"Os mais excitantes contos eróticos"

 

Como acordar um homem


autor: Scarlett_kay
publicado em: 08/08/16
categoria: casual
leituras: 3542
ver notas


Queridos leitores, esse conto é a continuação do "Boa noite, durma bem!", então dá uma passadinha lá para entender como viemos parar aqui, ok?!


Eu acordo 1 minuto antes do celular despertar, então eu desligo, pois não quero te acordar... não desse jeito. Fico olhando como você está dormindo, está de lado virado pra mim, o sono é tranquilo, fico te olhando e pensando no que aconteceu na noite anterior, foi tudo tão inesperado e tão delicioso.

Você se mexe e vira de barriga para cima, mas continua a dormir. Era tudo o que eu queria, pois vou te acordar com um delicioso boquete.

Para não te assustar, começo passando minha mão pelo seu peito e vou descendo até sua virilha. Desço e subo algumas vezes arranhando de levinho até você acordar, abre os olhos, me dá um sorriso, mas você ainda está sonolento.

Desço minha mão por dentro da cueca e seu pau não está nada sonolento, ele chega a pulsar quando ponho a mão nele. Começo a te acariciar e você fecha os olhos, apenas sentindo o meu toque, a respiração começa a ficar ofegante.

Passo minhas unhas em seu saco, arranhando devagarinho, seguro seu pau e começo a te masturbar com movimentos leves, vou subindo e descendo. O clima está esquentando.

Então me posiciono entre suas pernas, tiro sua cueca e você abre os olhos e eu passo a língua nos lábios com cara de safada e desço até o seu pau.

Começo passando a língua no espaço atrás do seu saco, dou várias lambidas e você está gemendo. Subo um pouco e dou total atenção para suas bolas, chupo, dou lambidas, passo a língua devagarinho, dou mordidinhas e vou subindo para o seu pau.

Quando chego nele, passo a língua por tudo, da base até a cabeça macia, vou lambendo a cabeça, passando a língua na voltinha entre a cabeça e corpo do seu pau. Minhas mãos também não perdem tempo e uma delas está massageando suas bolas.

Sua respiração está pesada, ao te olhar nos olhos enquanto estou te lambendo, seu olhar praticamente implora para eu não parar.

Então, eu ponho a cabeça macia na minha boca e você geme, começo a te chupar com vontade, você solta mais gemidos entre os dentes, seu pau entra e sai da minha boca, engulo ele todinho, vou aumentando o ritmo.

Não paro e você está se contorcendo, encontro seu olhar e seu pau está na minha boca, você dá um sorriso e deita cabeça pra trás gemendo alto. Eu continuo te chupando gostoso, você é uma delícia e quero mais ele na minha boca. Ele entra e sai todinho na minha boca, vou metendo ele cada vez mais fundo, algumas vezes chego a engasgar.

Você não para de gemer, pedindo pra eu não parar de te chupar. Você fode minha boca até não aguentar mais. Então você geme alto e começa dizer que vai gozar, te chupo com mais vontade, é um misto de boquete e punheta.

Aumento e diminuo o ritmo, aumento e diminuo e logo você geme e explode em minha boca. Goza gostoso gemendo, falando palavrões e "aí que delícia de boquinha".

Termino dando uma última chupada para limpar até a última gota, então volto a deitar no seu peito, você me olha com satisfação e logo pega no sono novamente. E eu estou triunfante, afinal meu objetivo foi atingido, logo volto a dormir...




ver comentários

Aviso:

Todos os comentários aqui exibidos são de inteira responsabilidade do comentarista. O site Clímax Contos Eróticos deixa claro nas suas normas que manifestações de pedofilia, racismo ou de qualquer outro teor ilícito serão banidas, assim como seus autores. Publicações ou comentários ofensivos aos demais membros poderão ser removidos.

Faça um comentário:



Sua nota para este texto:

Quero receber email sobre novos comentários.