"Os mais excitantes contos eróticos"


Abusei do meu sobrinho de 11 anos


autor: Gaby_69
publicado em: 27/08/17
categoria: incesto
leituras: 12342
ver notas
Fonte: maior > menor


Eu tinha tinha 20 anos na época e cuidava do meu sobrinho Thiago de 11 anos todos os dias, ele me chamava de tia era um fofo, bem magrinho e pervertido.





Eu já tinha visto ele se masturbando algumas vezes ele era muito pervertido. Ele batia punheta pra qualquer coisa um dia vi ele batendo punheta vendo uma foto de uma menina com roupa. Então um dia decidi zoar com ele.



De manhã antes dele ir pra escola entrei entrei no quarto dele já toda pelada acordei ele. Ele assustado me disse.

- nossa tia oque que é isso ?



Eu- fica queto que hoje você vai virar hominho.



Coloquei minha buceta na cara dele e mandei ele chupar a minha buceta e o meu cuzinho. Ele falou.



- tia eu não quero não. Para com isso.



Eu- cala a boca se não quiser apanha e chupa logo.



Então ele viu que eu estava falando sério e começou a me chupar. E até que ele chupava gostoso pra um menino que nunca tinha visto uma buceta pessoalmente. Ele lambia a minha bucetinha e passava a língua até meu cu e voltava pra bucetinha eu até que tava gostando, mais eu afim de brincar com ele meti a minha buceta com força na cara dele e foquei esfregando com força a minha buceta melada na cara dele. Ele implorava.



- para tia por favor tá me machucando.



Eu mandei ele cala a boca e comecei a esfregar mais forte e ele começou a chorar implorando pra mim parar. Ele ali chorando eu fiquei com dó e pensei ele já sofreu, vou da um pouco de alegria pra ele.

Mandei ele ficar de pé e comecei a chupar ele, a piroca dele era bem pequena ainda ia crescer bastante. Fiquei ali chupando o pau dele até que ele falou.



- tia tia aain vou gozar.



Eu continue chupando ele e ele gozou na minha boca. Bati uma punheta pra ele e coloquei aquela piroca piquinininha na minha buceta, deu umas reboladas de leve e ele já logo falou.



- aí tia denovo vou gozar vou gozar.



Eu já tava doida porque o menino era punheteiro mais ia ser broxa dez de pequeno então decidi castiga ele. Deixei ele goza na minha bucetinha. Tirei o pauzinho dele da minha buceta. Ele falou.

- nossa tia até que foi gostoso.



Eu- cala a boca coloquei aquele pau quase amolecendo na minha buceta denovo logo ele fico duro de novo então coloquei tirei e coloquei no meu cu. Eu sentava gostoso bem rápido pra ele gozar o mais rápido possível. Ele já cansado falou.

- tia vou goza aaain.



Eu deixei ele goza no meu cu, mais de tanto que ele tinha gozado nem saia mais porra. Eu continue sentando e ele falava.

- tia chega porfavor meu pinto tá doendo muito.



Eu ali sentando com força o pau dele chegou ao limite começou a amolecer eu sentei nele com o pau dentro de mim e levantei com tudo o pau dele bateu na barriga que fez até barulho. Quando olho o pau dele tava todo vermelho e com a cabeça toda esfolada tava até sangrando um pouco a pelinha perto da cabeça. Mandei ele ir na minha bolsa pegar meu pinto de borracha que era minha vez de gozar.

Quando ele voltou falei.

- soca com força tudo dentro de mim e o mais rápido que você consegui e vai chupando o meu grelinho porque você chupa bem.



Ele veio já meteu na minha bucetinha com força, aquele entra e sai e ele chupando meu grelinho nossa que tesão em menos de 5 minutos falei.



- tira seu safado tira e continua chupando a sua tia tia aqui.



Ele me chupando eu comecei a passar a mão no meu grelinho pra cima e pra baixo com uma mão e com a outra segurei a cabeça dele, gozei na boca dele. Ele com o meu goza dentro da boca dele falou.



- e agora oque eu faço tia.



Eu mandei ele enguli tudo, que menino safado ele tomou tudinho e ainda deu mais umas lambidas na minha xota pra tirar o restinho do meu gozo.



Até que não foi tão ruim pra um menino de 11 anos.



ver comentários

Aviso:

Todos os comentários aqui exibidos são de inteira responsabilidade do comentarista. O site Clímax Contos Eróticos deixa claro nas suas normas que manifestações de pedofilia, racismo ou de qualquer outro teor ilícito serão banidas, assim como seus autores. Publicações ou comentários ofensivos aos demais membros poderão ser removidos.

Faça um comentário:



Sua nota para este texto:

Quero receber email sobre novos comentários.