"Os mais excitantes contos eróticos"


Meu colega gostoso


autor: Ninfomaníaca26
publicado em: 12/09/17
categoria: hetero
leituras: 2311
ver notas
Fonte: maior > menor


Bom vou contar algumas histórias que aconteceram comigo. Sempre gostei de um bom cacete. Eu me chamo Quely sou alta 1,72 seios médios bunda grande e coxas grossas.
Certa vez combinamos eu e mais alguns amigos meus de fazer uma janta depois do expediente. Compramos cerveja vodka e energético. Conversamos e demos risadas. Uma certa hora notava que um dos guris que trabalhava com nós não parava de me olhar seu nome era Luís. Alto loiro 30 anos. Muito gostoso e eu como gosto de seduzir entrei no jogo.
Busquei um pirulito e comecei.
Como já era 2:00 da manhã resolvi ir pra casa. Ia chamar um táxi quando ele se aproximou e disse deixa que eu te dou uma carona. Mas antes tenho que passar em casa, respondi tudo bem. Entrei no carro e sem cerimônia deixei meu vestidinho subir um pouco. Botei a mão entre as pernas e disse aiaiai.
Minha xota já estava pegando fogo com aquele clima. Andamos duas quadras chegamos na casa dele. Ele disse pode me esperar um pouco. Respondi de primeira não vou ficar aqui sozinha vou junto ele então disse vamos.
Entramos na casa dele e ele foi direto pro quarto. Pois tinha virado energético no uniforme e tinha que lavar logo.
Quando ele tirou tirou a camiseta junto, logo vi aqueles braços fortes e musculosos. Resolvi atiçar ele dizendo que se ele fosse ficar pelado eu também iria.
Olhei pras calças dele e vi algo sobrenatural surgindo, era um volume enorme.
Sentei na cama e passei o dedo na boca.
Quando eu menos espero vejo ele vindo em minha direção dizendo deixa eu te ajudar então.
Ele se jogou em cima de mim e me deu um beijo muito quente. Explorou cada centímetro da minha boca desceu no meu pescoço puxou meu vestido e começou a mamar meus peitinhos (sinto muito prazer com meus peitos). Mamou muito e quando eu já estava quase gosando ele tirou meu vestido. Beijou meus pés foi subindo pelas coxas até chegar na minha bucetinha que essa altura já estava toda melada. Rasgou minha calcinha e foi com tudo. Chupou toda ela descendo pelo meu cuzinho e voltando pra ela. Eu já não sabia mais nem oque estava sentindo até que ele começou a foder minha chana com a língua e depois ia pro meu cuzinho. Até que não aguentei e gozei gemendo que nem uma cadela.
Ele levantou e baixou as calças ea cueca box junto. Quando eu vi aquele pau enorme, quase quis correr era muito grande e grosso. Mas o tesão me fez cair de boca como uma louca. Mamei tanto tentava enfiar todo ele mais ia um pouco menos que a metade. Ele começou a foder minha boca com vontade e eu punhetava enquanto ele metia na minha boca com vontade, até que ele gemeu e gozou. Encheu minha boquinha com aquele leite quente e cremoso, eu tomei ele todinho subi e o beijei intensamente.
Me joguei na cama abri bem minhas pernas e disse Vem meu gato mete essa pica na minha xotinha. Ele não pestanejou e apontou seu pau enorme na entradinha e forçou.
Senti uma dorzinha, mas respirei fundo e aguentei. Logo ele entrou todinho. E eu delirei de dor e tesão, mandei ele me rasga toda e ele começou a se movimentar. Aumentou a velocidade e eu gozei, aí ele me virou de quatro me disse vem putinha hoje tu vai levar vara a noite toda. E nisso meteu com força, cada estocada eu gemia mais e mais alto. Ele começou a brincar com meu cuzinho enfiando um dedo depois dois quando eu vi já estava sendo fodida na bucetinha por aquele caralho enorme e no meu cuzinho pelos seu dedos.. Comecei a gozar e ele socava mais e mais. Ele disse que queria gozar no meu cuzinho. Eu disse que nunca tinha dado ele e como seu pau era muito grande ia doer muito.
Ele pediu pra meter só a cabeça e gozar. Aquilo me deu um tesão, empinei bem minha bunda e ele lambeu meu cuzinho com vontade, enfiava a língua tirava metia o dedo e revezou assim até que eu estava quase gozando de novo. Colocou o pau na entrada do meu cuzinho e disse relaxa bem minha putinha que vou meter nesse cuzinho apertado. Foi enfiando devagar e um misto de dor e prazer começou a percorrer meu corpo. Passou a cabeça e ele fez pressão pra enfiar mais, mas não entrou. Então ele começou a botar a cabeça e tirar. Eu comecei a gemer e ele dizendo pede putinha pede meu pau no teu rabinho, eu não aguentei e anunciei o gozo e ele forçou seu pau com tudo e gozou como um lobo. Senti meu cuzinho cheio de leite e ele continuou com aquele pau enorme no meu cuzinho. Quando tirou senti escorrer toda porra do meu anelzinho até minha bucetinha.
Nos beijamos descansamos um pouco.
Já era quase 4:00 eu disse que tinha que ir. Ele me levou pra casa, fez todo trajeto brincando com minha xotinha toda melada de porra. Antes de descer chupei seus dedos e dei um beijo nele. Combinamos de repetir.
Espero que tenham gostado eu eo Luís não nos vimos mais. Pois depois de uma semana eu fui demitida e não conseguimos nos comunicar mais.



ver comentários

Aviso:

Todos os comentários aqui exibidos são de inteira responsabilidade do comentarista. O site Clímax Contos Eróticos deixa claro nas suas normas que manifestações de pedofilia, racismo ou de qualquer outro teor ilícito serão banidas, assim como seus autores. Publicações ou comentários ofensivos aos demais membros poderão ser removidos.

Faça um comentário:



Sua nota para este texto:

Quero receber email sobre novos comentários.