"Os mais excitantes contos eróticos"


CURRADA POR CINCO MACHOS NO BANHEIRO


autor: JuSafada
publicado em: 06/05/17
categoria: grupal
leituras: 7059
ver notas
Fonte: maior > menor


Bem a história que hoje eu vou contar aconteceu na primeira semana que fui morar na cidade (antes eu morava na fazenda que meus pai trabalhavam). Imaginem uma puta arrombada de tudo que era peão morando sozinha na cidade, literalmente eu não dava eu distribuía... hahaha o macho que quisesse me fodia.

Eu nunca tinha ido em uma balada antes e então no quinto dia que estava na cidade resolvi ir, tomei banho, me depilei todinha, me arrumei bem puta, coloquei um vestidinho bem curtinho e super decotado, só o vestidinho mesmo sem nada por baixo, nem sutiã e nem calcinha para facilitar né. Logo que cheguei já chamei a atenção por nunca ter ido lá antes e logo já veio um macho me oferecer um copo de bebida e eu aceitei porque não tinha um tostão furado ele perguntou meu nome eu disse Julinha ele me falou que se chamava Paulo Roberto e que estava louco para me foder ali mesmo e já foi enfiando a mão na minha bucetinha que já estava meladinha, enfiou um dedo e disse no meu ouvido deixa eu fuder essa bucetinha meladinha sua vadia e eu respondi me fode vai então ele me levou para o banheiro masculino, me escorou na parede e meteu na minha bucetinha em uma estocada só, o pau dele não era muito grande tinha uns 14cm e não era muito grosso também, e eu já estava acostumada a dar a buceta para pau grande mas ele metia bem forte e eu gemia bem alto igual uma cadela ele metia na minha buceta e me puxava os cabelos e eu estava louca com aquele pau, gozei muito, e ele também encheu minha buceta de gozo, então ele se limpou me deu um tapa bem forte na bunda e disse que tinha adorado me fuder mas que ia voltar a pista de dança porque a namorada dele já deveria estar procurando ele e que vadia como eu é só para fuder no banheiro mesmo e eu fiquei lá escorrendo gozo pelas pernas foi quando saí do banheiro e dei de cara com cinco machos todos de pau para fora se masturbando eu quase morri nunca tinha visto tanto pau junto na minha frente então tentei passar rápido mas um deles o Fernando me segurou forte pelo braço e disse aonde a putinha pensa que vai eu não respondi eles começaram a rir e eu me desesperei então o Fernando me disse quero ver você gemer no meu pau como estava gemendo com o outro eu me apavorei era um misto de medo e tesão que me assustava, estava excitada com tudo aquilo então Fernando me largou de quatro no chão do banheiro e começou a fuder a minha buceta ele tinha um pau enorme 21cm e socava sem dó na minha buceta, enfiava muito forte, chegava a bater no meu útero e eu gemia feito louca naquele pau delicioso os outros se masturbavam na minha frente e disputavam quem seria o próximo eu estava lá de quatro, gemendo igual uma cadela no pau de um desconhecido e gozei três vezes e ele gozou e encheu a minha buceta com o gozo quente dele...Aí que delícia...Ahhhhhhhh

E logo já veio o Pedro que tinha o pau um pouco menor uns 16cm enfiou na minha buceta e disse que estava muito arrombada para ele fuder então meteu no meu cu e eu gemia de dor e prazer, me fodeu uns 10 minutos e gozou no meu cu. O meu cu estava piscando e o Júlio veio e atolou o pau dele tinha 18cm nossa eu gritei de dor e ele socava forte me segurava pelas ancas e me chamava de puta, vadia, cadela, vagabunda, puxava meu cabelo e me fodia sem dó eu comecei a pedir para ele parar porque estava doendo e ele socava mais forte foi quando o Fernando disse calma vou te dar um consolo sua putinha e enfiou o pau na minha boca e me mandou chupar e eu lá chupando o pau de uma macho enquanto o outro arrombava meu cu então Fernando gozou na minha boca ao mesmo tempo que Júlio encheu meu cu de porra e saiu eu respirei aliviada e Henrique montou em cima de mim e já estava desesperada disse que não aguentava mais e Henrique continuou me fodendo com brutalidade eu já não tinha mais nenhuma prega no cu, meu cu estava cheio de porra e sangue eu estava me sentindo humilhada de estar sendo arrombada por todos aqueles machos mas ainda assim gozei no pau do Henrique e eles riam de mim e diziam viu que a puta gosta de ser currada com força eu gemia, gemia muito então ele tirou do meu cu e gozou na minha cara e enquanto ele gozava o marcou atolou o pau no meu cu daí eu quase desmaiei ele metia no meu cu e masturbava meu grelinho e eu comecei a rebolar, fiquei louca e gemia feito uma cadela no cio, ele segurava forte mas minhas ancas, batia na minha bunda e me chamava de puta, me dizia isso geme sua puta, geme sua cadela gostosa e eu gozei freneticamente no pau dele então ele tirou o pau do meu cu e gozou na minha boca e o Pedro (o do pau pequeninho sentou no chão e me mandou cavalgar eu obedeci mas a minha buceta já estava tão larga que eu nem sentia nada foi quando o Fernando veio por trás e atolou no meu cu eu gritei de dor e o Júlio enfiou o pau na minha boca para eu parar de gritar e batia no meu gosto e me mandava chupar direito o Henrique chupara meu peito e o marcos o outro e eu estava lá com os cinco machos em cima de mim me fudendo como eu nunca tinha imaginado. Eles gozaram todos na minha boca e na minha cara depois disso eles saíram rindo e eu fiquei lá caída no chão, toda arrombada, gozada e com o cu sangrando uns 15 minutos depois me levantei me limpei e fui para casa.

Quando cheguei em casa tomei banho, escorria porra do meu cu e da minha buceta e eu lá toda arrombada e pensando em ir de novo naquela balada, me deitei e só de pensar no que tinha acontecido minha bucetinha já ficava encharcada de novo e acabei masturbando meu grelinho só de pensar naqueles macho me currando no chão do banheiro.

Dedico este conto aos leitores que comentam meus contos e estavam me perguntando quando eu retornaria a escrever, pois estava sem tempo.

Espero que tenham gostado e gozado com este conto porque eu gozei escrevendo e escrevi na intenção de deixar as mulheres com a buceta encharcada igual a minha e os homens com o pau duro. Beijos da puta JuSafada e gozada.





ver comentários

Aviso:

Todos os comentários aqui exibidos são de inteira responsabilidade do comentarista. O site Clímax Contos Eróticos deixa claro nas suas normas que manifestações de pedofilia, racismo ou de qualquer outro teor ilícito serão banidas, assim como seus autores. Publicações ou comentários ofensivos aos demais membros poderão ser removidos.

Faça um comentário:



Sua nota para este texto:

Quero receber email sobre novos comentários.