"Os mais excitantes contos eróticos"


Do Chat pra Foda!


autor: Deusaafrodite
publicado em: 11/04/16
categoria: hetero
leituras: 2002
ver notas
Fonte: maior > menor


Salve ,salve gente! Me chamo Ramos tenho 23 anos, 1.82 de altura, cabelos curtos e olhos
castanhos claro. Feita a apresentação ;vamos ao que interessa!

Entrei em um chat a pouco tempo, indicado por um amigo meu e lá conheci uma mulher que aqui,vou chamar de Fá.Ela tem 34 anos, casada e muito interessante. Conversamos por uma semana sobre coisas do cotidiano, família, gostos e tudo mas.

Com o passar do tempo nossas conversas foram esquentando e começamos a falar sobre gostos sexuais, fantasias e tudo mais, até que ela me confessou que tinha vontade de transar em seu local de trabalho e me perguntou o que
eu achava disso. Respondi que adorei a ideia e se ela quisesse teria o maior prazer em realizar sua fantasia.

No dia seguinte ela me manda uma mensagem no WhatsApp perguntando se poderia me ligar e eu disse que sim. Perguntou se eu estava longe e me passou seu end.

Disse que poderia chegar em 15 minutos e ela me disse que aguardaria. (Ela trabalha em
um salão de beleza e fica só na parte da manhã)

Quando cheguei ela estava me esperando na porta. Assim que cheguei só deu tempo dela trancar a porta e trocamos dois beijos deliciosos . Ela se ajoelhou na minha frente tirou meu pau pra fora da calça ,me olhou com cara desafada e engoliu toda a minha pica sem deixar nada de fora, quando
tirou me olhou novamente e me pediu bem safada:

- Meu macho puxa meu cabelo enquanto eu mamo na sua pica gostosa.

Meu tesão só aumentou puxei seu cabelo e perguntei:

- É isso mesmo que você quer minha putinha linda? Então mama bem gostoso minha putinha que
hoje você será a minha cachorra vagabunda.

-É isso que eu quero me faz sua puta.

Depois de quase 15 minutos mamando puxei ela pelo cabelo e coloquei
ela no sofá, tirei sua calça afastei a sua calcinha pro lado e cai de boca no seu bucetão que
estava muito molhado, coloquei dois dedos na sua buceta e
comecei a chupar seu grelinho, depois de uns 5 minutos ela gozou na minha
boca, me puxando pelo cabelo e apertando minha cara contra sua buceta.

Adorei sua atitude mas, o que eu mais gostei mesmo foi de ficar com a boca toda
lambuzada com o meu melzinho. Coloquei ela de 4 e comecei a fuder sua
buceta, soquei forte puxando seu cabelo com uma mão e a
outra dando tapas no seu rabão gostoso. Ela gemia muito alto e dizia que estava adorando
ser minha puta; pediu pra acelerar as
estocadas que ela ia gozar novamente, meti com muita força e foi maravilhosa ouvir ela dizer que estava gozando
novamente. Me perguntou
se eu teria outro preservativo, disse que sim, ela me disse:

-Troca e senta no sofá que eu quero muito tomar no cú, quero ser sua
puta completa meu macho gostoso.

Dei um tapa na sua bunda gostosa e disse:

-Seu desejo é uma ordem
minha putinha.

Sentei no sofá e foi delicioso ver ela rebolando e
colocando toda a minha
vara no seu rabinho, socou com muita força do jeito que eu gosto.
Passei mas 20 minutos
fudendo aquele cuzinho gostoso e não
aguentando mais disse que ia gozar.

Minha putinha pra me matar de tesão,
se ajoelhou na
minha frente tirou a camisinha do meu pau e disse:

-Vem meu puto, pode fuder minha boca até você gozar!

Era tudo que eu queria ouvir naquela hora! Soquei por 3 minutos na sua
boca gostosa, e quando disse que ia gozar ela abriu mas ainda a boca.
Despejei toda a minha porra na sua boca , ela não se fez de rogada e tomou tudo.

Cansados, nos lavamos no banheiro e voltamos pro sofá. Trocamos caricias
e depois de um tempo , fui embora com a promessa da gente se
encontrar novamente.
Semana que vem, se rolar conto tudo pra vcs.

Espero que vcs gostem do meu primeiro conto

Abraços e até a próxima.

Quem quiser manter contato comigo, me mande uma msg pelo e-mail:
anthonybranchbranch@gmail.com

/>

Para se deliciarem com esse e outros contos deliciosos, acessem : />
Colaboração: RamosTezudo



ver comentários

Aviso:

Todos os comentários aqui exibidos são de inteira responsabilidade do comentarista. O site Clímax Contos Eróticos deixa claro nas suas normas que manifestações de pedofilia, racismo ou de qualquer outro teor ilícito serão banidas, assim como seus autores. Publicações ou comentários ofensivos aos demais membros poderão ser removidos.

Faça um comentário:



Sua nota para este texto:

Quero receber email sobre novos comentários.