"Os mais excitantes contos eróticos"


Dedo no meu cuzinho


autor: mulan_safada
publicado em: 24/02/17
categoria: hetero
leituras: 5883
ver notas
Fonte: maior > menor


Olá,

Eu quero compartilhar o como comecei a dar o meu cuzinho...coisa que nunca pensei que daria.

Começou tudo com o meu primeiro namorado...

Bem, eu sou mestiça, peitos médios, bumbum redondinho e empinado...bucetinha apertadinha...

Desde que tinha começado a dar pra esse meu ex, ele sempre me comia bem gostoso...o pau dele é grande e grosso...me preenchia todinha, ah que saudade de como ele metia... E desde o começo ele tinha isso de meter e colocar o dedo no meu cuzinho, coisa que ninguém tinha feito antes, e descobri ser tão gostoso que eu não reclamava...na verdade a sensação de estar toda preenchida era uma delícia...

Sempre que ele me punha de quadro e socava o pau dele na minha buceta e colocava o dedo ali, eu imaginava como deveria ser gostoso dois caras me comendo juntos, um em cada buraco...

Com o passar do tempo eu mordia os lábios para saber como era ter um pau no meu cuzinho virgem...Mas o pau do meu ex era muito grande e grosso...iria me rasgar inteira...

Teve um dia em que a gente passou o domingo na casa dele...sabe aqueles dias em que você tira o dia pra assistir filme e fuder, amo dias assim...dar até a buceta ficar assada.

Nesse dia já estavamos fodendo tanto que a pele dele era minha e a minha era dele...Ele estava metendo em mim de quatro, enfiou mais que o normal o dedo no meu cu...caralhooo que delícia, nessa hora ele começou a beijar as minhas costas, a parte do meu corpo que me dá mais tesão...E de repente, sem pensar, falei, "vai seu gostosooo, hoje eu quero que você me encha de porra!!", mas já que ele nunca gozou dentro de mim ele estranhou, "mas não rola, é perigoso"...

"Não paraaaa de meter, eu quero que você goze gostoso no meu cu, quero que você coma ele".

Ele parou e tirou o
Pau dele da minha buceta..choraminguei, o lugar do pau dele é dentro de mim...

Ele pegou a cabeça já vermelha do pau dele e começou a massagear a entrada do meu cu...com a mão direita estalou um tapão na minha bunda e disse, "quer dar o cu sua puta, quer que eu arrombe ele?! "

Nossaaaa, eu adorooo quando me chamam de puta na cama, minha buceta estava reclamando de estar vazia, enfiei tres dedos nela.

Ele começou a forçar a entrada do pau dele no meu cu, as minhas pregas começaram a reclamar, mas eu não disse nada, daquele dia não passava, aquele pau ia me preencher de gozo!!

Ele tinha entrado uma parte só, entrava e saia, entrava e saia, eu gemia de dor, mas mandei ele continuar.

Mas a coisa estava sendo muito demorada, "Caralhooo me arromba, enfia de uma vez!"

Então foi uma só, e quando entrou bateu lã no fundo...puta que pariu!!!Que delíciaaaa!!! Gritei pro bairro inteiro ouvir!!

"Amor, doeu??Desculpa."

"Cala boca! Meteee, agora mete de verdade, não para até ME fazer gozar!"

Ele meteu forte, sentia ele no ponto G por tras, ele queria gozar, mas eu nao deixei, nao ainda, estava socando meus dedos na minha buceta enquanto ele me arrombava ppr tras...a cama estava se encharcando, nunca gozei assim! Ele estava tremendo já, "Agora me deixa imunda de porra, goza gostoso goza..."

Ele ficou gelado e demoronou em cima de mim e começou a escorrer gozo por entre as minhas pernas...

Passei os dedos no líquido e coloquei na boca...Queria me afogar naquela sensação...

Depois disso, nunca mais ele gozou fora de mim, porque toda foda nossa passava pelo meu cuzinho.

A gente terminou recentemente...meu cuzinho esta piscando para alguem socar o pau nele de novo....

Espero que tenha gostado de ler o como dei o cu pela primeira vez, e que tenha se masturbado gostoso como eu fiz só de lembrar....




ver comentários

Aviso:

Todos os comentários aqui exibidos são de inteira responsabilidade do comentarista. O site Clímax Contos Eróticos deixa claro nas suas normas que manifestações de pedofilia, racismo ou de qualquer outro teor ilícito serão banidas, assim como seus autores. Publicações ou comentários ofensivos aos demais membros poderão ser removidos.

Faça um comentário:



Sua nota para este texto:

Quero receber email sobre novos comentários.