"Os mais excitantes contos eróticos"

 

Comeu a minha mulher!? minha vez agora!


autor: Chronos
publicado em: 23/09/16
categoria: aventura
leituras: 4262
ver notas


Cheguei segunda -feira ao trabalho com um caminhão de sono nas costas. Brendah acabou comigo no fim de semana, meus caros leitores. Mas estava feliz. Estranhamente feliz. Não tinha caído a ficha ainda, porém... Algemado de novo! A sensação de alguém cuidando de você era boa!

Resumindo para vocês, não foi uma notícia muito agradável para algumas pessoas. Mas como eu não prometi nada para ninguém, tiveram que aceitar. Kishimoto foi uma delas. Despedi-me dela com todo o carinho, ela ficou um bocado triste, mas me desejou sorte. Quem nunca se intimida com notícia alguma vocês já sabem quem é: Quando mostrei a foto da minha dama , Venere fez questão de mandar um áudio pra mim dizendo:

Venere: Dois deuses de ébano juntos... Que inveja! Jura que você vai me abandonar pra sempre, meu amor!?

Eu: Chega uma hora que a gente precisa abrir os olhos e ver quem se importa. E no meu caso, estava passando da hora. No fim do dia, quando se vence ou quando se perde, quando tudo dá certo ou tudo dá errado, quando se está feliz ou quando se está triste, tudo que importa é isso.

Venere: Está até filosofando, que fofo!(risos)Você está gostando mesmo dela, não é! Olha, sei que a diversão uma hora acaba, tudo um dia tem que ficar mais sério, e vindo de você, eu respeito isso. Ai, que peninha, vou perder meu Dragãozinho Negro para uma ...uma deusa, admito! Fale-me mais sobre ela.

Aí eu contei que ela fazia a mesma faculdade que eu, mas era caloura, tava correndo atrás já de estágio, etc., ela foi se encantando com a pessoa da Brendah.

Venere: Será que se gente marcar um encontro, nós 4, ela vem!?

Eu: Poxa, eu não sei! Só perguntando a ela pra saber. Mas seria interessante ela conhecer você, afinal de contas eu falei muito sobre você pra ela.

Venere: E aí, que ela pensa sobre mim, lindão?

Eu: Pensa que você é uma madame que vivia me acorrentando com seu charme. Tem ciúmes, pode ter certeza- ri um bocado.

Venere: Ai, que crueldade com a minha pessoa!( risos), agora eu faço questão de tirar essa impressão! Pode marcar que eu organizo um almoço aqui com vocês!

A idéia foi rejeitada no início pela minha namorada( tenho que me acostumar com essa palavra!), mas prometeu pensar. Afinal, ela enxergava como concorrente e também não gostou muito de eu ainda falar com a Venere. Fim da minha privacidade de solteiro. Outra coisa que eu teria que desacostumar.

Embora Venere tivesse se rendido aparentemente, uma coisa que tive que reaprender a lidar foi com minha fome de sexo. E quando você firma seu compromisso com uma só pessoa, é a mesma coisa que um gigantesco ímã atraísse mulheres de todos os lados. Não bastasse dentro da empresa os olhares que sempre me acompanhavam, agora Edu me joga pra treinamento uma misteriosa estagiária.

Edu: O nosso programa para atrair novos talentos está rendendo frutos, Renato. Tem uma nova beldade para fazer parte da sua equipe. Ela chegou bem cedo aqui para participar do treinamento de equipes, e quero ela junto com você. Analisando aqui o perfil dela, eu teria hoje possivelmente formado meu time de futuros administradores. Enquanto você tem o cérebro, ela tem o coração, e força de vontade enorme de aprender. Acha que dá conta!?

Eu: Quem tá atolado, fica atolado e meio, não é verdade!?

Edu: Não pense dessa forma! É pra te desatolar que aceitei ela aqui no meu programa de treinamento! Tenho jovens muito bons aqui, mas nem todo mundo vai ficar aqui, alguns vão pro Recreio, aquele estudo de campo pra Botafogo vai pedir mais gente lá, por isso quero total comprometimento de pessoas certas aqui!

Eu: Entendido, Boss!

Edu: Cara, eu vou te dar uma porrada se tu não parar com essa porra de Boss, rs! Então, vamos à obra!? Logo, você é quem vai cuidar dessa parte, Micheline e Rafaela estão tocando o campo do Recreio, e cara: Evite a partir de hoje relacionamentos com gente aqui na empresa! Você já pegou duas, cidadão, sossega essa lingüiça preta no teu calção e mais trabalho! Eu quero que fique de olho nessa nova estagiária que está despontando, ela vem do campus UFF, está aqui o currículo dela para você dar uma analisada. Primeiro período, está com toda a energia, tem gana para poder assumir posição de destaque aqui no futuro, mas não tem seu cérebro! A partir de agora, parceiro, é coração e cérebro juntos! Na primeira entrevista, ela mostrou ser uma leoa, vamos ter que trabalhar isso nela. Mas gosto de jovens com essa ambição nos olhos. Vou colocá-la com você, MAS NÃO É PRA COMER, RENATO! PORRA! Já comeu uma sênior, uma secretária, não quero que caia sua produtividade.

Eu: Qual o nome dela?

Edu: Brendah dos Santos Costa.

Eu: Puta que pariu...

Edu: Que foi?

Eu: Calma aí, cara, deixa eu ver esse currículo aqui- quando olhei os dados dela, como data de nascimento, onde morava e o caralho a 4...- porra, não acredito!

Edu: Dá a letra! Que que tá rolando!?

Eu: Cara, vou abrir aqui pra tu: Vai ser impossível não pegar essa mulher, aqui!

Edu: Ué, que que tem!? Conhece ela, já? Mas você nem participou da entrevista no processo seletivo! É indicação sua!?

Eu: Não, cara. Eu tô namorando ela!

Edu tava com uma xícara na boca,quase derramou tudo na mesa.

Edu: O que!? Cara, pode ser que seja outra pessoa. Ela já foi aprovada, vai começar hoje! Vai lá no auditório onde eles estão esperando e verifique.

Eu: E se for!?

Edu: Rs, se for, por um lado você vai ter que ficar no sapato, porque agora ninguém pode saber. Por outro... Vou ficar feliz, porque finalmente alguém te prendeu, rapaz! Como foi isso!? É aquela garota do Carnaval!?

Eu: Kkkkkk, é sim!

Edu: Uma alta( gelei), negra( Putz!), cabelo à Beyonce comprido( porra, não há dúvidas), é essa a descrição!?

Eu: Caralho, Edu, é ela!

Edu: Ah, tu vai me apresentar, kkkkkkk!

Eu: Pow, já tava de olho nela, cara!?

Edu: Tu comeu minha mulher, porra! Que que tem!?

Fiquei mudo.

Edu: AKKKKKKKKKKK!!! Tá vendo como tu pensa que é esperto, e não é!? SEU FILHO DA PUTA! O dia chegou, otário!

Eu não sabia onde enfiar minha cara, juro pra vocês! Caí nas mãos do chefe! E caí nas mãos da Brendah! Caralho, eu e minha boca grande! Eu me fodi!

Edu: Olha, eu tô marcando você desde que ela começou a ficar de papinho contigo de noite, ô viado! Sei que ela te comeu na minha casa, na clínica dela, e não duvido nada, nada, que Rafaela foi esquema dela pra tu, também! Vai negar isso!?

Eu:... Glup!( engoli seco, agora)

Edu: Cara, escuta uma parada: Desde aquele dia da sua viagem com a Lívia, lembra!? Então, desde aquele dia que eu sei que Venere te come nos sonhos dela. Eu não ligo porque ela sabe dos chifres que tomou. Mulher não é burra, tem quase um sétimo sentido. Fiz uma experiência com você. Eu deixei tu curtir uma de malandro, uma de esperto comigo, porque foder pra mim é mole, eu e minha mulher já fomos a festas swing com amigos e o escambau. Nosso prazer é super elevado, somos dois tarados, eu tô comendo a Steff até hoje, e tu não sabe, kkkk. Desde que você entrou para nossas vidas, Renato, eu senti um enorme tesão em saber que minha mulher ia pegar um novinho pra criar. Ela criou um dragão de estimação, e eu criei um sucessor! Olha que maravilha! Agora tua prima vem estagiar logo onde!? Meu império! Como a vida dá voltas, né seu puto com carinha de bebê assustado!? Kkkkkkkkkkk.

Tô passado... Kkkkkkkkkkk. No momento, um misto de raiva, medo, tesão passou pela minha mente. Pude ver claramente Brendah cavalgando na pica do Edu. Meu corpo reagiu.

Edu: Porra, fala alguma coisa, caralho!

Eu: Quer que eu diga o que!?

Edu: Ora, que você acha? Vamos ou não realizar meu sonho!? Nunca comi uma preta desse naipe, não! Renato: EU FIQUEI LOUCO NA SUA MULHER, AGORA, EU QUERO COMER! Olha, pensa com carinho, próximo feriadão tá chegando , quero descansar longe dessas porras de papel... Que tu acha de uma viagem de novo!?

Eu: ...

Edu: Vou jogar esse café, ô fodão! FALA, FILHA DAS PUTA !!! HAHAHAHAHAHAHA!

EU: Ok, Edu! Você me venceu! Tu é o cara!

Edu: Ainda bem! Porra, eu já tava preocupado com essa cara de bunda tua! Considere-se nascido de novo! Se o Chico sabe uma porra dessas, por exemplo, tu tá morto! Agora, eu quero saber de uma coisa: Vamos trabalhar sério,,sem fodelança com funcionária na empresa, SIM OU NÃO!?

Eu: Sim..

Edu: FALA ALTO, PORRA!

EU: SIM, BOSS!

Ele soltou uma risada sarcástica e me mandou de volta ao treinamento de equipes. Como ele tinha pedido, anunciei os nomes de todos os candidatos aprovados na primeira turma. Quando mencionei o nome da Brendah, até gelei. Os outros candidatos não aprovados nesta seletiva ficaram no aguardo. Quando todos saíram do auditório e ficou somente a Brendah por último, ela levantou-se imponente no seu salto 10, saia executiva azul riscada, blusa branca de alça e decotada e terno azul riscado, andou lentamente até minha direção e sorriu, dizendo:

Brendah: Bom dia... Boss! Rs. Sou totalmente a sua disposição! Muito prazer!

Eu: O prazer é todo...

Edu: Nosso! Kkkkkkkkkkkkkkkkk

Ah, miserável, filho de rapariga! Mas o que eu poderia dizer!?

Edu: Eduardo Passos, muito prazer, sou o mentor deste jovem promissor e agora, seu também! Eu sinto muito não continuar essa formalidade. Mas temos muito trabalho e preciso de você logo. Amanhã, pode ser!?

Brendah: Afirmativo, Senhor!

Edu: Edu para você, minha cara! Aqui somos um time e não um quartel. Renato levará você a todas as dependências da empresa, ele é meu porta-voz aqui. Quero você no time dele ajudando a tocar o projeto dele. Perturbe-o com todas as perguntas que tiver! Ele tem a visão do líder! Ah!, e parabéns pelo namoro de vocês - Brendah arregalou os olhos pra mim-, Renato me disse sobre você, w como não houve um complô de sabotagem nas seleções, você fica! Odeio nepotismos, você chegou por mérito próprio. Eu considero muito esta atitude!

Brendah: Obrigada! Mas o sen..

Edu: Não me chame de senhor, não sou tão velho,rs!

Brendah: Rs, desculpa, querido, vou me acostumar! Acontece que eu e ele somos sim, parentes!

Edu: Prima não conta pra mim! Se eu tivesse primas, foderia todas elas, Kkkkkkkkkkk, brincadeira! Então, amanhã esperamos você, estagiaria! Ah! Perdoe-me o lapso de memória, Renato: Tia Venere mandou lembranças calorosas, kkkkkkkkkk!

Filho da puta! Nem reagi! Brendah olhou pra mim incrédula, ao mesmo tempo sarcástica:

Brendah: Ele é o marido dela!?

Eu: É!

Brendah: Uau! Conservado pra idade dele! É um gato!

Eu: Ok, até amanhã, Brendah!

Brendah: Ei, lindo, dá um beijinho aqui!

Eu: Amor, eu tô no trabalho,esqueceu!

Brendah: Ai, grosso! Que foi que tá com essa cara de assustado!?

Eu: Ele sabe tudo, cara! Sabe que peguei a mulher dele! Corno assumido e pegador nato. Muito mais filho da puta que eu!

Brendah: Jura!? Kkkkkkkkkk, é gostoso: Tá fudido mesmo!

Eu: Nem precisa dizer!

Brendah: Preciso sim!

Eu: E por quê?

Brendah: Espere e verá, meu bem, espere e verá! A gente se fala em casa! Beijuuuuuuuuuuuuu, kkkkkkkkkkkkk!


Já em casa, com Brendah...

Se tem coisa pior que o chefe falar na sua cara que sua mina é o alvo, é ela também achar ele uma gracinha! No fim do dia, eu tava zonzo de tanta informação e tanta piadinha dela mesma no meu ouvido!

Quando por fim toquei no assunto da viagem, ela vibrou. Perguntou detalhes, quando seria, e tudo o mais, ela foi só festa.

Eu: Cara, que animação toda é essa!? Eu não disse que iria!

Brendah: Renato, olha pra mim: Amor, eu sou louca por você, o que tem demais isso!? Poxa, ele foi um gentleman comigo, nao tem como eu não gostar de um partido daquele! Ele foi gentil, só isso! Tem mais alguma coisa que está inquietando você!?

Eu : Eu não te disse que ele sabe que comi a Venere!?

Brendah: Disse, por... Que!? - ela se tocou na real.- Caralho. Renato...rsrsrs, eles vão querer o que eu tô pensando!?

Eu: É.- já tava puto da vida.

Brendah: Então vamos dar o que eles querem.

Eu: QUE?

Brendah: Vamos dar o que eles querem, coração! E olha, desemburra essa cara, porque você ( me beijou), é só meu, e eu( massageou meu pau) sou só tua. É só uma viagem! Tá?


Brendah narrando:

Eu não falei pra vocês que eu ainda iria aprontar muito com esse puto!? Kkkkkkkkkkk, agora é Brendah na área, lindinhos! Vou amar essa viagem, até porque da vida desse negão não saio e ninguém me tiraaaaaa!!! Hahahahahahahaha

Eu:

Então é isso, pessoal! Até a viagem!








ver comentários

Aviso:

Todos os comentários aqui exibidos são de inteira responsabilidade do comentarista. O site Clímax Contos Eróticos deixa claro nas suas normas que manifestações de pedofilia, racismo ou de qualquer outro teor ilícito serão banidas, assim como seus autores. Publicações ou comentários ofensivos aos demais membros poderão ser removidos.

Faça um comentário:



Sua nota para este texto:

Quero receber email sobre novos comentários.