"Os mais excitantes contos eróticos"

 

Fiquei com medo da mulher


autor: Wcpassarinho
publicado em: 10/01/17
categoria: aventura
leituras: 1127
ver notas


Me chamo Marcos"fictício" mas todos os contos são reais vividos por mim.
Hoje vou contar um fato que aconteceu comigo ele é engraçado mas é verdadeiro como todos os outros.
Sempre fui adepto ao sexo, eu gosto de satisfazer a mulher ou casal que está comigo, só não chupo rola e nem dou o cú, mas o resto eu quero que se foda, como eu costumo a falar para meus amigos, agachou, ajuelhou, mijou, saltou, não é sapo estou empurrando até o saco.
Bom eu trabalhava em um hospital na av. Paulista, entrei em uma dessa redes sociais para conhecer pessoas novas , e entrei em um de relacionamento, e conheci bastante pessoas interessantes inclusive a gordinha gostosa, me interessei na hora, mandei o convite e quase que instantaneamente foi aceito, começamos a conversar e descobrir coisas boas moramos na mesma região, e trabalhamos na mesma região aí aproveitei o golpe do destino e comece a dar em cima dela, convidei para almoçar comigo na av. Paulista que ela aceitou de pronto, marcamos hora e local.
No dia do encontro eu fui pro trabalho normal mas por volta das 06:00 chega mensagem no meu celular, gatobtem um cara no mesmo metrô que parece com você na foto de onde nos conhecemos.
Eu respondi. Em qual estação?
Ela: estamos chegando no Tatuapé mas entrou na Penha.
Eu menti falei que não era eu pois já estava na república pra pegar a linha amarela.
Me despedi e ela falou vê se não vai dar bolo porque sou gorda, eu falei que jamais faria isso com mulher alguma.
Fomos ao nosso encontro, nos conhecemos pessoalmente almoçamos e ela falou:
Mentiroso safado era você no metrô eu te reconheci, porque não falou a verdade?
Eu falei: não queria estragar a surpresa desse nosso primeiro encontro, ela falou: você tá fudido comigo vai pagar caro.
Eu falei maneira na comida não tenho tanta grana pra pagar tudo, rsrs .
Comemos, conversa vai e conversa vem nos despedimos com um beijo na boca, nossa ela pirou com meu jeito de beijar, não é querendo me gabar e sermais que ninguém, mas eu procuro fazer a excelência em tudo que eu faço.
EA pediu mais agarrei apertei coxa, cintura larga papai do céu, imagine uma morena com mais de 1,80 forte ela não era gorda para o tamanho dela, eu 1,75 magro.
Ficamos conversando a tarde toda, ela falou:
Adorei seu beijo pegada que delícia fiquei com tesão por você mas acho que na cama você não me aguenta.
Eu falei: faz o teste
Ela: bora.
Eu falei só se for agora nem vou pra faculdade.
Eu estudava na unin... Vergueiro
Marcamos o local na av. Paulista com a brigadeiro, fomos em um motel ali perto, fomos para o quarto, começamos a nos beijar chupar pegada forte e percebi que quanto mais eu apertava mais ela gostava, coloquei ela de joelho na minha frente, ela abaixou minha cueca box vermelho e viu meus 20cm e começou a me chupar freneticamente babar no meu pau que babão gostoso parecia que nunca tinha visto rola e estava realizando seu sonho, ela chupava e eu coloquei a mão no seu cabelo e empurrei a cabeça dela obrigando ela engolir tudo, ela pirou com a força que apertei o cabelo dela.
Coloquei ela na cama comecei a chupar aquela buceta grande e suculenta, ela feia gritava chinga a pedia mais pegou minha mão colocou em seu seios e fazia eu apartar forte os seios dela, que delícia ela ficou fraca coloquei ela de 4 na cama empurrei meu au na sua buceta e puxei seu cabelo e metia com força quanto mais eu puxava seu cabelo mais ela gritava e falava: isso filho dá puta puxa meu cabelo me bate me espanca faz eu gozar mais é isso que eu gosto caralho mete essa rola gostosa quero mais quero que me bata enquanto me come, eu comecei a bater nas nádegas dela e ela isso caralho bate com mais força bate espanca mesmo, me assustei pois minha mão já estava sedento, EA gozou ficou bamba e falou: magrelo você me fudeu caralho não achava que você ia fazer metade disso.
Eu falei, você cansou?
Eu ainda tenho muito fôlego.
Ela eu cansei mas sabe o que vai fazer eu me animar?
Eu: o que?
Ela: você né bater na cara judiar de mim adoro tomar soco na cara tão forte sou massoquista faz uso?
Eu já achando ela louça, eu com medo do olhar dela, querendo sair fora, meu pipi amolecendo, ela chupou meu pau com tudo loucamente novamente e eu me animei ela olhava pra cima eu dava tapa na cara dela ela falava isso bate mais forte eu batia ela ficou de 4 falou rasga meu cu mete com tudo empurra essa rola nele vai faz tempo que não dou ela gosto dele fechando Erika rasgando, coloquei a cabeça na porta daquele cue empurrei com tudo, ela gritou : isso caralho me arromba é visão que eu quero rasga meu cufaz eu gozar me bate vai caralho fode mesmo,, a o interfone do motel toca, eu atendo, o recepcionista fala já passaram 3 horas eu falei já estamos descendo e ela fala pede pra colocar uma hora adicional eu assim fiz, continuei metendo naquele cugozei nele ela pirou, descansamos um pouco nos beijamos fomos pro banho, no chuveiro a cara dela toda vermelha por causa dos tapas, fiquei sem graça, nos beijamos, e nos trocamos,na hora de sair peguei a chave dei um beijo na boca dela meu pau ficou duro de novo abaixei ela obrigando a me chupar de novo até eu gozar na sua boca que delícia, foi punk o negócio,mas foi gostoso nunca tinha visto ou feito algo assim. 50 tons de cinza passa longe.
Obrigado a todos por lerem meus contos e se você quiser se realizar entre em contato no meu zap 11977029450 será um prazer te satisfazer.
Comentem deixe sua nota é um prazer para nós tudo isso.



ver comentários

Aviso:

Todos os comentários aqui exibidos são de inteira responsabilidade do comentarista. O site Clímax Contos Eróticos deixa claro nas suas normas que manifestações de pedofilia, racismo ou de qualquer outro teor ilícito serão banidas, assim como seus autores. Publicações ou comentários ofensivos aos demais membros poderão ser removidos.

Faça um comentário:



Sua nota para este texto:

Quero receber email sobre novos comentários.