"Os mais excitantes contos eróticos"


Agua, brinquedo poderoso


autor: EvaMalícia
publicado em: 24/07/16
categoria: hetero
leituras: 3133
ver notas
Fonte: maior > menor


Quando eu vivia com meu dono (dominador), ele sempre procurava se satisfazer me vendo gozar e enlouquecer com suas brincadeiras, ordens e armadilhas...Meu ex dominador era um rapaz novo com um olhar sádico, capaz de qualquer coisa para fazer uma submissa pirar...lembro da primeira vez em que me vi em êxtase, ele ordenou que eu me deitasse nua de barriga para cima no chão ao lado da piscina, com os olhos vendados e as mãos amarradas em two-column tie e por fim um espaçador deixando minhas pernas afastadas uma das outras sem poder fechar, a ansiedade e o tesão tomava conta de mim...me fazendo me arrepiar imaginando o que viria...em seguida escuto um barulho forte de agua vindo em minha direção...meu dono segurava uma mangueira com jato bem forte e começou pelo meus dedos dos pés...era uma mistura de cócegas e tesão pois a venda inibia um dos meus principais sentidos ampliando as outras sensações. Ele foi deslocando o jato em direção a minha virilha direita indo rapidamente aos meus seios expostos fazendo circulos com o jato de agua, eu estava enlouquecida com muito tesão me contorcia soltava alguns gemidos que era corrigidos com 3 batidas de cane nas minha coxas...senti o jato subindo mais um pouco até meu pescoço o que gerava um certo medo, pois quando você está imobilizado da uma sensação de ser vulnerável, tudo era bem planejado por ele para que me sentisse fora de si... ele subia e descia jato evitando minha bucetinha que ja estava pulsando de desejo... meu corpo estremeceu e era a hora de acabar comig. Ele em silêncio o tempo todo o misterio me fazia arder... o jato chegou forte e certeiro no meu grelinho me fazendo gemer e mexer o quadril...sentindo a agua batendo forte me estimulando de uma forma que nunca havia provado em minutos cheguei a gozar muitas vezes era um atras do outro até ele ver que minhas forças ja estava em meu limite... sem duvida a melhor estimulação que já provei.. ouvi um riso sacana.. tirou minha venda passou 2 dedos em minha bucetinha e enfiou na minha boca seu olhar friu me dizia o quanto estava satisfeito... me desamarrou e me fez bater uma punheta para ele que estava duro, me fez engolir seu pau mas eu já estava faminta .. chupei como gulosa... ele foi me puxando pela coleira de quatro como uma verdadeira cadelinha escrava de suas vontades...exausta não podia negar nada a meu dono... me ordenou que ficasse de quatro na mesa de jardim enquanto ele agarrava meus seios e me penetrava com seus dedos até sentir bem molhadinha do jeito que ele gosta ...me colocou em pe e enfiou seu cacete dentro de mim e me fudeu até gozar finalizando em minha boca é claro não podia desperdiçar. Delicia de domingo 😊



ver comentários

Aviso:

Todos os comentários aqui exibidos são de inteira responsabilidade do comentarista. O site Clímax Contos Eróticos deixa claro nas suas normas que manifestações de pedofilia, racismo ou de qualquer outro teor ilícito serão banidas, assim como seus autores. Publicações ou comentários ofensivos aos demais membros poderão ser removidos.

Faça um comentário:



Sua nota para este texto:

Quero receber email sobre novos comentários.