intensos, quando meus machos me 'torturam" sexualmente.
Quando gozaram devem ter jorrado litros de porra dentro de mim.... eu tive orgasmos múltiplos.... não sabia que sofrer era tão gostoso....
Passamos o resto do final de semana inteiro fazendo sexo... com aqueles dois 'presentes' me agarrando sempre que estavam excitados, no chuveiro, na cozinha.... no quarto... não me deixavam em paz ....passei o final de semana completamente nua... sempre a disposição dos meus machos, e me divertindo muito também....
Deixem seus comentários ou mande um e-mail: .
Quem sabe não me inspira a contar mais aventuras a vocês.
Bjs



ver comentários

Aviso:

Todos os comentários aqui exibidos são de inteira responsabilidade do comentarista. O site Clímax Contos Eróticos deixa claro nas suas normas que manifestações de pedofilia, racismo ou de qualquer outro teor ilícito serão banidas, assim como seus autores. Publicações ou comentários ofensivos aos demais membros poderão ser removidos.

Faça um comentário:



Sua nota para este texto:

Quero receber email sobre novos comentários.