"Os mais excitantes contos eróticos"

 

Um Boquete da minha puta no 1° encontro


autor: Casalsafado
publicado em: 14/11/16
categoria: hetero
leituras: 2357
ver notas
Fonte: maior > menor


Oi meu nome é Diego.. E no ano de 2009 enquanto eu navegava por esse gigantesco mundo que é a internet, eu conheci uma garota muito especial na minha vida.. o nome dela é Ludmila e ela é bem safada, começamos um relacionamento a distância, já que ela era de um estado diferente do meu, passávamos grande parte dos nossos dias conversando, e nas madrugadas os assuntos ficavam bem apimentados.. o sexo por telefone virou rotina em nossas noites, o prazer de excita-la, e de ouvi-la gemer, me deixavam louco, eram noites longas que passávamos um excitando o outro, enquanto gozavamos muito falando e imaginando como seria quando estivéssemos juntos de verdade..

Mas aquilo não era o bastante pra gente, e um dia decidimos de fato nos ver. E então aconteceu, eu viajei para encontra-la, e finalmente nos vimos pessoalmente, e depois de alguns minutos conversando e nos beijando ainda no aeroporto, os beijos foram ficando cada vez mais quentes, com mordidas nos labios e chupadas na língua.. enquanto as nossas línguas dançavam em nossas bocas eu comecei a acariciar o corpo dela, passando a mão nos seus peitos e na sua bunda, e fui ficando excitado, ela notou e começou a passar a mão no meu pau, que já estava muito duro, eu percebi que ela tinha gostado e comecei a falar besteiras em seu ouvido, dizendo:
- você é a minha vadia, e meu pau está do jeito que a minha putinha gosta..
E ela disse:
- a sua putinha tá louca pra chupar ele todinho e bem gostoso..
Eu e ela estavamos tão excitados que não resistimos, encontramos um banheiro lá mesmo no aeroporto, e ela joelhou na minha frente, começou a abrir a minha calça e tirou o meu pau bem duro e grande pra fora, ela começou a chupar a cabecinha do meu pau que já estava muito melada, a boquinha dela era muito gostosa e enquanto ela fazia o boquete no meu pau ficava pegando nas minhas bolas, ela tava devorando o meu pau chupava igual uma vadia botando ele todinho na boca, dando beijos e lambendo, deixando o meu pau todo babado, eu comecei a segurar ela pelo cabelo e a bater na sua carinha de putinha chamando ela de minha vadia boqueteira, isso deixava ela cada vez mais excitada fazendo ela chupar o meu pau ainda mais gostoso, ela começou a lamber as minhas bolas ficou chupando elas bem gostoso enquanto batia uma no meu pau.. aquilo me deixou louco, ver ela olhando pra mim com aquela carinha de vadia enquanto chupava as minhas bolas me deixou com muita vontade de gozar, ela percebeu que eu estava quase gozando, voltou a chupar a cabeça do meu pau e a bater uma punheta e pediu pra que eu desse leitinho quente na sua boca, e eu não aguentei, gozei muito, enchi a boquinha da minha putinha deixando ela toda melada de porra.. a boquinha dela tava cheia e ela engoliu tudo não deixando sobrar nada.. depois que já estávamos satisfeitos, nos arrumamos e saímos do banheiro escondido sem que ninguém percebesse.. enquanto íamos para a casa dela rimos ao percebermos que aquela tinha sido nossa primeira relação sexual, mas o que a gente não sabia é que aquela só seria a primeira de muitas, com várias ainda naquele mesmo dia...

Mas isso, meus amigos, fica para outra história..





ver comentários

Aviso:

Todos os comentários aqui exibidos são de inteira responsabilidade do comentarista. O site Clímax Contos Eróticos deixa claro nas suas normas que manifestações de pedofilia, racismo ou de qualquer outro teor ilícito serão banidas, assim como seus autores. Publicações ou comentários ofensivos aos demais membros poderão ser removidos.

Faça um comentário:



Sua nota para este texto:

Quero receber email sobre novos comentários.