"Os mais excitantes contos eróticos"

 

Dei meu cú no serviço


autor: melputona
publicado em: 10/01/16
categoria: coroas
leituras: 25012
ver notas


Olá, me chamo Melissa e tenho 65 anos. Sou um pouco gordinha, tenho seios medios e uma bunda bem grande. 1.72 de altura. Sou aposentada mas continuo trabalhando em uma fábrica. Fui casada por 40 anos e me divorcie. Tenho 2 filhos e como morro sozinho com eles conheço bem a intimidade de homens. Todos finais de semana lavo roupa e comecei a perceber que as cuecas dos meus filhos estavam com porra e também várias camisinhas nos bolsos. Trabalho em uma fábrica pequena pego serviço 06 horas da manhã, e nesse horário trabalha vários rapazes. Como já estava a muito tempo sem transar ficava louca com os meninos tudo novinho 19,20 anos. E comecei a brincar com eles gostam de velhas olha que faço melhor que as novinhas. Certo dia esses meninos que eram 5 me chamaram para uma suruba fiquei sem graça mas como já estava ali coloquei a mão em uma pistola depois em outra e coloquei na boca e tudo mais, os meninos eram uns pãezinhos de lindos. Quando distrai e fiquei de costas sentir uma dor terrível no meu rabo por que apesar de toda essa idade ali so saia nada de entrar. Olhei pra trás chorando ela carinhoso tirou e disse velha de merda em fez alvoroço e não que rola. Fiquei com tanta raiva que tirei minha roupa peguei ele deitei de pernas abertas e disse agora como esse rabinho. Fiz pistolada pra todo lado dei pra 5 mamava dava nem sabia mais oque fazer ao sentia as bolas na cara na bunda tapa na cara.. Kkk engolir tanta porra. Depois disso virei a putinha da fábrica. Depois disso já operei de fissura anal de tanta pistola que entrou. Mas o importante e que me sentir realizada por que durante 40 anos meus queridos. Fui tratada como nada. Chegava em casa depois do trabalho alem de arrumar casa cuidar de filhos. Meu marido na hora de dormi abrir minhas pernas trepava de qualquer maneira gozava virava pro lado e pronto. Do 40 sem sentir prazer apenas servia de comida pra ela tirar uma. Sempre gostei de chupar e as oportunidades so ia embora. 40 anos tomando 2 ou 5 minutinhos de bombadas na xota e pronto. Hoje prefiro dar o cú por que regaça e ainda ninguém desconfia por que no serviço mesmo.





ver comentários

Aviso:

Todos os comentários aqui exibidos são de inteira responsabilidade do comentarista. O site Clímax Contos Eróticos deixa claro nas suas normas que manifestações de pedofilia, racismo ou de qualquer outro teor ilícito serão banidas, assim como seus autores. Publicações ou comentários ofensivos aos demais membros poderão ser removidos.

Faça um comentário:



Sua nota para este texto:

Quero receber email sobre novos comentários.