"Os mais excitantes contos eróticos"

 

(a escolher mais tarde)


autor: boavida
publicado em: 23/09/16
categoria: hetero
leituras: 444
ver notas


Sento-me no bar junto da praia, na mesa do fundo, pousada na sombra, a pairar no fumo como uma barco fantasma. Descarrego-me para cima de páginas brancas. Sou todo a caneta que corre na minha mão.

Entras e caminhas sem ver nada. Sentas-te em frente a mim, mas eu podia ser o mar ou uma qualquer fábrica abandonada. Puxas o vestido para cobrir as coxas nuas? Cruzas as pernas ou somente pousas um joelho em cima do outro?

Cruzas as pernas deixando o vestido escorregar, lentamente, deixando as coxas visíveis, sob esta luz coada pelo fumo. Afastas as pernas deixando os meus olhos passar, como uma cena daquele filme famoso.

Levanto-me e perco-me em ti ou continuo a escrever?

(Este texto é para ser continuado pela ou pelo leitor que pretender. Fale comigo só para acertar o ordenamento das continuações da escrita. No final veremos o que resulta desta pequena brincadeira)





ver comentários

Aviso:

Todos os comentários aqui exibidos são de inteira responsabilidade do comentarista. O site Clímax Contos Eróticos deixa claro nas suas normas que manifestações de pedofilia, racismo ou de qualquer outro teor ilícito serão banidas, assim como seus autores. Publicações ou comentários ofensivos aos demais membros poderão ser removidos.

Faça um comentário:



Sua nota para este texto:

Quero receber email sobre novos comentários.