"Os mais excitantes contos eróticos"

 

meu corpo precisa do teu e min


autor: castanho2015
publicado em: 26/10/15
categoria: hetero
leituras: 2196
ver notas
Fonte: maior > menor



Separados, Eu 7 anos desde o casamento ela 9 anos de namorido. Juntos a quatro anos e a cada dia mais apaixonados.
Uma semana na praia. Guaraparis ES. A cidade de Guarapari ganhou esse apelido por causa do prefeito dizer que não quer turistas farofeiros e que vai cobrar pedagio dos turistas….
A cidade é ótima. Praia boa. Boa infraestrutura
Bons centros comerciais…. Lugar ideal pra primeira, segunda, terceira e quarta lua de mel....
Acordar de manhã e um “bom dia meu amor” é o céu. Um beijo na boca aflora os sentidos. E o instinto animal faz o resto; Tesão matinal
Puxo minha gatinha e num Beijo sedento iniciamos nosso ritual de amor. Sua mão procura meu mastro, que já está duro, e como durmo nu fica fácil pra ela saber / ver o que quero fazer. Ela se despe e eu começo a beijar seu corpo. Não esqueço nem um pedaço, ela adora sentir minha língua em sua pele. Deliberadamente pulo seu sexo e Beijo somente a sua volta, e observo o orvalho umedecendo seu desejo. Ela não aguenta e diz que vai me chupar.
Só um pouquinho
Chupa cachorrinha!
E ela cai de boca. Me levando ao paraíso. …
40 minutos depois ela se levanta para mais um banho. Fico deitado. Adoro cochilar depois de fazer amor.
Café, praia, churrasquinho, cerveja e na volta sorvete… sem hora pra ir sem hora pra voltar…. Pena que a vida não é assim todos os dias, o trabalho nos aguarda em novembro. Mas por enquanto amar é o nosso lazer.
Chegamos ao AP e ela vai tomar banho.
Não resisto e vou atrás
O sabonete é a desculpa pra passar a mão em seu corpo nu. Não demora e é minha vez de ser acariciado por suas mãos de fada, e o efeito que ela me causa faz meu cadete dar sinais de vida. Como bom soldado ele fica ereto, e ela de costas começa a me sarrar passando sua bunda nele. Ele escorrega fácil e num Beijo começamos a nos amar meu pau roçando sua bucetinha e nossas línguas se enrolando enquanto minha mão passeia por seu corpo, seios, barriga, coxas até chegar no clitóris onde o aumento de sua rebolado indica o caminho de seu prazer chegando. E ficamos ali sentindo a água cair num Beijo eterno num sarrar infinito meu pau em sua bunda só roçando seu sexo e minha mão tocando sua bucetinha e sentindo meu pau roçando sua gruta duas vezes molhada…. Não demora e num suspiro ela goza. Seu corpo se contrai de forma alucinante e os espaços se fazem sentir no meu cacete. Ela sente meu pau enorme roçando desejando seu abrigo e coloca as mãos na parede e se inclinando de jeito que eu possa penetra-la. Não perco tempo e entro no céu. E começo a brincar de entrar e sair. Seus gemidos aumentam e fazem que eu fique com mais tesão se é possível não sei mas começo a perder o controle e a Meter com força sem me preocupar com nada. Só sentindo as contrações de suas paredes roçando e envolvendo meu cadete triplicando meu prazer até que não aguentando mais meu pau incha mais dentro dela e ela sentindo que vou gozar instintivamente começa a gozar e a cada contração de sua buceta sinto como se ela sugasse meu pau pedindo leite. Não demora e dou pra minha gata um jato de leite no útero e gozamos juntinhos. … ela se vira e em seus olhos vejo o quanto fazemos bem um ao outro. Fome. Sede. Desejos saciados. Assim é o nosso amor
Descansar um pouco. Cochilar…. Aí comer algo esperando a noite para um passeio a beira mar. Caminhamos de mais dadas como dois adolescentes na idade do lobo. Voltamos para nosso ninho e pra variar a jogo na cama e sem frescura começo a chupar seus seios, barriga, coxas e o cheiro de mel de sua bucetinha aumenta minha fome e começo a me deliciar com seu sabor divino. Minha língua passeia por sua bucetinha sedenta até ela matar minha sede com seu gozo divino…. E um papai mamãe onde suas pernas envolvendo minha banda conduzem o ritmo de sua entrega ao seu macho. Trepar Trepar Trepar sem limite de tempo. Aliás o tempo não existe. Ela goza seguido e vou controlando meu gozo pra prolongar o momento. Ficar dentro dela proporcionando prazer ao meu amor é tudo que quero na vida. E ficamos ali treinando trepando saciando nossos corpos que se atraem. Até o ápice onde nossas almas juntas tremem de prazer pelo prazer um do outro e desmaiamos juntos felizes e completos, repletos de amor….



ver comentários

Aviso:

Todos os comentários aqui exibidos são de inteira responsabilidade do comentarista. O site Clímax Contos Eróticos deixa claro nas suas normas que manifestações de pedofilia, racismo ou de qualquer outro teor ilícito serão banidas, assim como seus autores. Publicações ou comentários ofensivos aos demais membros poderão ser removidos.

Faça um comentário:



Sua nota para este texto:

Quero receber email sobre novos comentários.