"Os mais excitantes contos eróticos"

 

Surpreendida pelo professor lll


autor: momorena
publicado em: 20/08/16
categoria: hetero
leituras: 5070
ver notas
Fonte: maior > menor



Continuação. ..

Aquela manhã me senti a pior das mulheres a otária que criou expectativas mesmo sabendo que é casada ,mãe de família por um rapaz mais novo que poderia ter a mulher que quisesse. Como sou idiota! !!

Fui para casa arrasada, fiz tudo que precisava tomei um banho demorado lembrando da grosseria com que ele me tratou.

Fui até a bolsa peguei a folha para ver as malditas instruções de que ele se referia. Na folha continha a seguinte mensagem escrita a mão:

Mo, te disse que seria profissional não quero que ninguém perceba o quanto te desejo.
Quando chegar em casa olhe sua caixa de email ....
Te quero demais! !!!
Júlio.

Querido leitor, esse cara não bate bem das cacholas! Não é possível. ..
Depois de tudo aquela mensagem?
Agora dei risada alto! Mas vamos ver esse dito email. ..

Vou na caixa de mensagem tem um email de Júlio, abro e me deparo com a seguinte mensagem:


Mo, morena

Sei que ficou chatiada comigo, desculpe se exagerei na dose mas me preocupo em deixar transparecer o que venho sentindo por você. Respeito sua condição de casada, te respeito e te admiro muito. Mas isso não consegue impedir o desejo que cresce dentro de mim.
Penso em você fazendo comigo tudo o que relatou em seus contos, fazer amor com você na cachoeira, no chão, no meu carro na bancada da nossa sala de aula.
Com você os pensamentos são os mais impuros pecaminosos possíveis e impossíveis, você tem algo que desperta em mim um sentimento que não estou conseguindo conter.
Hoje quando me aproximei de você na aula senti sua respiração ofegar, você tremia Mo, eu senti o cheiro do seu cabelo, do seu perfume , minhas mãos tocaram as suas e senti a maciez que elas tem.
Mo, quero que pegue no meu pau com essas mãos! Quero poder cheirar seus cabelos e tatear seu corpo milimetricamente.
Morena, tive que me controlar tanto para não não beijar esses seus lábios carnudos coloridos pelo batom carmim que você usava. Cheguei sentir o desejo que também te consumia.
Quando você vinha entrando na sala vi o volume de sua buceta marcado na calça de lycra que você usava. Como quero sentir o sabor dessa buceta morena. Que buceta linda você tem carnuda vistosa. Quero lamber chupar morder.
Estou escrevendo agora para você e meu pau esta daquele jeito chamando você latejando duro feito rocha.
Queria muito colocar ele nessa sua boca, tenho certeza que seria chupado como nunca fui.
Olhei discretamente por cima de seu avental e sua blusa vi o tamanho de seus seios enormes a cor da pele morena que me fascina a textura de um pêssego suculento daquele que você precisa colocar na boca.
Mo, as vezes acho que estou enlouquecendo é tanto desejo que posso estar perdendo a razão.
Enquanto você fazia aquela rosa com o chantilly eu imaginava você fazendo ela na cabeça do meu pau, eu deitado nu e de pau duro como agora, eu o segurava para cima e você usava toda sua experiência fazendo tudo que aprendeu no meu pau e no meu corpo.
Quero ser seu laboratório Mo,me usa para treinarmos a arte do prazer.
Me diz o que faço Morena pois já não sei o que fazer, preciso de você ao menos uma vez em mim.

Seu, a partir do momento que ordenar. ..
Júlio

Li todo email, ainda bem que estava deitada porque não sentia mais meu corpo. Minha cabeça girava ,pensamentos agora se embaralhavam eu não sabia o que responder nem como responder mas não era para o Júlio e sim para mim mesma.

E agora Mo?

Continua....











ver comentários

Aviso:

Todos os comentários aqui exibidos são de inteira responsabilidade do comentarista. O site Clímax Contos Eróticos deixa claro nas suas normas que manifestações de pedofilia, racismo ou de qualquer outro teor ilícito serão banidas, assim como seus autores. Publicações ou comentários ofensivos aos demais membros poderão ser removidos.

Faça um comentário:



Sua nota para este texto:

Quero receber email sobre novos comentários.