"Os mais excitantes contos eróticos"

 

O gostoso da internet


autor: luzinha69
publicado em: 08/09/15
categoria: hetero
leituras: 5116
ver notas
Fonte: maior > menor


Bom, já contei várias histórias minhas aqui, e, seguindo ordem cronológica, ainda haveriam muitas mais a contar antes dessa que irei publicar hoje, mas, essa história vêm despertando "curiosidades" desde que começou então achei que deveria compartilhá-la com vocês. Logo entenderão do que estou falando...

Leio os contos do Climax a muito tempo, porém, poucas semanas atrás decidi me cadastrar no site e compartilhar minhas experiências com vocês e logo no primeiro conto publicado ganhei um 'admirador'. Passei a acompanhá-lo também, li seus contos e ele de cara me despertou interesse.

Começamos a nos falar por mensagens, nos 'conhecemos' um pouco mais e então decidimos trocar e-mails. Enviamo-nos fotos para saber com quem estávamos conversando, e quando vi a foto que ele me mandou, NOSSA, fiquei 'encantada'(pra não dizer molhadinha) na hora, que moreno, um sorriso lindo e um corpinho delicioso...

Enviei a ele algumas fotos minhas também e percebi o interesse de sua parte.

Na noite que recebi a fotos não conseguia parar de olhá-las, aquele moreno de algum jeito me desperta um tesão enorme, passei o dia pensando em como seria o sexo com ele, imaginando nosso encontro e não consegui mais trabalhar.

Fui pra casa mais cedo e decidi que de algum jeito precisava "saciar" aquela minha vontade.

preparei então um jantarzinho para o meu noivo Beto, tomei um longo banho, me perfumei e me arrumei todinha para o meu noivo que estava voltando de viagem naquela noite.

Ele chegou e ficou surpreso com tudo que eu havia feito, não sou muito romântica normalmente então ele de cara sacou que eu estava querendo 'algo mais' naquela noite...

Jantamos e fomos assistir a um filme, não curto filmes de romance e etc (prefiro tiros, guerras, gente morrendo, etc rsrsrsrs) mas naquela noite eu precisava atiçá-lo, então, pus o filme Cinquenta tons de cinza para assistirmos...

O filme até que é bem sugestivo, percebia a cara de safado que o Beto fazia assistindo às cenas de sexo e então comecei a provocá-lo.

Sentei bem próxima a ele, comecei a acariciar a parte interna da sua coxa, percebi ele 'se fazendo' de indiferente e então comecei a subir minha mão, até chegar no seu cacete, que já estava duro feito uma rocha.

Comecei a acariciá-lo, sentia ele arrepiando, baixei então sua calça e sua cueca e comecei a masturbá-lo. Ele gemia de tesão mas não tirava os olhos do filme e então percebi que aquilo o interessava... (Pra quem ainda não assistiu, o filme tem uma 'pegada' sadomasoquista).

Me ajoelhei na sua frente e comecei a chupá-lo bem devagar, só para provocá-lo.

Quando percebi que ele estava quase gozando perguntei:

- Amor, quer fazer comigo como no filme?

Ele me olhou com os olhos brilhando rsrs, puxou-me para o seu colo e disse:

- Ô ruivinha, é sério mesmo? você deixa eu fazer isso contigo?

Assenti com a cabeça, ele rapidamente me jogou no sofá, em um movimento brusco, abriu sua mala que ainda estava na sala e tirou de lá 2 gravatas.

Com uma delas amarrou minhas mãos e a outra eu pedi para que ele vendasse meus olhos (eu tinha meus planos para aquela noite).

Ele fez isso rapidamente, arrancou minha roupa com ferocidade e me posicionou de quatro em cima do sofá.

Eu estava com os olhos fechados e comecei então a visualizar o moreno gostoso da internet...

Fiquei molhadinha na hora, sentia o Beto agarrar minha bunda, mordê-la, depois começou a me chupar deliciosamente, lambia minha bucetinha toda enquanto enfiava um de seus dedos no meu cuzinho...

Eu gemia de tanto tesão e ele dizia:

- Ta gostando tá ruivinha, quer que teu homem te bata com força agora quer?

Eu só conseguia pensar no moreno lá atrás de mim e dizia:

- Sim, me bate com força, me bate gostoso meu homem...

Ele delirava, nunca tinha feito nada do tipo comigo, e eu muito menos, mas a unica coisa que eu conseguia pensar ela naquele moreno lindo agarrado na minha bundinha e metendo seu pau todinho dentro de mim...

Beto transou comigo numa selvageria que eu desconhecia, ele me arranhava, puxava meus cabelos, dava-me tapas que ardiam, eram deliciosamente dolorosos, ele metia como se fosse a ultima coisa que ia fazer, e eu só conseguia imaginar a pica daquele moreno lindo entrando no meu rabinho, me comendo bem gostoso...

Gozei 3 vezes, imaginando estar com aquele moreno enquanto meu noivo metia seu pau em mim...

depois do nosso sexo selvagem rsrs, Beto caiu desfalecido no sofá e não demorou 15min. para que dormisse.

Subi para tomar mais um banho, abri o e-mail no meu celular e comecei a olhar novamente as fotos do gostoso...

Acomodei-me na banheira e comecei a acariciar meus seios, apertá-los, massageá-los, desci minhas mão pelo meu corpo até chegar na minha bucetinha e comecei a me masturbar...

Passava meu dedos entre os lábios, de cima até a entrada do cuzinho, massageava meu clitóris, comecei a aumentar o ritmo, agora em movimentos circulares, sentia minha bucetinha latejar de tanto tesão, comecei então a enfiar 2 dedinhos dentro dela enquanto olhava aquele moreno delicioso no meu celular...

Gozei muito, gozei gostoso, me acabei...

Passei aquela noite toda pensando no que tinha feito e em como seria se fosse com aquela delicinha da internet...

Óbvio que meu tesão por ele não passou, e nem vai passar tão cedo...

estamos "combinando" de nos encontrar, e não vejo a hora de saciar todo o tesão que tenho por ele.

Espero que possamos virar mais um delicioso conto.

Espero que tenham gostado e se você(meu moreno lindo) estiver lendo isso, agora sabe o tesão que tenho por ti e espero que venha saciá-lo logo ;)

Beijinhos da Lu!!!



ver comentários

Aviso:

Todos os comentários aqui exibidos são de inteira responsabilidade do comentarista. O site Clímax Contos Eróticos deixa claro nas suas normas que manifestações de pedofilia, racismo ou de qualquer outro teor ilícito serão banidas, assim como seus autores. Publicações ou comentários ofensivos aos demais membros poderão ser removidos.

Faça um comentário:



Sua nota para este texto:

Quero receber email sobre novos comentários.