"Os mais excitantes contos eróticos"

 

Chupei muito meu professor...


autor: luah
publicado em: 04/01/17
categoria: hetero
leituras: 2815
ver notas


Chupei muito aquele caralho grosso do professor, não pude evitar todo aquele tesão guardado.


Eu, Luah, sou uma mulher cheia de desejos desde minha adolescência, no início de ano, no ensino médio, a primeira aula de Física foi maravilhosa.


Ao entrar em sala logo me sentei para fofocar com os velhos amigos e ele chegou, homem moreno e grande, lembro que usava uma calça que evidenciava o tamanho avantajado de seu pênis, se apresentou, Fábio e suas aulas sempre foram muito interessantes, aprendi muito todo conteúdo.


Era muito ético e não demonstrava muitos sentimentos pelos alunos, fazia seu papel com dedicação e nada mais. Seu sorriso lindo só era visto na sala dos professores na hora do recreio e assim o ano se passou e no retorno das férias seguintes ele tinha sido transferido, lembro da dor que me consumiu de não ter mais aquele homem que me deixava molhadinha durante toda aula, sentinso minha buceta latejar de desejos e me fazia dar pequenos prazeres as minhas brincadeiras sozinha no banheiro mais o tempo me fez superar sentindo que o futuro me reservava algo.


Adulta e sabendo bem soa meua desejos em um fim de ano uma amiga que trabalhava como professora numa escola de outra cidade me chamou para uma confraternização de fim de ano, sem pretensões, coloquei um vestido vermelho curto para expor minha coxas grossas, com decote evidenciava meus seios e assim fui sem conhecer quase ninguém.


Um sítio agradável, onde um.grupo estava tocando samba de raiz não consegui evitar e parti pro samba, fazendo o vestido dançar junto e a bunda salientar por de baixo dele.


E no meio de uma dança chegou um homem maduro que me chamou atenção demais pelo seu porte, adoro homens grandes . Ele foi falando com todo mundo e sorria e nem me notou, maa quando eu quero eu abuso, sorriso no rosto arrumei um par e dancei gingando nas coxas do jovem rapaz e todos aplaudiram, logo retornei a mesa da minha amiga para beber algo.


Ele havia me notado e ficou me olhando todo tempo … me oferecia bebida de longe, sorria e mandou até um beijo que todos viram, quando não maos conseguiu aguentar foi na minha mesa.


Qual é o nome dessa morena gostosa que está sozinha eeu estou doido para devorar ? Satisfação, meu nome é Fábio, sou professor de Física.


Minha amiga ficou encantada vom seu colega que aempre se mostrou reservado e nunca expõe sua vida pessoal e acabou respondendo por mim.


Cheio de más intenções Fábio, o apelido dela é Luah , esquece ela não vai te sar confiança.


E assim eu o fiz, entendi o recado da minha amiga e balancei a cabeça comum sorriso e voltei para o salão para dançar, ele sentou no meu lugar e ficou a me assistir dançar e quando a música acabou de tocar e voltei a mesa para beber , ele me puxou e me colocou no seu coloco, num susto só relaxei pois estava querendo, provoquei muito durante a dança sensual para ele.


Com a mão esquerda pegou na minha cintura com força me colocando na sua perna esquerda e com a mão direita pegou meu rosto e puxou até encontrar o dele, me olhou nos olhos e me beijou com voracidade, como se estivessemos sozinhos ali, me deixei beijar por alguns segundos e logo me levantei com ar assustada e chateada e ledi que me deixassem e sai para uma parte solitária do sítio onde ficavam os animais, ele me seguiu.


Desculpe Luah, não aguentei, você é gostosa demais e eu te quero.


Quando chegamos próximos a um muro que não havia mais onde eu ir, ele me pegou pela nuca e encostou todo seu corpo no meu me jogando no muro e me beijou novamente, agora não me vontive e o abracei me entregando aquele beijo devorador e as suas mãos que passeavam pelas minhas coxas e subindo chegaram a minha calcinha e a puxou arrebentando e colocou no seu bolso com recompensa do seu domínio.


Enfiou a mão por dentro do vestido embaixo chegando ao grelinho e massageando e desceu com sua grande mão enfiando um dedo na minha buceta enquanto a parte de cima do vestido ele abaixou a alça e tirou um peito e abocanhou e foi chupando o peito e enfiando a mão na buceta e eu sem logo fui tocando aquele pênis que parecia que ia saltar da sua bermuda larga e fui tocando pra ele e nessa sarrada gostosa ele já estava quase explodindo quando eu pedi:


Vamospra outro lugar.


Ele se arrumou enquanto eu me arrumei, me abraçou controlando seu tesão e acalmando o corpo e escondendo seu caralho roliço voltamos a mesa de mãos dadas como velhos amantes e eu avisei a minha amiga que ela iria voltar sozinha pra casa.


Entramos no carro dele e saimos da festa , era um entardecer de um dia meio cinza, quente mais sem sol, eu pedi para ele parar o carro e assimque o fez perto de uma rua deserta eu o beijei loucamente e aquela adolescente deixou explodir seus desejos ao tirar da bermuda aquele caralho enorme no passado que hoje é mediano porém grosao vom grande potencial, coloquei na boca e chupei de cima a baixo , engolindo, mordiacando e enfiando a lingua naquele buraquinho discreto e assim mamaei gostoso enquanto sua mão me tocava a buceta encharcada e eu gozei na sua mão e ele na minha boca me fazendo engolir aquele leirinho quente com gosto, ele chupou oa dedos com meu leitinho e nos beijamos muito molhados todavia não saciados.


Fábio mandou que eu colocasse o cinto e depois desse desvaneip na rua me levou para um motel próximo, ao entrar no quarto tirou meu vestido devagar e colocou sua roupa toda numa cadeira, logo em seguida se transformou num animal insaciável e me comeu a buceta , meteu pau na minha boca e arregaçou meu cuzinho todo e quando ambos estavam em êxtases jogados na cama, eu não me contive:


-Você é uma delícia meu professor, lembra das aulas de Fisica que você me dava , sempre colocava um beijo no final das atividades?


-Não acredito que você é aquela garota de uns dez anos atrás que agora me deu aula. Agora quero um curso completo.


Assim ele sorriu e eu me senti realizada, se eu desejo eu posso ter e você me deseja ?




ver comentários

Aviso:

Todos os comentários aqui exibidos são de inteira responsabilidade do comentarista. O site Clímax Contos Eróticos deixa claro nas suas normas que manifestações de pedofilia, racismo ou de qualquer outro teor ilícito serão banidas, assim como seus autores. Publicações ou comentários ofensivos aos demais membros poderão ser removidos.

Faça um comentário:



Sua nota para este texto:

Quero receber email sobre novos comentários.