"Os mais excitantes contos eróticos"

 

Submissão inversões de papeis


autor: momorena
publicado em: 29/07/16
categoria: hetero
leituras: 2478
ver notas



Meu menino

Acho que posso te chamar de meu. Claramente já sou sua pois cada vez que penso em ti meu corpo declara te pertencer.

Não existe meu amor explicação lógica para uma paixão tórrida ela apenas acontece.

É quando chama pelo meu nome em seus pensamentos e sente o desejo que eu invada sua alma seu corpo.

É quando descobre o valor da cumplicidade. Se entregar sem medo nem pudores.

Se entregue a mim, vem....

Deixa tocar o seu corpo descobrir tomar conta de cada centímetro dele, tomar posse e fazer-te meu, e ser absolutamente sua.

Vou dizer te como:

Vou até onde estas... te surprendo com minha presença, coloco dedo nos seus lábios impedindo te de dizer algo.

Digo ao pé do teu ouvido:


- Feche os olhos meu amor deixe me tomar conta de você. Apenas se entregue...

Ele -Sou teu querida

Eu - Deite de bruços meu príncipe vou acariciar seu corpo seu ego sua alma.

O vejo deitado de bruços visão do paraíso um macho lindo ali entregue ao meu bel prazer.

Coloco em minhas mãos um óleo especialmente para ti, cheiro fresco de canela ardor resfrescancia irá te dar.

Besunto toda suas costas nuca com minhas mãos seu corpo meu amor esta liso resfrescado pelo óleo e deslizando proporcionando uma sensação indescritível.

Sento me em seu bumbum eu igualmente nua sinto minha pepeka encostar nesse bumbum gostoso que vc tem.

Serão agora dois óleos a te besuntar o de canela e do meu mel.

Vou esfregando minha pepeka gostosa em seu bumbum e massageando sua nuca suas orelhas. Movimentos circulares bem ritmados.

Passo dedo dentro da sua orelha sinto seu corpo arrepiar denúnciando que estou no caminho certo.

Continuo descendo passando para seus ombros estão tensos os abraço com as palmas das mãos apertando tirando todo stress energia negativa.

Seu corpo esta relaxando amor seus músculos não se contraem mais , desço para região da cintura também a massageio com pontas dos dedos aproveite amor....

Desço de cima de você seu bumbum está completamente melado encharcado do meu mel é com ele que massagearei essa bunda linda.

Passo minha mão admirando apertado massageando e não me contenho dou um tapa forte você reclama com os olhos mas não me impede.

Olha para mim indagando com os olhos o que está acontecendo e eu te respondo passando dedo no seu buraquinho e te encarando firmemente.

Hoje meu amor vai experimentar sensação nova submissão total. Apenas se entregue e confie... vou te fazer delirar.

Vou mordendo sua bunda apalpando e passando minha língua ,hoje o jogo é inverso meu amor.

Vou abusar do seu buraquinho, não se negue esse prazer inenarrável confie na sua amiga seu amor.

Abro essa bunda delicia e passo dedo nas suas preguinhas molho dedo na minha boca e acaricio seu reto com a ponta do dedo movimentos circulares vou descobrindo o quanto gosta você se contorce da uma gemida máscula que me exita muito.

Quero mais amor te enlouquecer é minha missão...

Coloco minha língua gélida no seu orifício a deixo dura e vou passando agora descobrindo cada preguinha com a língua, com ela quero adentrar esse buraquinho forço-a contra ele sinto piscar na minha boca e insisto na tentação te deixando desconcertado.

Não se acanhe meu príncipe macho de verdade proporciona a a uma mulher essa sensação de domínio sem medo e mandando pro inferno todas as convenções e pudores.

Macho faz a mulher gozar sem ao menos toca la apenas se entregando por inteiro como tu fazes agora comigo.

Te quero tanto meu amor te desejo loucamente vejo seu pau ereto rigido tomado por veias sobressalentes enquanto te toco.

Não posso parar preciso ir até o fim em minhas pernas já sinto mel escorrer tamanho é meu desejo por você.

Continuo mas agora vou chupar seu buraquinho como você me ensinou, pequenas sucções e alguns assopros vão te levar ao céu.

Seu gemido agora não pode ser mais contido seguidos de urros de prazer e entrega total.

Vou sugando seu cuzinho amor... sinta a sensação não resista sinta o poder da submissão.
De repente você vira não se conteve deita de frente com o mastro apontado para cima as bolas inchadas para gozar eu não resisto acabo gozando vendo aquilo.

Enfio em minha boca chupo agressivamente e um subto e rápido movimento atolo meu dedo no seu cuzinho.

Você esporra em minha boca o gozo inunda meus lábios escorrendo sob meu queixo meus seios....

Você agora me olha com olhar surpreso mas ao mesmo tempo apaixonado.

Nunca imaginou ser meu assim , mas era exatamente assim que sonhava com você.

Deito sob seu corpo e escuto as batidas descompassadas do teu coração. Fico quietinha esperando nos recompormos e começar tudo denovo, mas agora é minha vez me domine!



Conto dedicado a um amigo e sua nova paixão.

By: Momorena




ver comentários

Aviso:

Todos os comentários aqui exibidos são de inteira responsabilidade do comentarista. O site Clímax Contos Eróticos deixa claro nas suas normas que manifestações de pedofilia, racismo ou de qualquer outro teor ilícito serão banidas, assim como seus autores. Publicações ou comentários ofensivos aos demais membros poderão ser removidos.

Faça um comentário:



Sua nota para este texto:

Quero receber email sobre novos comentários.