"Os mais excitantes contos eróticos"

 

Provando da sua língua.


autor: flor-na-boca
publicado em: 24/11/16
categoria: hetero
leituras: 1943
ver notas


Aceita em uma universidade do interior de São paulo, me mudei da Capital para O interior apenas com três malas cheias de roupas,livros e produtos (Pois sou muito vaidosa). Com iria dividir uma casa com uma aluno de intercâmbio só precisei levar coisas pessoais por que a casa já tinha tudo. Chegando na cidade,as casas eram pequenas e a maioria era abrigada por alunos,as pessoas que andavam apressadas na rua eram na sua maioria jovens e andavam com livros,notbooks e mochilas de um lado pro outro para cumprir seus horários de aulas. Meu pai parou o carro na frente de um jardim cheio de rosas brancas e lírios:

-É aqui.

Enquanto ele tirava as malas do carro eu toquei a campainha,um deus italiano surgiu com um sorriso de boas vindas ,ele era alto,musculoso com uma pele eternamente bronzeada e olhos muito verdes,uma perdição pra qualquer um,Me olhou passou a língua nos lábios e disse com um forte sotaque italiano carregado de sensualidade:

-Boa tarde,Seu nome deve ser Lilian,Prazer?

Eu estava com as pernas tremendo e boba disse:

-Sou sim,prazer? ah prazer em te conhecer Ruan né?

-Sim...

Apontou pro meu pai:

-Namorado?

-Não,não.. meu pai.

-Seu pai é jovem.

-Eu sei...

-Pode ir olhando a cama,eu vou colocar as malas pra dentro.

Meu pai me abraçou,olhou Ruan dos pés a cabeça enquanto eu olhava a casa curiosa,meu pai foi embora.

-Gostou da sala?

-Linda.

Tinha posteres de bandas,animes e quadrinhos cobrindo todas as paredes,uma estante enorme cheia de livros.

-Na sua ficha dizia que você não gosta nem de assistir tv então comprei esses livros,só li metade...

-Não precisava...

-Precisava sim...fiz tudo para o seu conforto para você se sentir bem pois vamos passar os próximos anos nessa casa e não quero eu você não goste.

-Obrigado.

Continuei olhando a sala, tinha quadros pintados e fotos de paisagens.

-Vamos ver o resto.

A cozinha tinha um balcão de carvalho (ele fez questão de dizer a madeira) e dava para a sala, tinha um espelho enorme, a sala tinha dois sofás vermelhos, sem televisão. Tinha um livro negro em cima da mesa.

-Ah me desculpa, estava lendo antes de você chegar..

-Besteira, na sua ficha dizia que você gosta de estudar ,ler e ouvir música...

-Estudar nem tanto...

(RISOS)

Ele me mostrou o quarto dele, Tinha uma cama de casal cheia de almofadas brancas e prateleiras cheia de mangas, livros da universidade, era todo azul marinho com espelho por todo o lado.

-Não repare, adoro essas coisas.

Me mostrou o meu quarto era todo azul bebê, lençóis arco íris com almofadas pretas, tinha prateleiras e uma cômoda linda branca.

-Arrume suas coisas, vou fazer o jantar quer que eu venha te chamar?

-Quero...

-Quase ia esquecendo,essa é a chave da casa e essa é a chave do seu quarto.

-Muito obrigado.

Quando ele se foi,eu tranquei a porta colei meu poster da pink floyd na parede ao lado da minha cama,coloquei minhas roupas na cômoda,meus vibradores em uma gaveta no banheiro,tirei toda minha roupa e deitei na cama,dormi. Minutos depois eu acordei assustada com o barulho de algo caindo e quebrando o Ruan em pé me olhando.

-Ah Lilian me desculpe você não estava me ouvindo,eu tive que abrir a porta...

-RUAN? POR FAVOR SAI DO QUARTO.

Eu disse um pouco alto,pegando os lençóis e me cobrindo.

-Tudo bem...me desculpe novamente.

Me vesti e sai do quarto,jantamos,sem trocar quase nenhuma palavra. Os dias correram,eu estava ficando louca com aquele homem andando só de toalha todos os dias de um lado pro outro pela casa,ele sem camisa deitado no sofá lendo,ele cozinhando...eu até abri a porta do banheiro sem querer uma vez,ele estava tomando banho,o clima estava ficando pesado. Conversávamos abertamente sobre sexo,Um dia estávamos jantando e conversando sobre como as minha aulas eram longas e etc,do nada começamos a conversar sobre sexo, Ele me contou que não transava a 9 meses que foi o tempo que ele veio da Itália e a namorada dele terminou com ele um dia dantes dele vim pro Brasil disse que estava carente.

-Ah ela era uma como vocês falam..gostosa.

-Eu estava noiva antes de vim pra cá,na semana que fui aceita eu descobri que ele estava me traindo.

-Ah nos estamos sem ninguem então...posso te contar um segredo?

-claro.

-Sempre te achei uma gostosa...quase não conseguia fica em um mesmo cômodo com vc,sempre usando esses vestidinhos ah

-Você também é gostoso,um bom pedaço de mal caminho.

(risos)

Ele sorriu safado pra mim e levantou.

-Hoje é seu dia de lavar a louça..

-Eu sei..mas sabe Lilian..quero fazer uma coisa hoje,se eu não fazer vou me arrepender depois.

Ele me pegou pela cintura e me sentou no balcão

-Oque foi? Ruan?

Ele levantou meu vestido e passou dois dedos frios na minha boceta que quase que automaticamente ficou molhada depois colocou minha calcinha pro lado e passou a lingua pelo meu clítoris fazendo movimentos circulares ainda me chupando colocou um dedo na minha boceta,Eu gritei á quanto tempo eu não sentia um pele na pele estava com saudades dessa sensação.

-AAH ISSO CONTINUA

Ele me babava e colocava hora dois dedos hora um dedo dentro de mim eu arqueava as costas extasiada,falei baixinho:

-Coloca seu pau logo dentro de mim...eu não vou aguentar.

-Quindi vuoi che cazzo te? Mi cry sarà (Você quer que eu te foda? Grita,Vai.)

-Quero me fode vai Ruan...

Ele tirou a bermuda,eu me tocava e ele se deliciava com a cena,pude ver o pau dele querendo sair da cueca box,ele me puxou pelo quadril e tocou o pau dele por baixo da cueca na minha boceta por baixo da calcinha e mesmo assim eu senti ele pulsar,ele começou a rebolar,então alguma coisa subiu dentro de mim e desceu,era meu orgasmo,eu não estava aguentando aquilo,minhas pernas ficaram moles,ele começou a me chupar denovo,rápidamente eu estava pronta pra sentir ele dentro de mim,Ele colocou o pau pra fora da cueca box e pincelou na minha boceta,depois colocou a cabecinha,como era grande.

-Devagar...

Ele colocou as mãos na minhas costas,apertou com as unhas e começou a bombar forte,sempre rebolando,depois de falar algumas coisas em outra lingua que eu não entendi,ele gozou em cima da minha barriga,Terminamos no meu banheiro com meus brinquedinhos e com os dele também.
Era maravilhoso sentir ele pulsar dentro de mim,sentir o gozo escorrer do meu cuzinho,eu estava no céu sendo servida pelo melhor deus.
Depois dessa noite eu comecei a aprender Italiano de verdade mas isso é estória pra outro conto.



Gostou? De verdade? Me chama Liryelsnow@gmail.com



ver comentários

Aviso:

Todos os comentários aqui exibidos são de inteira responsabilidade do comentarista. O site Clímax Contos Eróticos deixa claro nas suas normas que manifestações de pedofilia, racismo ou de qualquer outro teor ilícito serão banidas, assim como seus autores. Publicações ou comentários ofensivos aos demais membros poderão ser removidos.

Faça um comentário:



Sua nota para este texto:

Quero receber email sobre novos comentários.