"Os mais excitantes contos eróticos"

 

Noitada de sabado!


autor: tiozão1
publicado em: 27/11/16
categoria: hetero
leituras: 755
ver notas


OI!! este é o segundo texto que mando para esta pagina... e eu quero que vocês me escrevam, me contando o que acharam de minhas farras... risos... o que vou relatar agora rolou num sábado... mas antes preciso explicar como aconteceu...
sexta eu estava numa danceteria com uns amigos... sem intenção alguma.. só rindo e conversando... quando eram umas 3 da manha, estava eu dançando quando um cara se aproximou e começou a dançar comigo...
trocamos uns beijinhos e fomos até uma mesa para sentar e conversar... depois de um tempo de papo, voltamos a pista, onde rolava um som de batida mais sensual...
enquanto dançávamos, fui provocando-o, me esfregando... roçando seu pênis... me virei de costas, fazendo com que ele me abraçasse... eu dançava rebolando em sua pica, que já estava em ponto de bala... continuamos dançando assim (eu de costas, com o bumbum meio colado em seu corpo)... e eu, discretamente, coloquei minha mão em sua calça e comecei a lisar seu membro...
o safado, que estava na cidade a trabalho, me sussurra no ouvido que não sabia se iria embora no sábado de manha ou no domingo, que dependia de mim, se a noite valesse a pena... fiquei injuriada... e resolvi brincar um pouco mais...
comecei a masturbá-lo ali, enquanto dançávamos... e gemia baixinho, pra excita-lo... ele estava doido... eu simplesmente parei com tudo que estava fazendo... dei-lhe um beijo, meu tel e fui embora!! rs
deu certo... sábado cedo ele havia marcado de jantarmos juntos... risos...
bom... dada certa hora, fui me arrumar... vesti uma mini saia preta, justinha, meia preta, bota de cano longo (salto baixo, pra não mostrar a putinha que sou.... rs), cashmere bordô, sequinha, gola alta... sobressaiam meu rosto e coxas...
fomos jantar numa casa de massas .... bebemos um bocado... eu brincava de acariciar-lhe a perna com meu pe...
no estacionamento,começamos a nos agarrar.... eu havia sentado no capô do carro, com uma perna sobre o pneu, levantando minha saia....
a essa altura já era um amasso gostoso.... ele estava hospedado num hotel... fomos até lá... no caminho, ele me apalpava as coxas, enquanto eu lambia e mordia orelha... rosto.... apalpava peito... coxas... roçava em sem membro rijo...
chegamos ao hotel... bom.... ele estava comigo, no elevador..... me sugando os seios..... eu estava com uma lingerie da cor da blusa...
ele havia soltado o soutien..... continuou me apertando..... me sugando.... e eu o apertava..... puxava contra mim (adoro ser prensada na parede!!)... apalpava seu membro.....
chegamos ao nosso andar... ele me ergueu e me levou no colo..... isso o que? meia noite... ainda havia muita gente circulando pelo hotel... meio mundo deve ter visto minha calcinha, pelo tamanho da saia......
bom... entramos no quarto..... ele me levou até a cama e lá me depositou...
eu o puxei, pra que caísse comigo...... rimos mais.... e me virei sobre ele... comecei a lamber-lhe o rosto todo.... ele apalpava minha bunda e coxas... com vontade... abri sua camisa..... tirei-a e joguei longe...
tirei a minha blusa tb... e o soutien, que já tava solto... ele ergueu o corpo e me mordiscava os seios... enquanto eu lhe arranhava o peito...... e rebolava, de saia, meia e tudo, no seu pau, ainda preso na calça......
ele não tirou minha saia... pelo contrario .... não queria que a tirasse...... nem ela, nem a meia, nem a bota......
me jogou pro lado e se levantou... eu me ajoelhei na cama e abri seu zíper... soltei o botão... cinto... e o deixei nu... aquele mastro a me encarar...... não deu outra..... sorri e mamei feito criança faminta.... rs
ele me puxava os cabelos... parecia me foder a boca... e eu o apertava... apertava sua bunda... coxa... acariciava as bolas... larguei o pau e fui lamber as bolas... ele gemia... me chamando de doida... que eu havia judiado dele na sexta... deixá-lo sozinho com tanto tesão... eu ria mais ainda.....
ele estava quase gozando em minha boca, mas virou e me disse que não ia ser tão fácil assim.....
pegou uma camisinha e colocou... eu fui tirar a bota, mas ele disse que não... eu perguntei o que ele ia fazer...
ele me deitou, de frente pra ele, e rasgou a meia fina na bocetinha... levantando a saia... puxou minha calcinha pro lado... e me lambeu um pouquinho assim mesmo...
eu gemia... e queria me livrar da roupa... ele disse que estava gostando do meu visual e que me queria daquele jeito... se deitou na cama e me fez sentar no pau dele... eu ia por apenas a cabecinha, mas ele me puxou de uma vez só... o pau enterrou na minha grutinha... ensopada...
ele me conduzia, pelos quadris... eu cavalgava aquele sacana... ele me apertava mais ainda... mordia com força o biquinho dos meus seios... e eu gemia feito doida... pela excitação da noite anterior e pelo aquecimento que tive, gozei muito rápido.......
mas continuei em cima... gozei duas vezes em poucos minutos... ele gemia, se contorcia... e eu rebolava... rebolava gostoso...
ele me levantou e me mandou ficar de 4 na beira da cama... achei que ele tinha manias... mas obedeci...
ele colocou um dedinho no meu cu (adivinhando que eu adoro este dedinho... rs) e meteu a pica com tudo na minha bocetinha, abertissima pela posição...
ele estava em pe, ao lado da cama... assim, me fodia com força...ritmo pesado... eu tava quase gozando de novo... gemia alto pelo horário e rebolava... ele mandava eu rebolar mais... rebola putinha...
eu tava doida já... gozava em intervalos curtos... até que ele, grunhindo feito um animal, gozou... a cada jato, ele estocava fundo em mim... batia as bolas com força no meu grelinho... me deixava mais doida...
ele riu e me soltou... me olhou e perguntou "e agora??"
eu me desvencilhei de minha roupa e deitei de pernas bem abertas pra ele... disse que enquanto ele não estivesse pronto pra outra, era pra não abrir a boca pra dizer nada... e o puxei de encontro a minha bocetinha... muito molhadinha...
e ele me secou cada gotinha... e eu gozei de novo em sua boca...
ele subiu, de novo de pau duro, me beijou... me mordeu... se sentou por cima de mim, na altura dos meus seios... o pau tava ali, ao alcance de minha boca... e eu o chupei assim mesmo (ganhei um torcicolo.... rs)
ele gemia... se mexia... e minhas mãos passeavam por sua bunda... quando cheguei perto de seu cuzinho, ele riu, me chamou de garota levada e travou meus braços..... a única coisa que eu conseguia fazer era chupa-lo...
e o chupei, com fúria... ele acabou por gozar de novo, mas dessa vez, na minha boca...
nem sei que horas era isso... sei que ficamos um tempo deitados... rindo... falando bobeira... e fomos tomar um banho...
ele me ensaboou... me lavou cada cm... e eu fiz o mesmo... transamos de novo no banho (tinha camisinha lá tb...... parecia ter camisinha pelo quarto todo.... )
fomos pra cama, e cochilamos... quando eram 4 da manha, acordei... eu dormia nua, de bruços... ele estava de novo excitado... disse que havia sonhado comigo e acordou com tesão... mordiscava minha bunda...
eu perguntei com que ele havia sonhado... ele disse que iria me mostrar... me virou de frente e começou a me masturbar o grelinho e a entrada da bocetinha com a cabeça do pau duro dele... eu gemia de novo... ele apenas se esfregava...
colocou nova camisinha e me penetrou... me fodeu no tradicional papai-mamae... até eu gozar... o corpo dele roçando o me grelinho... gozei muito desta vez, ficando meio desnorteada ate... e fiquei pensando que seu sonho havia sido sem graça...
então ele me disse pra me levantar... me levantei... ele veio atrás... fomos até uma mesa que havia no canto... ele me colocou de costas pra si, com a bunda empinada... e começou a me comer de novo (a bocetinha), mas brincava mais intensamente com o tal dedinho no meu cu... que logo viraram dois...
eu gozei de novo... alto...acho que acordei o pessoal do lado... ele aproveitou que eu estava relaxada e me fodeu o cu!!! devagarzinho ele foi entrando... pausava vez por outra pra eu me acostumar... e entrava mais um pouco...
quando vi já estava até o talo... as bolas na minha bunda... e ele começou a rebolar, enquanto me masturbava... rebolava, remexia... e eu tb rebolava, remexia... aquele trambolho no meu cuzinho, tadinho... rs
e me fodeu com gosto... foi o gozo mais intenso dele aquela noite...
depois disso tomamos uma ducha e eu resolvi voltar pra casa...... ou isso ou ia acabar dormindo fora..... e não queria confusão......
ele é do rio.... disse que terá que voltar no meio de dezembro....... vamos ver..... rs



ver comentários

Aviso:

Todos os comentários aqui exibidos são de inteira responsabilidade do comentarista. O site Clímax Contos Eróticos deixa claro nas suas normas que manifestações de pedofilia, racismo ou de qualquer outro teor ilícito serão banidas, assim como seus autores. Publicações ou comentários ofensivos aos demais membros poderão ser removidos.

Faça um comentário:



Sua nota para este texto:

Quero receber email sobre novos comentários.