"Os mais excitantes contos eróticos"

 

Fui transformada numa cadelinha


autor: larinhaPabMaxi
publicado em: 01/11/16
categoria: aventura
leituras: 7006
ver notas


Sabe sempre gostei muito mesmo de sexo e desde meus 15 anos saio por aí procurando sexo com estranhos, algumas vezes me dei mal (ainda vou contar essas vezes aqui) outras vezes, no entanto foi muito bom, agora vou relatar uma dessas vezes.
Meu irmão me chamou para ir num bar no domingo, ele se chamava piratas, e acho que nem existe mais. Estávamos bebendo como sempre e reparei que um senhor de uns 40 anos estava numa mesa com o filho de uns 15 anos eu acho, ele estava me olhando muito e comecei a encarar ele fazendo uma cara de descaso.
Em dado momento meu irmão arrumou uma ficante e foi embora, eu quis ficar e em pouco tempo aquele senhor chegou na minha mesa e pediu para se sentar, eu deixei e logo ele e seu filho ficaram conversando comigo. Me chamaram de linda, afinal eu estava muito gata mesmo com um vestido preto de tricô que dava para ver minhas costas e meu lindo cabelo. Eu falei que eles eram lindos também , acho que já era umas 3 da manhã eu estava bem alegrinha e o senhor sentou do meu lado e começou a tocar minha mão, eu também comecei a fazer um carinho e como ele viu que eu estava bem receptiva falou para o filho que ele deveria aprender a pegar uma mulher bonita assim pegou em um dos meus seios e falou que isso que era mulher , o moleque falou que não dava conta de pegar uma dessa não, aí o senhor falou pra ele sentar do lado que ia ensinar ele, pegou na minha coxa e falou pra ele fazer o mesmo comecei a ficar bem doidinha com isso até que falei para pararem que tinha muita gente lá.
Foi aí que o senhor falou para irmos para a casa deles, aí gelei, mas queria seguir com isso, afinal não é todo dia que uma coisa dessa acontece, fomos para a cada deles era bem grande acho que ele era um juiz ou algo assim, era uma casa no lago sul bem legal.
Subimos para o quarto , coitada da corninha da esposa dele rsss. Aí ele falou que queria me ver toda depilada e me deu um aparelho de barbear rosa , acho que da mulher, eu nem discuti. Fui para o banheiro e tirei os pelos da minha bucetinha que era onde tinha. Apareci no quarto pelada e aquele safado estava com uma coleira, no principio eu recusei, mas ele me colocou ela quase a força e me mandou ficar de quatro.
Chamou o filho dele , e o moleque apareceu pelado com o pau duro , e falou para cadela ir lamber aquele pau, fui toda feliz estava molhadinha no meio das minhas pernas e comecei a chupar até que aquele senhor pegou na minha cintura e falou que cadelinha gosta de tomar no cu e começou a lamber meu cuzinho estava ótimo até que enfiou seu pau que não era muito grosso foi bem de boa nesse mesmo instante acho que o moleque não aguentou e gozou eu engasguei e ele riu muito mas a foda no meu cu estava ótima, até que ele colocou uma tigela com água no chão e falou pra eu lamber, fiz desse jeito e falei que seria obediente. Nossa aquele velho terminou de me enrrabar e o filho falou que queria me comer só que sem camisinha eu recusei e no final ele colocou.
O moleque tinha um pau maior um pouco era bem melhor , começou a enfiar ele não sabia muito o que fazer ia muito rápido, mas estava ótimo, aquele senhor ficava olhando tudo e no final falaram que eu ia passar o final de semana com eles , nossa foi muito bom e no domingo veio até um amiguinho dele só que não quis dar mais e fui embora. Parece mentira mas foi bem real isso depois disso sempre adorei ser uma cadelinha obediente. Adoro essa fantasia mas faço com poucos.





ver comentários

Aviso:

Todos os comentários aqui exibidos são de inteira responsabilidade do comentarista. O site Clímax Contos Eróticos deixa claro nas suas normas que manifestações de pedofilia, racismo ou de qualquer outro teor ilícito serão banidas, assim como seus autores. Publicações ou comentários ofensivos aos demais membros poderão ser removidos.

Faça um comentário:



Sua nota para este texto:

Quero receber email sobre novos comentários.