"Os mais excitantes contos eróticos"


MEU MACHO E SEU AMIGO.


autor: Soffiebh
publicado em: 06/04/17
categoria: hetero
leituras: 2534
ver notas
Fonte: maior > menor


Me chamo Soffie, tenho 30 anos, negra, 1,65 seios grandes durinhos (próteses), quadril largo, bunda grande, pernas torneadas, cabelos na cinturas cacheados e cintura fina.
Meu namorado, me ligou dizendo que chegaria de viagem, que estava morrendo de saudade.
Combinamos que eu já estaria na sua casa quando ele chegasse.
Ele me avisou, que levaria um amigo que ficaria na casa dele até a próxima viagem.
Sai do trabalho, fui em casa peguei umas roupas, e fui pra casa do meu macho.
Quando cheguei, tomei um banho, pedi um japonês, fiz a mesa e abri um vinho.
Fiquei ali bebendo e já pensando, que naquela noite ia foder muito.
Eu estava de vestido larguinho, sem calcinha.
Eles chegaram, ele me deu aquele beijo delicioso, que já me deixou molhada.
O amigo dele, era uma delícia.
Meu namorado é treinador de muay thai, tem um corpo lindo, e uma pica grossa e grande, ele tem 1,75, corpo de lutador, é branco, olhos azuis.
Delícia de macho.
Meu macho foi pro banho, e eu fui atrás, no quarto ele me deu mais beijos, alisou minha bunda, enfiou a mão por baixo do vestido e viu que eu estava sem calcinha. Ele: Minha putinha já tá toda molhada?
Eu: To querendo seu pau, amor.
Ele: Hoje você vai gozar muito.
Imaginei o que ele queria dizer.
Voltei pra sala e o amigo já tinha tomado banho e estava sentado.
Perguntei se ele queria um vinho, ele recusou.
Levantei e fui na cozinha, pegar um copo pro meu macho e vi ele me olhando. Nossa comida chegou e fomos jantar.
Após o jantar, eles me ajudaram a tirar a mesa enquanto lavava a louça, meu macho me abraçou e passou a mão na minha boceta, e sussurrou no meu ouvido, hoje você vai dar pra dois, ele disse isso e fiquei molhada, já imaginando aqueles dois machos me fodendo.
Terminei a louça, peguei minha taça de vinho e me sentei no sofá ao lado do meu macho.
Ele começou a me beijar alisou minhas coxas, deu uns gemidos, e o seu amigo olhando.
Levantei fui no quarto, tirei o vestido, e coloquei um hobby transparente.
Voltei pra sala, o amigo dele me olhou de cima a baixo, se ajeitou no sofá.
Sentei ao lado do meu macho, que começou a me beijar, alisar meu corpo e gemer, dizendo que estava com saudade da minha boceta quente.
Eu já estava toda molhada, seu amigo Dudu, olhando aquela cena começou a alisar seu pau, me olhando.
Meu macho abriu meu hobby, mostrando todo meu corpo, e pediu chupa seu macho com essa boca quente.
Me ajoelhei e comecei a chupar, chupava aquele pau gostoso do jeito que ele gosta, senti uma mão nos meus ombros, era o Dudu em pé com aquela piroca dura, querendo também.
Cai de boca, ele deu um gemido alto, e me encheu de tesão.
Fiquei ajoelhada e os dois de cada lado, chupava um e punhetava o outro, eles gemiam gostoso, e eu cada vez mais molhada.
Eu gemia enquanto chupava aqueles cacetes.
Meu macho, pediu para irmos pro quarto, e fomos.
Ele me deitou na cama e disse pro Dudu, chupa a boceta dela, e ele veio e começou a me chupar, que delícia de chupada, ele enfiava a língua dentro da minha boceta, queria gritar mas estava com a piroca do meu macho na boca.
E ficamos nesse lance por uns 05 minutos.
Meu macho me ajeitou na cama e veio, penetrou com força, socou com muita força, e eu gemia alto, pedi o Dudu, põe seu pau na minha boca, ele veio rápido rsrs, socou aquele pau na minha boca e eu chupava na mesma intensidade das estocadas do meu macho.
Meu macho, me colocou de quatro, e fodeu muito, do jeito que só ele sabe fazer, socava muito forte e eu gritava de tesão, pedia soca amor, mete na sua puta, enche minha boceta de porra.
Ele segurou minha cintura e meteu…
Senti ele gozar.
O amigo colocou a camisinha, e veio me comer, seu pau entrou fácil, minha boceta estava cheia de porra, ele deu umas 02 bombadas e gozou, que decepção.
Ficamos ali, por alguns minutos, e disse vou pegar mais vinho.
Quando voltei os dois já estavam de pau duro.
Meu macho: Vamos fazer DP.
Meu olhos brilharam rsrsrs.
Meu macho deitou na cama e eu fui em cima, o Dudu veio e encaixou no meu cu.
Que MARAVILHA, os dois socavam forte, eu gritava de tesão que deixava eles cheio de tesao, eu gemia como puta.
Dizia alto, que delícia, me fode gostoso…
Vou gozar… Vou gozar… METE COM FORÇA QUE VOU GOZAR, eles entenderam, meteram forte e eu gozei deliciosamente.
Eles continuaram a meter, meu macho disse vou encher sua boceta de porta sua vadia gostosa, o Dudu disse vou encher teu cu de porra.
Meu macho gozou, e gozei junto com ele, segundos depois senti o jato quente no meu cu… Eles gozando gemeram alto, que me enlouqueceu de tesão.
Estava eu lá , toda arrombada e com o cu e boceta cheios de porra.
Meu macho disse pro Dudu:
-não disse que minha mulher era especial, que boceta e mulher fogosa igual a ela não existe.
Dudu: Não tem mesmo, delicia de mulher.
Meu macho: Agora pode ir pro quarto Dudu, ela será só minha agora.
Pensei, puta que pariu, o Bruno vai querer me foder de novo?
To toda arrombada?
Ele saiu e encostou a porta.
E o Bruno veio como bicho, dizendo:
Agora você será só minha.
Quero foder seu cu sua vadia.
Minha puta, me dá esse cu.
Eu já estava mole, de tanto gozar, mas nao poderia deixar de atender meu homem.
Nos beijando e seu pau cresceu deliciosamente, deu uma chupada rápida, fiquei de quatro e ele veio e colocou no meu cu.
Estava de quatro de frente pra porta, quando vi o Dudu estava nos olhando, e batendo punheta.
E o Bruno fodendo muito no meu cu, ele dizia.
Sua vadia, quantos comeu teu cu enquanto eu estava fora.
Eu: Amor, só dei meu cu pra dois, ele ouvia isso e metia com mais força.
Ele: Ja disse que você só pode dar o cu comigo junto.
Eu: amor, mais era uma piroca grossa, não podia deixar de dar.
Ele: Só porque me desobedeceu hoje você vai engolir todo leitinho.
Eu: amor não, por favor, não quero.
Ele: se prepara.
Ele socava com muito tesao, batia na minha bunda, me xingava, e socava.
Dudu, estava louco se punhetando vendo aquele jogo de putaria.
Bruno me virou e enfiou seu pau na minha boca, socou e senti o jato quente, ele gozou na minha boca ele urrava de tesão.
O Dudu gozou vendo eu engolir todo Leitinho do meu macho.
Fomos banho, e nos beijamos, e fomos dormir.
No outro dia o Dudu, pediu para trazer sua namorada pra brincar junto.
Conto no próximo conto.
Beijos molhados leitores.



ver comentários

Aviso:

Todos os comentários aqui exibidos são de inteira responsabilidade do comentarista. O site Clímax Contos Eróticos deixa claro nas suas normas que manifestações de pedofilia, racismo ou de qualquer outro teor ilícito serão banidas, assim como seus autores. Publicações ou comentários ofensivos aos demais membros poderão ser removidos.

Faça um comentário:



Sua nota para este texto:

Quero receber email sobre novos comentários.