"Os mais excitantes contos eróticos"

 

Primeira vez a três


autor: odeflor
publicado em: 08/02/17
categoria: hetero
leituras: 5128
ver notas


Todos finais de ano meu chefe faz uma festa para os funcionários em uma chácara da sua família leva o pessoal da loja e muitas vezes parentes dele também participa. Este ano não estava a fim de participar, uma amiga da loja me pediu para fazer companhia a ela, se eu não fosse ela também mão iria era uma moça tímida e queria companhia para passar o dia no local, resolvi aceitar e fui. Não gosto de ir nesses churrascos rola muita cerveja e muitos homens são casados fica dando em cima de min e tem uma piscina como tenho um corpo digamos bem admirado nem entro na piscina só fico olhando e quando entro geralmente no final da festa entro de shorts mesmo não coloco biquíni e nem maio, pois ia causar problemas com as esposas namorados noivas e etc

Chegou o dia era um sábado lindo e maravilhoso sol de dezembro, me arrumei não coloquei roupa extravagante apenas normal e coloquei uma peças de roupas na mochila vai que alguém me jogue na piscina. Passei na casa da minha amiga iria comigo, moça solteira e morava com os pais não tinha namorado era uma loira magra e com um corpo de modelo bem distribuído bonita simpática cabelos loiros pelos ombros. No caminho até a chácara conversamos sobre homem namorados e amores, ela me falou que já teve um namorado mais os pais prendia muito, queria saber de todos os passos onde ia com quem enfim ele terminou por causa disso não podia nem sair e voltar tarde era tudo controlado. Já tinha ido no motel com ele varias vezes foi o primeiro dela e era maravilhoso deixava ela maluca, os dois fazia de tudo menos sexo anal tinha medo de doer.

Eu fiquei como irmã mais velha só ouvindo falava alguma coisa dava conselhos afinal era quase 10 nos de diferença e muito bem vivido. Chegando ao local o pessoal já estava todo bebendo jogando se divertindo. Minha amiga já logo sentou em uma mesa e foi tomar uma cerveja com as outras moças da idade dela. Fui cumprimentar o pessoal afinal trabalhava na administração e conhecia todos até os familiares do patrão, conheci um rapaz lindo novinho era sobrinho do patrão e estava de férias na cidade conhecendo, o rapaz era simpático e também estava meio deslocado como era novinho pensei em apresentar a minha amiga afinal os dois era da mesma idade.

Depois de cumprimentar a todos fui até minha amiga e falei desse rapaz para ela comecei a dar uma de cupido, ela não queria nem saber quando mostrei ele no meio da turma ela mudou de opinião então chamei ele para sentar junto com a gente e apresentei os dois, papo vem papo vai sai de perto deixei os dois tomando umas cervejas e fui ver o que estava rolando na piscina, fiquei por lá uns 30 minutos e resolvi voltar para ver o casalzinho, para minha surpresa não achei nenhum dos dois na festa. Fui me informar com o pessoal da mesa e falaram que os dois tinha saído em direção a casa fui atrás estava preocupada para minha surpresa a porta principal estava fechada então fui procurar outra e passei por uma janela semi aberta foi quando vi pela fresta um casal lá dentro se beijando a moça já estava sem blusa sem sutiã só de calcinha sendo chupada por ele no pescoço nos seios então fixei o olhar melhor e conheci era minha amiga e o rapaz que apresentei pensei comigo “quietinha apresentei ele minutos antes e já estão assim e menina esperta e eu pensando que era bobinha quero ver isso de perto” fiquei vendo e ouvindo os gemidos dela o rapaz tira a calcinha dela e cai de boca na sua buceta ela senta em uma cadeira e fica se deliciando com a língua dele, como a visão não estava boa fui tentar achar outra entrada para chegar mais perto, estava ficando com tesão só de ver e ouvir aqueles dois.

Achei a porta da cozinha aberta então entrei e fui em direção ao quarto apesar de não conhecer a casa ia guiando pelos gemidos e barulhos, chegando perto da porta pude ver melhor o rapaz em cima dela na cama já penetrando e chupando seus seios com vontade dando aquelas socadas no fundo do seu útero e ela adorando indo a loucura de pernas aberta gemendo e pedindo mais. Sem querer encostei na porta que estava meia aberta a porta movimentou fez barulho os dois pararam na hora e me pegaram no flagra assistindo eu não queria ser vista mas não pude fazer mais nada a não ser assumir a minha presença e pedir desculpa e falei “ desculpa já estou indo embora”, para minha surpresa minha amiga falou “calma já que você esta aqui fique e participa ele vai gostar e eu também”. Mas que menina saidinha. Fiquei sem jeito falei que nunca tinha feito sexo a três e que o namorado era dela. O rapaz entrou na conversa e veio em minha direção com aquele pinto duro já fiquei louca para pegar, ele falou “junte se a nós eu vou gostar, também nuca fiz sexo a três ainda mais com uma loira e uma morena desse porte meu pau já esta doendo de tesão, quero chupar meter e gozar nas duas”, minha amiga então falou “assim você me ensinas coisas novas”.

Pensei em sair dali e desistir mas o tesão falou mais alto e resolvi aceitar o convite e entrar na festa. Falei “então feche a casa que como eu entrei pode entrar outros e dois é bom três já e demais”. Ele saiu foi fechar a casa fiquei com minha amiga e comentei “você hei era tímida agora esta me convidando para fazer sexo a três”

Ela “é o tesão e a cerveja que deixa a eu assim, vamos tira sua blusa e seu short deixa eu e ele admirar seu corpo seios coxas bunda”.

Eu já estava em ponto de bala tirei minha blusa já estava sem sutiã tirei o short e deitei na cama e deixei ela me acariciar que coisa gostosa a moça sabia chupar um seio melhor que muitos homem que já fizeram isso, eu estava de calcinha e resolvi retribuir chupando os dela uma coisa linda durinho bicudos com aureolas grandes e rosada parecia uma pintura, nós estavam se deliciando mas eu queria logo ele no meio das duas eu gosto mesmo é de homem.

Falei no ouvido dela “que mulher gostosa, eu que não gosto da fruta estou gostando que seios lido que chupada estou ficando com muito tesão, quero ser comida logo cadê ele”

Ela me respondeu “gostosa é você com esse corpo ele deve estar louco para te comer, eu que não sou homem e nem pinto tenho já quero enfiar tudo nessa buceta que ainda esta escondida nesta calcinha e sorriu”.

Quando ele voltou pegou eu e minha amiga dando e recebendo prazer na cama. Ele se aproxima de min ai pude ver aquele pinto de perto era grande grosso e cheio de veias com uma cabeça uuiiii pelo menos acima da média dos homens que já transei. Queria que eu fosse a primeira, ele então deita na cama e pede para as duas chupar seu pau como se fosse um sorvete, deitamos uma de cada lado e enquanto chupávamos aquela maravilha cabeçuda e gostosa ele alisava nossos seios bunda buceta deixando com mais tesão ainda depois pede para ela sentar no seu pau e eu sentar no seu rosto que ele queria me chupar enquanto metia nela.

Eu ainda estava de calcinha coloquei de lado e fui anteder o pedido dele afinal não estava mais aguentando aquilo tudo, minha amiga sentou e vi aquilo sumir dentro da sua buceta ela subia descia rebolava estava louca e eu vendo o tesão dela apertava o rosto dele com minhas coxas e recebia lambidas gostosas na minha buceta enfim estávamos matando o rapaz de tesão e ele retribuindo até que ele parou e começou a gemer percebi que estava gozando dentro da minha amiga, eu já tinha gozado na boca dele então foi a vez dele fazer isso só que na buceta da amiga. Ela para e reclama “por que parou estava quase gozando” ai ela percebeu que quem tinha gozado era ele e dentro dela ficou nervosa e falou “não tomo remédio” e saiu de cima dele eu também sai daquela boca maravilhosa me levanto e vejo a porra escorrendo de dentro daquela buceta linda e depilada da minha amiga e pingando no lençol nas coxas muita porra e líquidos da sua buceta. E seu pinto mole caído de lado que cena bonita de se ver.

Ela ficou preocupada “e agora se engravido não tomo remédio” fique calma você esta nos seus dias fértil, “não”, então não se preocupe e vamos curtir o momento e nos entregar ao tesão, vejo no lençol aquela mancha de esperma e sangue, pensei “deve ter machucado ela com essa coisa grande”.

O garotão foi ao banheiro se recompor e nós ficamos na cama, o tesão era tanto que logo ela veio em cima de min e já nos enroscamos ela esfregava aquela buceta melada de porra na minha coxa barriga e eu retribuía a ela beijando seus seios. Depois ela desce e começa a beijar limpar minhas coxas suja de porra dela mesmo e a chupar minha buceta então fiquei de quatro para facilitar a língua dela nem percebi mas de repente sinto um pinto invadindo minha buceta, era o danado já recuperado e falando “Que bunda linda que buceta nunca transei com uma mulher assim meu pau fica duro só de ver quero meter e gozar dentro, quero me acabar hoje com essas mulheres gostosas”

Minha amiga não gostou muito queria mais então deitou embaixo de min e começou a alisar minha buceta e ficar vendo aquele pinto entrar e sair dela chupava meus seios enquanto ele enfiava tudo até o talo e dava tapa na minha bunda e eu rebolava igual uma louca até uma hora que ele pediu para ela ficar de quatro ao meu lado e tirou o pinto da minha buceta e enfiou na dela que entrou fácil fácil, dando umas bombadas nela e mudando para a minha buceta deixando as duas louca de tesão, nos beijava tocava nos seios uma da outra e assim foi até o momento que ele avisou “vou gozar vocês são muito gostosas agora vai ser dentro dessa buceta morena”, como ele avisou não deixei gozar dentro, gozou na minha bunda e escorreu pela minhas costas coxas a minha amiga fez questão de limpar com sua língua que maravilhosa, enquanto isso agarrei aquele pinto e limpei o restinho de porra que saia e estava com gosto das nossas bucetas e assim foi ele se recuperou me comeu de novo gozou nos seios depois comeu minha amiga queria o cuzinho nosso não deixamos, na buceta já estava bom ainda mais duas. Passamos umas duas horas naquela loucura, ele já não tinha mais força saiu da casa e nos deixou deitada toda suja de porra, levantamos tomamos um bom banho vestimos e voltamos para festa todos já bêbados e alegres nem perceberam o nosso sumiço o garotão também voltou e já estava conversando com outra menina da loja acha que estava querendo pegar ela também, será que ele aguenta três mulheres no mesmo dia. Minha amiga queria ir embora disse que estava exausta e com dores acho que foi o tamanho daquele pinto machucou ela, despedimos do pessoal e fomos, minha amiga toda contente queria sair comigo outro dia para quem sabe arrumar um namorado, fiquei de pensar.





ver comentários

Aviso:

Todos os comentários aqui exibidos são de inteira responsabilidade do comentarista. O site Clímax Contos Eróticos deixa claro nas suas normas que manifestações de pedofilia, racismo ou de qualquer outro teor ilícito serão banidas, assim como seus autores. Publicações ou comentários ofensivos aos demais membros poderão ser removidos.

Faça um comentário:



Sua nota para este texto:

Quero receber email sobre novos comentários.