"Os mais excitantes contos eróticos"

 

Taxista Coroa e minha buceta pingando


autor: negrabh
publicado em: 04/09/16
categoria: coroas
leituras: 16983
ver notas
Fonte: maior > menor


Irei contar hoje algo que aconteceu comigo esses dias.
Essa semana sai com duas amigas Karen e Laura e formos em um barzinho na região da Pampulha,ficamos em uma mesa e bebendo algumas long neck de skol beats,
não sou de beber muito por isso me mantive somente com uma long neck. Bebemos e comemos alguns petiscos.Papo vai e papo vem já estava dando 2 horas da manhã e resolvemos ir embora, pegamos um táxi.

Kare morava bem perto e logo ela foi a primeira descer a próxima seria a Laura, e durante o trajeto falei com ela que aqueles petiscos não me encheu e que estava
com vontade de comer algum sanduíche (podrão mesmo) ela disse que se tivesse com fome pediria algo mas além de estar sem fome estava com sono,mas eu disse que dava pra segurar e fazer algo quando chegassem em casa.

Chegamos na casa dela e ela ficou me perguntou como dividiríamos o valor da corrida,
eu disse que pagaria tudo e que depois poderíamos dividir, mas que na verdade nem seria
necessário já que não deu nenhum valor exorbitante,ela então se despediu e entrou pra dentro de casa.

Então ficou somente eu e o taxista, um coroa branco na faixa de 50 anos, barrigudo que até então
nao tinha dado nenhuma palavra.O direcionei até a minha casa e ele me disse que tinha um podrão próximo dali que poderia me levar já que ele não tinha jantado e também estava com fome
eu sorri e disse que a até chegar lá a corrida iria ficar cara e então não compensava, ele falou que não iria cobrar a corrida a partir dali.

Achei estranho e me perguntei se ele não estaria dando em cima de mim mas relevei e concordei. Ele logo parou o carro e me perguntou se não queria ir na frente,desci e assim que sentei o meu vestido polo subiu um pouco deixando minhas coxas grossas bem a vista, me ajeitei e ele todo atrevido disse
que o que era bonito era pra ser mostrado, eu ri e dai tive a certeza que ele estava dando em cima de mim.Q safado rs

Conversamos durante o caminho sobre namoro e ele veio com aquele papo tipico de homem quando quer comer uma mulher, que eu sou muito bonita pra ficar solteira e bla bla bla, mas não estava incomodada, muito pelo contrario tava muito excitada pela sintuacão
e com as minhas pernas cruzadas e parados no sinal ele começou a passar a mão na minha perna e falando o quando sou bonita e talz, eu sem pensar duas vezes abrir bem devagar convidando pra acariciar minha xaninha em cima da calcinha preta e pequena.

Ele logo encostou o carro, colocou a minha calcinha de lado e passo o dedo no meu grelo e viu o quanto minha buceta estava molhada e enfiou um dedo nela, gemi bem gostoso fazendo ele socar aquele dedo grosso e enrugado na minha buceta novinha e molhada
e assim ele fez, socando o dedo na minha xaninha e me chamando de putinha e vagabunda, tirei o dedo dele e chupei e disse que se quisesse mais, somente no motel.

Ele sem dizer nada, ligou carro e foi a direção há uma região bem próxima dali onde tem vários motéis. Chegando na garagem do motel tinha uma escada onde dá o acesso ao quarto,subi na frente e ele atras de mim levantou meu vestido tirou minha calcinha e caiu de boca na minha buceta, ali mesmo na escada ele chupava e lambinha minha buceta com muito tesão e eu gemia nem uma puta,
que delicia eu ali de joelhos na escada com a bunda todo empinada e aquele velho chupandoo minha xaninha com gosto,ate que não aguentei e gozei na sua boca,ele deu um tapa na minha bunda e formos pro quarto.

Nos beijamos e tirei toda sua roupa, ele sentou na beira da cama e me virou de costas pra ele e tirou meu vestido me deixando somente com sutiã.O Coroa passava a mão, mordia minha bunda,
me virava e lambia a minha buceta raspada me deixando louca pra sentar naquele caralho logo.

Me abaixei e abocanhei aquele pau duro e grosso, que delicia de caralho, fui chupando as bolas,
sugando cada uma delas e subia lambendo ate a cabecinha o velho urrava de tesao, me levantei e o deitei na cama, fui pra cima dele e ele tirou o sutiã liberando meus seios fartos na cara dele,
ele abocanhou cada um deles, chupava, mordia os bicos e puxava me fazendo gritar e gemer,ele chupava tanto q nao consegui esperar e se coloquei aquele pau dentro da minha buceta.

Ahhhhh quando senti aquele pau dentro de mim fui a loucura, fiz o movimento vai e vem bem rápido e ele mexia o quadril pra enfiar com tudo, inclinava meu corpo pra frente e ele metia com mais força na minha buceta e com meus seios no seu rosto ele mordia e chupava com furia
quando não chupava, apertava e puxava os bicos com os dedos, que delicia de velho.

Mudamos de posição e ele meteu com tudo quando estava de 4, socava ate as bolas e puxava meu cabelo, batia na minha bunda e me xingava de puta, safada, cachorra, piaranha e quanto mais me xingava mais tesao eu sentia,ate que anunciei que iria gozar, ele acelerou as estocadas numa violência que gozamos juntos. Q coroa gostosoooo, desmaiamos ali na cama de exaustação.

Quando fui olhar a hora já era quase 4 da manhã. Tomamos banho bem gostoso e formos nos vestir, porem na hora de colocar a calcinha, cade ela? Ele disse que estava em seu bolso e que somente devolveria no próximo encontro.Nossa q safado, ele me levou pra casa e trocamos telefone.

E assim acordei com buceta toda pingando de tanto tesão ao ter esse sonho erótico,me levantei toda molhadinha e fui ao banho, bati um siririca ate gozar e falei pra mim mesma: preciso de um taxista velho pra meter logo nessa minha buceta. Sera que consigo realizar?



Fiquei muito feliz com os comentários do conto anterior, isso me motivou a continuar a escrever.
Espero terem gostando desse, é complicado escrever fantasias(ainda mais de um sonho logo de manhã onde estava com muito tesão) sem ter nenhum furo na historia, por isso me falem o que achou, se parece real ou esta muito fora da realidade.

Algum taxista coroa de BH quer realizar minha fantasia?
Entrem em contato: negrabh@yahoo.com


Beeijos




ver comentários

Aviso:

Todos os comentários aqui exibidos são de inteira responsabilidade do comentarista. O site Clímax Contos Eróticos deixa claro nas suas normas que manifestações de pedofilia, racismo ou de qualquer outro teor ilícito serão banidas, assim como seus autores. Publicações ou comentários ofensivos aos demais membros poderão ser removidos.

Faça um comentário:



Sua nota para este texto:

Quero receber email sobre novos comentários.