"Os mais excitantes contos eróticos"


Levei minha mulher para trepar


autor: Prazer Intenso
publicado em: 30/12/15
categoria: aventura
leituras: 8150
ver notas
Fonte: maior > menor


O relato que transcrevo a seguir, aconteceu de fato, pois foi contado pelo Carlos, marido e corno da Sandra, sua esposa, que é o seguinte:
"Esse final de semana nós fomos a um hotel fazenda, aqui em Brasília.
Chegamos lá ela se superou...
Fomos nós é um casal amigo nosso.
Quando chegamos lá, eu disse que queria abusar dela e ela concordou, fazendo uma carinha de Putinha, Safada que só ela sabe fazer...isso me excita muito...
Então, chegando ao quarto, eu amarrei ela em uma cadeira, vendei-a e chamei o amigo que estava comigo e um outro rapaz que conhecemos lá, é um funcionário do Hotel Fazenda e estava de folga.
Não falei nada para ela, comecei a beijá-la, passar a mão pelo seu corpo quando os rapazes chegaram.
Sem que ela percebesse eu me afastei e o funcionário chegou e continuou.
Rapidinho ela já estava com o pau dele na boca e com as mãos presas, então o outro chegou perto com o pau pra fora batendo no rosto dela.
No início, ela se assustou, mais continuou e agora com os dois...
Então eles a jogaram na cama e começou a putaria...
Soltei as mãos dela mais não tirei a venda...
Enquanto ela mamava um o outro comia ela, e eu e o colega apenas ficamos olhando...
A mulher do meu amigo, não participou não mais sabia que estava rolando.
Aí o meu outro amigo me perguntou se podia participar e eu disse vai lá...
Aí eram os três paus, sendo 1 na boca, 1 na buceta e 1 na mão.
Aí, ela tirou a venda para poder ver as caras dos machos que a estavam comendo e também poder olhar para mim...
O funcionário gozou no rosto dela...
Ela sentava no outro e chupava meu amigo.
Aí eu cheguei por traz e meti no cusinho dela...
Ela ficou louca...Rebolava...Gemia...Gritava...Safadaaaaaaaa...Gostosaaa...Putaaaaaaaaaa...Estava sendo fodida com três paus dentro (Boca, Buceta e Cu).
Nunca vi ela gritando tanto e rebolando tanto...
Gozei no cu dela.
Meu amigo queria comer ela.
Então eu sentei no sofá com os dois rapazes e meu colega tomou conta da safada.
Ela começou a sentar e rebolar no colo dele.
Gritava muito.
Então ela olhou para mim se levantou do pau do cara e com a cara de puta tirou a camisinha do amigo e sentou novamente sem camisinha.
Eu gozei de novo vendo isso, ela também...
E o amigo rapidinho estava enchendo ela de porra.



ver comentários

Aviso:

Todos os comentários aqui exibidos são de inteira responsabilidade do comentarista. O site Clímax Contos Eróticos deixa claro nas suas normas que manifestações de pedofilia, racismo ou de qualquer outro teor ilícito serão banidas, assim como seus autores. Publicações ou comentários ofensivos aos demais membros poderão ser removidos.

Faça um comentário:



Sua nota para este texto:

Quero receber email sobre novos comentários.