"Os mais excitantes contos eróticos"

 

sexo com a médica no elevador


autor: wcpassarinho
publicado em: 28/04/16
categoria: hetero
leituras: 6412
ver notas


Me chamo marcos "fictício" como todos os nomes que aparecem em meus contos porém todos reais.
Eu trabalhava em um hospital de renome na av. Paulista, certo dia peguei o elevador que estava no centro cirúrgico para descer ao sub solo entrei no elevador e ouvi duas voz femininas.
Ei segura o elevador pra nós por favor.
Não segurei pela palavra por favor mas sim por se tratar de mulher, como isso me alucina.
Então segurei chegando no 8 andar o elevador deu uma travada e uma das moças deu um passo a frente para apertar o botão e dei uma olhada na bunda dela a outra percebeu pois estava mexendo no celular.
Ai ela fala ei Maria e ai como vc está com o Lucas.
A Fernanda estamos bem mas ele não me procura muito tem medo da esposa descobrir.
Mas maria vcs não dão uns pegas aqui no hospital?
Damos sim no conforto mas ta difícil ele parece não me querer mais.
E vc Fernanda ta pegando quem?
Eu nem gripe to pegando seria bom dar uns beijos mas os homens daqui São fraquinho.
E meia olhou pra mim e eu de cabeça baixa.
Mas soltei umas palavra que deixou ela louca.
Vcs não procuram direito as melhores qualidades de um homem vem de onde vc menos espera posso te mostrar.
Quando falei isso vi Fernanda ficar vermelha e na frente da maria eu prensei ela no elevador e a beijei , como eu estava sem uniforme e crachá não ia saber quem eu era se fosse fazer reclamação.
E para minha surpresa ela retribuiu o beijo pois eu a beijava intensamente e puxava o cabelo dela. Quando me distanciei. Ela se abanou sem ar e com calor e falou moço que é isso?
Falei' isso não é nem de perto minha maior qualidade.
Maria falou: É Fernanda e agora?
Fernanda: Pena estarmos no elevador queria ver melhor essas qualidades.
Ai eu agarrei de novo e falei acho que a Maria não se importa maria falou que não e nos apoia prensei Fernanda de novo no elevador e falei pra maria que se ouvisse o barulho do elevador para ela apertar o botão de parada de emergência pois por se tratar de elevador de centro cirúrgico e antigo tinha essa opção.
Fernanda colocou meu pau pra fora e começou a chupar freneticamente até hoje nunca me chuparam daquele jeito.
Maria quando viu falou garoto que rola grande como pode.
Falei que com a pratica ele ia crescendo usando muito exercitando-o.
E Fernanda chupando sem parar e gosei ma boca dela foi tanta porra que ela nem consegui segurar e começou a escorrer pelo lado.
Falei pra ela abaixar a calcinha e ficar de quatro e coloquei meu pipi de 20cm na buceta dela e meti freneticamente e senti ela gozar umas 2 e logo após o elevador voltou a funcionar ,maria travou a tempo de nos arrumar.
Na saída percebi que no peito de Fernanda tinha um pouco de esperma minha que vazou da boca dela mas como ela já estava saindo e tinha gente entrando eu fiquei quieto.
Espero que tenham gostado e logo trarei mais contos reais vividos por mim.



ver comentários

Aviso:

Todos os comentários aqui exibidos são de inteira responsabilidade do comentarista. O site Clímax Contos Eróticos deixa claro nas suas normas que manifestações de pedofilia, racismo ou de qualquer outro teor ilícito serão banidas, assim como seus autores. Publicações ou comentários ofensivos aos demais membros poderão ser removidos.

Faça um comentário:



Sua nota para este texto:

Quero receber email sobre novos comentários.