"Os mais excitantes contos eróticos"


GOZADA NA BOCA


autor: Joana
publicado em: 17/11/15
categoria: hetero
leituras: 10603
ver notas
Fonte: maior > menor


Ola! Sou Joana, tenho 21 anos, sou baixinha, peituda e bunda grande. Quando completei 20 anos fui morar sozinha numa cidade do interior de Minas, meus parentes morava na capital, trabalhava e estudava e até aí tudo bem. Na casa que eu morava os donos moravam na frente e tinha duas casas nos fundos, uma onde eu ficava e outra desocupada, uns três meses que eu estava lá, foram morar na casa ao lado um casal recém casados, uma mulher bonita e um homem, negro, alto, e muito simpático. Certo dia me atrasei para uma reunião e pedi ao meu vizinho para me dá uma carona, ele tinha moto, ele rapidamente disse que sim, mas que eu esperasse na rua de cima pra mulher dele não ver ele me pegando. Então fui e fiquei esperando, logo ele chegou, coloquei o capacete e fomos. Mas quando cheguei o meu patrão falou que por esta atrasada eu ia ficar para a turma do dia seguinte. Então voltamos, na volta ele me pegou outro caminho, me levou num parque que tinha lá perto, ficamos conversando e eu pedi para irmos, foi então que na volta (devia ser uns 20min da minha casa) ele começou a passar a mão na minha perna, pilotando só com uma mão,eu nem falei que sim nem que nao, e ele continuou subindo a mão, e subindo até que, por traz ele pegou na minha buceta, eu enloqueci, queria dá pra ele mas nao podia ser assim tão facil, então ele reduziu a velocidade e tentou por a mão por dentro do meu short, eu na aguentei e peguei no pau dele por cima do shot, foi então que ele entrou no mato, e parou, começamos a nos beijar e ele roçando em mim, enfiou a mão no meu short e meteu dois dedos logo na minha buceta que tava encharcada, seu pau quase explodiu, tirou a mae e chupou os dedos, levantou minha blusa e chupou como louco meus peitos, e eu loka de tesão, ficamos nessa por pouco tempo, ele logo baixou meu short e colocou encostada de costas pra ele, segurando na moto, meio curvada e meteu na minha buceta sem nem pensar, me entocou forte varias vezes, de repente ele parou e mandou eu ficar de joelhos, logo obedeci, tava com a buceta piscando, toda molhada, ele me colocou de joelho e empurrou sua rola enorme em minha boca, era enorme até engasguei, varias vezes na verdade, nao era tao grossa mas era uma delicia, ele meteu na minha boca parecendo que tava metendo numa buceta, segurava minha cabeça e enfiava o pau na minha garganta, ele foi ficando cada vez mais pulsante, mais duro, eu sentia as veias do pau dele em minha boca, eu chupava como louca, lambia seu saco, eu olhava pra ele e via a sua cara de safado gostoso, nossa que pau delicioso, ele se retorcia, acho que segurando a gozada, foi quando ele tirou o pau da minha boca e avisou que ia gozar, mas eu abocanhei aquele cacete gostoso e meti todo dentro da boca, ele amou aqui e gozou dentro da minha boca, deu mais umas entocadas e eu lá com a boca cheia de porra, um jato quente e gostoso, senti suas veias pulsarem na hora da gozada, engoli toda a porra que ele soltou, limpei o cacete dele com a lingua, deixei limpinho e fiquei dando chupadinhas na cabecinha do pau, lambi seu saco até ele ir amolecendo, quando enfim ele terminou, mijou na minha cara. eu amei aquilo. ele me levou pra casa, em deixou numa rua e fui a pe, quase correndo pra ninguem ver que eu tava mijada, quando cheguei ele ja tava em sua casa, entrei, tomei banho e fui para a varanda, na mesma noite, quando a mulher dele dormiu, ele bateu em minha porta e me comeu de novo, mas esse depois eu conto.



ver comentários

Aviso:

Todos os comentários aqui exibidos são de inteira responsabilidade do comentarista. O site Clímax Contos Eróticos deixa claro nas suas normas que manifestações de pedofilia, racismo ou de qualquer outro teor ilícito serão banidas, assim como seus autores. Publicações ou comentários ofensivos aos demais membros poderão ser removidos.

Faça um comentário:



Sua nota para este texto:

Quero receber email sobre novos comentários.