"Os mais excitantes contos eróticos"

 

Te dando prazer no parque


autor: karolis
publicado em: 21/02/17
categoria: lésbicas
leituras: 3235
ver notas


Olá, sempre leio os contos e acabo molhadinha, resolvi ajudar os leitores a aguçarem a imaginação, podem me chamar de ka, tenho 23 anos, 1,60 de altura, 57 kg bem distribuídos, seios fartos, olhos claros, assim como os cabelos, corpo gostoso devido aos anos de academia e dança.
Vamos fazer de conta que nos conhecemos e a gente está saindo de uma balada ou algo assim, noite quente e a gente está meio alegrinha, ai resolvemos ir andando pra casa, cortamos o caminho pelo parque... Você reclama do salto, diz que cansou e se senta no chão, pra tirar o calçado, sentei do seu lado e comeco a beijar seu pescoço, sua orelha, sua boca.. Você se empolga e senta em cima de mim, começa a me beijar, e tocar me deixando excitada, e de repente para, levanta e sai andando, fiquei louca ne, me provocou e saiu... Levantei, te alcancei, agarrei por trás, comecei a beijar sua nuca, morder de leve seu pescoço, sua orelha, enquanto uma de minhas mãos acariciava seus seios e a outra sua coxa. Vc disse pra parar (n querendo que parasse realmente) que alguém poderia ver, falei que não, e que ia ser legal... fomos atrás de uma árvore grande, onde teoricamente ngm nos veria, te coloquei contra ela e voltei a te beijar segurando suas mãos impedindo que me tocasse..
Depois de um tempo assim soltei suas mãos continuamos a nos beijar, seu corpo bem próximo do meu... Segurei seus cabelos perto da nuca, fui descendo minha boca por seu pescoço, enquanto minhas mãos passeavam por seu corpo por cima da roupa mesmo, levanto sua saia, tiro sua calcinha, me ajoelho e comeco a te sentir na minha boca. Enquanto acariciou seu bum bum e suas pernas, depois de um tempo ali te massageando com minha boca e língua, introduzi meus dedos em vc, num movimento de vai e vem que se intensifica aos poucos e em harmonia com a minha boca, enquanto com a outra mão aperto seu bum bum, você geme, seu corpo enrigece e você quer sair, te seguro com força e te trago pra minha boca novamente, intensificando ainda mais o movimento da minha boca e dedos dentro de ti, fico assim até você chegar ao clímax, teu corpo amolece, te beijei ali, abaixei sua saia, levantei e te beijei de novo que é pra você sentir seu gosto, tu me chama de louca, mas bem que gostou 😌



ver comentários

Aviso:

Todos os comentários aqui exibidos são de inteira responsabilidade do comentarista. O site Clímax Contos Eróticos deixa claro nas suas normas que manifestações de pedofilia, racismo ou de qualquer outro teor ilícito serão banidas, assim como seus autores. Publicações ou comentários ofensivos aos demais membros poderão ser removidos.

Faça um comentário:



Sua nota para este texto:

Quero receber email sobre novos comentários.