"Os mais excitantes contos eróticos"

 

O namorado da amiga parte 2


autor: Lola89
publicado em: 18/10/16
categoria: hetero
leituras: 3969
ver notas


Tirei toda a roupa do Maurício e fiquei olhando aquele corpo... Babando! Fui beijando cada parte daquele corpo sarado.. Mordendo, lambendo, chupando de leve aquela barriga definida. Sentei por cima do pau dele que começava a pulsar enquanto ele gemia. Apesar dos meus esforços, n dava pra transar com aquele homem que nem se movia, então o levei para o banheiro já sem roupa e o coloquei debaixo da água fria. Ele se assustou no começo mas foi despertando aos poucos. Tirei a camisola e entrei com ele. Ele estava atordoado e me aproveitei disso. Encostei-o na parede e o beijei. Enfiei minha língua na boca dele que aos poucos foi respondendo. Não passava pela minha cabeça que minha amiga e meu namorado pudessem acordar. Ele gemia dentro da minha boca e senti o pau dele endurecer contra minha coxa. Desliguei o chuveiro. Peguei uma toalha e fui me secando e depois secando ele aproveitei pra passar a mão em todo corpo dele. O pau dele reagia positivamente e não aguentei só olhar, me ajoelhei e mamei aquele pau enorme, grosso, cheio de veias do jeito que eu gosto. Mamei tudinho cobrindo os dentes com os lábios e levando fundo até a garganta. Ele gemia:
- ahhhhh, isso, chupa tudinho gostosa
Já não sabia se ele tinha consciência do que estava acontecendo ou se estava reagindo por instinto. Levantei e levei-o novamente para o quarto trancando a porta. Ele sentou na cama meio tonto e perguntou:
- Onde estou? O que está acontecendo?
E antes que ele se tocasse do que estava acontecendo enchi um copo com o Uísque e fiz ele beber. Não precisou de muito e ele ja ascendeu um fogo que estava em mim também. Ajoelhei ao pé da cama e enfiei aquela rola inteirinha na boca. Ele segurou meu cabelo e foi dando estocadas no fundo da garganta. Ele gemia:
- Ahhh que gostoso, vou fuder essa boquinha e deixar minha porra todinha nela
As palavras dele era como gasolina no fogo e eu levantei peguei uma camisinha no banheiro e dei uma última chupada antes de vestir aquele cacete. Quando vesti, joguei ele na cama e sentei na cara dele fazendo ele chupar minha buceta ele adorava.. Enfiava a língua no fundo da minha buceta e chupava feito louco ...
- Chupa minha buceta Mau.. ahhh, ahhh. Isso que delícia! Enfia essa língua na minha buceta
O tesão era tanto que chupei os dedos dele enfiei no meu cú e ele ia aumentando o rítmo até que eu ja estava no limite e gemi:
- Mau, eu vou gozaaaar e vou gozar na sua boca... Vou melar sua cara todinha com meu gozo
E ele aumentou o rítmo
- Vaaai. Vaaai eu vou gozar aaaiiii
Vou gozar na sua boca Mau ahhhhhh ahhhhhh
E gozei na boca dele, com a língua na minha buceta e uns dois dedos no meu cú. Passei minha buceta na cara dele deixando todo lambuzado.
Virei de costas e sentei no pau dele quicando feito louca! Fui quicando cada vez mais e mais rápido. De frente, de costas e gemia provocando:
- olha como eu sento gostoso no seu pau olha aaai aahh
E ele respondia:
- senta no meu pau gostosa, mela ele com seu gozo mela
Ele me comeu de lado, por cima, por trás de todos os jeitos. Queria que ele comesse me cú, então enquando ele me comia de papai e mamãe peguei ele pelos cabelos e disse no ouvido:
- come meu cú come gostoso
Então ele me colocou de 4 e enfiou de vez no meu cú. Enlouqueci !
-Ahh come meu cuzinho come, isso vaaaaii, arromba meu cú, mete com força mete, eu vou gozar de novo Mau ahhhh que delícia
E ele dizia
- Cala a boca sua puta não quero gozar agora
Não obedeci e ele dava palmadas na minha bunda. Pedi que tirasse a camisinha:
- vem safado, goza no meu cú, despeja essa porra todinha no meu cú
Ele apertou minha bunda e falava entre os dentes:
- vou gozar no seu cú sua puta ahhhh eu vou gozar Mari ahhhhhhh
E senti aquela porra quente jorrar no meu cú. Ele caiu na cama exausto e eu consegui que tomasse uns dois copos de uísque p garantir que n ia lembrar de nada no outro dia..

CONTINUA...



ver comentários

Aviso:

Todos os comentários aqui exibidos são de inteira responsabilidade do comentarista. O site Clímax Contos Eróticos deixa claro nas suas normas que manifestações de pedofilia, racismo ou de qualquer outro teor ilícito serão banidas, assim como seus autores. Publicações ou comentários ofensivos aos demais membros poderão ser removidos.

Faça um comentário:



Sua nota para este texto:

Quero receber email sobre novos comentários.