"Os mais excitantes contos eróticos"

 

Casal Apaixonado Soltinhos


autor: ariesaahbran
publicado em: 10/01/17
categoria: hetero
leituras: 1743
ver notas


Durante uma noite de sexta para domingo um casal foi ao cinema assistir um belo filme de comédia, não compraram pipoca nem refrigerante, sentaram na última fileira bem no canto. A sala de cinema estava bem vazia, talvez mais 4 ou 5 casais espalhados pela grande sala. Logo no início do filme, o casal já começou a se beijar e fazer caricias pelo corpo um do outro, beijo molhado, mordidas nos lábios, arrepios pelo pescoço, ela com toda sua delicadeza causava arrepios pelo corpo dele, que por sua vez, com toda sua força e pegava, fazia ela delirar aos apertos firmes nos seios, pescoços e bumbum. No meio do filme o tesão entre os dois era tão grande que decidiram ir para o banheiro.

Lá ela já foi logo abaixando as calças e dizendo “eu vou te chupar com vontade, vou tirar cada ml de porra sua” ele por sua vez falou “me chupa que eu vou te encher de porra”. Ela pegou o cacete grosso dele, que já estava duro, e mamou feito uma verdadeira profissional, sempre olhando para ele com cara de puta. A rola deslizava toda dentro da boca grande dela, que por outro lado, chupava bem firme com seus grandes lábios carnudos. Só se ouvia sons de chupada “glup” “chup”, bem babado ela chupou também seu saco. Quase fazendo ele gozar, ele fez ela parar, apoio ela na parede, levantou sua saia apertadinha e ela já sem calcinha, toda molhada falou “me chupa meu gostosão, me faz gozar na sua boquinha”, ele não pensou duas vezes já foi direto lá chupar, chupou firme e suave toda a bucetinha apertada e lisinha dela, depois focou no clitóris até ela delirar e gozar em sua boca, claro se segurando para não gritar. Então ele a apoiou sobre a pia, enfiou toda a rola grossa naquela bucetinha apertada, ela gemia baixinho e rebolava na rola de tesão, sem parar de pedir “mete, vai mete forte na sua putinha” enquanto ele dizia e empurrava forte “vou fuder toda sua bucetinha, minha putinha”. Os dois gozaram juntos, ele encheu tanto a buceta dela de porra que chegou a escorrer pela perna, ela não resistiu quando gozou e gritou “aaaaaaaahhh seu safado, que delicia, aaaaaaaaahhhh”. Os dois se vestiram e voltaram a sala para ver o restante do filme, claro ainda se pegando durante todo o filme.

No caminho de casa dentro do carro, ela não resistiu e com ele ainda dirigindo, abriu o zíper e falou “presta atenção na estrada”, ele safado respondeu “presta atenção no boquete”, ela deixou ele durinho com sua mãozinha delicada, e lambuzou ele todinho, chupou a cabecinha, sugou ele, passou a linguinha na cabeça e quando ele não resistia mais, ela colocou ele todo na boca e ele gozou forte com a rola toda na boca, ela conseguia sentir o pinto vibrando e latejando enquanto enchia sua boquinha, que chegou a escorrer entre os lábios, ela então engoliu tudo e beijou ele com tesão. Ao chegar em casa... fica pra uma outra história.





ver comentários

Aviso:

Todos os comentários aqui exibidos são de inteira responsabilidade do comentarista. O site Clímax Contos Eróticos deixa claro nas suas normas que manifestações de pedofilia, racismo ou de qualquer outro teor ilícito serão banidas, assim como seus autores. Publicações ou comentários ofensivos aos demais membros poderão ser removidos.

Faça um comentário:



Sua nota para este texto:

Quero receber email sobre novos comentários.