"Os mais excitantes contos eróticos"


Conhecendo o autor de contos parte II


autor: nessatotosinha
publicado em: 30/07/17
categoria: hetero
leituras: 514
ver notas
Fonte: maior > menor


Olá pessoas lindas e gostosas, voltei para contar como seguiu meu encontro com o Vitor, como vcs leram meu primeiro conto, eu encontrei com um autor de contos mas não tivemos muito tempo para muita coisa e marcamos para outro dia.
Então este dia chegou, marquei com o Pedro que eu iria pegar ele em certo local e a uma certa hora, que iria levar ele para um local legal, este local Legal é de uma casa de uma amiga minha cúmplice em tudo que fazemos, amiga e outras coisinhas mais rsrsrsrs, ela me emprestou até o carro dela, para não ter suspeita de outro carro no quintal dela enquanto ela estava no trabalho (vizinhos fofoqueiros rsrsrsr), então encontrei o Vitor no local e hora marcada e partimos, o filho da puta já veio no caminho massageando minha perna e passando a mão na minha pepeca me deixando louca, pedi para ele parar se não iria bater com o carro, ele disse que acreditava que não aconteceria isso.
Chegando na casa, entramos logo e mal fechei a porta ele me pegou de jeito e que pegada gostosa, quando percebi já estávamos ali na sala sem roupa nenhuma se beijando todo, que gostoso estava, eu logo desci ajoelhei e abocanhei aquela pica gostosa, grande e deliciosa, eu lambia, chupava, mordia devagarinho, e não queria saber de sair dali a muito eu não tinha uma pica gostosa daquela na minha boca, ae foi quando Vitor me pegou, e me colocou no sofá e começou a me chupar tbm, que delicia de língua ele era profissional naquilo de chupar uma buceta molhada, eu me contorcia de prazer gemia gostoso, e ele quando via isso fazia mais e mais gostoso ainda, eu estava nas alturas já e falei.
- que língua gostosa meu safado, chupa mais esta buceta ela é toda sua, me faça sua piranha abusa de mim, vou gozar na sua boca ahhhhh
Vitor parou um pouco e respondeu, massageando meu grelo
- goza vai vadia, goza na minha boca eu adoro isso, vai goza puta.
-Filha da puta vou gozar vou gozar ahhhhh.... gozei muito gostoso
Nisso ele não perdeu tempo chupou todo meu melzinho, e logo começou a meter na minha pepeca, apesar do pau dele ser grande entrou com facilidade, pois eu estava uma mina de úmida, e começou a bombear ali num frango assado delicioso, eu comecei a gemer novamente não estava agüentando este prazer todo que ele me proporcionava, eu estava totalmente entregue, só consegui fazer um pedido a ele:
- Meu macho, não desperdice este primeiro gozo seu não eu quero tomar ele, quero ele todinho na minha boca.
Ele quando escutou aquilo ficou muito louco e começou a bombear mais rápido até que eLe mandou eu a ajoelhar novamente.
- ajoelha vadia, ajoelha aqui que vou gozar
Eu ajoelhei rapidamente e ele gozou um jato generoso em minha boca e rosto, eu não desperdicei uma gota se quer, tomei tudinho, e fui com ele para o banheiro tomar um banho, para da uma recuperada, mas não precisava recuperar eu e ele estávamos com tanto tesão que começamos novamente La dentro do boxe mesmo, começamos a nos beijar, e logo eu já estava com aquela rola na minha boca novamente, por mim eu não sairia daquele boquete, mas Vitor queria mais coisas, me perguntou onde era o quarto, eu o levei e chegando lá ele me coloco na cama de quatro e começou a chupar minha buceta e lamber meu cuzinho, e logo já estava me comendo ali naquela posição, ele sabia pegar, pegou minha citura e trazia minha bunda ao encontro de seu pau, cada estocadas maravilhosas, eu só sabia pedir
- vai isso come esta buceta gostosa, fode esta puta que é toda sua, quero sair daqui ardida, quero ser fudida.
Ele quando escutava isso ficava cada vez mais doido, e me rasgava cada vez mais, quando ele tirou o pau da minha buceta e começou a pincelar o meu cuzinho com o meu da minha buceta eu logo vi que viria oq eu relamente queria, eu queria ser arrombada no cu, e falei
-isso filho da puta, isso fode meu cu, arreganha ele , mete este seu caralho nele vamos me fode porra.
Ele não se fez de rogado, começou a meter no meu cu e não meteu devagarinho não meteu logo com força, eu dei um grito de prazer misturado com uma certa dozinha que logo foi embora, e Ele começou a bombear com muita força, eu não estava me agüentando, mas ainda queria mais ele metia e eu gemia cada vez mais e mais alto, quando eu pedi para ele parar um pouco só um pouquinho, eu o coloquei sentado na cama e comecei eu a clavagar com aquela piroca no meu cu, foi uma loucura até que ele disse que iria gozar, eu disse que já tinha gozado e já estava quase gozando outra vez, e continue até que ele gemeu e gozou e eu gozei quase que junto, foi a melhor foda que tive no meu cu, ae caímos na cama e ficamos ali alguns minutos feitos namoradinhos, e já era a hora do almoço e dise que iria ver se tinha algo na geladeira, ele disse ok e foi se limpar, tinha uma lasanha daquelas que só precisa ir na microondas por sorte, almoçamos os dois ali nuzinhos, e eu pedi para ele esperar um pouco, fui a geladeira novamente e peguei um leite condensado e disse:
- gostoso, se lembra quando falei naquele almoço que queria de sobremesa bana com leite condensado?
Ele sorriu e disse claro,
Então eu sujei o pau dele todinho com leite e comecei a chupar ele com muita vontade, já disse que gostei muito de boquetear ele né? Rsrsrsr e não sai dali ate que ele gozasse novamente em minha boca, poderia demorar o tempo que fosse e foi quase uns 10 min de boquete ate que ele gozasse kkkk, eu faria mais tempo se necessário para ter aquela goza na minha boca novamente, depois disso nos vestimos e fomos embora, ainda fui no meu trabalho entregar o carro, agradecer minha amiga pela casa e claro contar tudo a ela kkkkk
Bom será que vcs gostaram, novamente aceito criticas e elogios tenho mais hitorias, com ele, com minha amiga e com outros
Meu email é nessatotosinhalinda@gmail.com




ver comentários

Aviso:

Todos os comentários aqui exibidos são de inteira responsabilidade do comentarista. O site Clímax Contos Eróticos deixa claro nas suas normas que manifestações de pedofilia, racismo ou de qualquer outro teor ilícito serão banidas, assim como seus autores. Publicações ou comentários ofensivos aos demais membros poderão ser removidos.

Faça um comentário:



Sua nota para este texto:

Quero receber email sobre novos comentários.