"Os mais excitantes contos eróticos"

 

Aluna tarada


autor: Pretacarioca
publicado em: 22/02/16
categoria: hetero
leituras: 6959
ver notas
Fonte: maior > menor


Olá delícias ! Essa história que irei contar é um sonho que tive com um ex professor da faculdade, que tenho um tesão enorme e mesmo sem vê-lo a tempos continuo sentindo a mesma coisa quando nos falamos.

Semana passada estava em casa, a noite, recebi uma mensagem dele, aparentemente inocente e que terminou em uma conversa super gostosa, trocamos fotos, gozamos gostoso e logo em seguida fui dormir..

~> O sonho

Após um dia de trabalho bem agitado, em que estive com alguns empresários do meu ramo de atuação fui para a faculdade. Eu estava com vestido social preto, que marcava bem as minhas curvas, seios e bunda grande, uma maquiagem bem feita, usando um batom vermelho e salto alto.

Logo que entrei na sala alguns amigos e outros homens da sala já ficaram de olho, a maioria cheia de maldade, mas o meu foco era o meu professor. Ele fingiu que nem notou, talvez pra não desconcentrar o que estava explicando, o que automaticamente já me enlouqueceu.. Como eu entro assim e ele não me dá atenção? Sentei no fim da sala, com a cadeira mais na reta do corredor e fiquei encarando ele, cruzando as pernas, as vezes abrindo elas um pouco pra ele conseguir ver e deu certo!

Ele disfarçadamente começou a observar mais o que eu estava fazendo e logo passou uma atividade pra todos se ocuparem e ele ter um tempinho livre pra falar comigo. Assim que terminou de explicar eu o chamei, dando a desculpa de ter uma dúvida. Como tinha uno caras perto de mim eu falei bem baixinho:

- E aí, minha dúvida é se vc gostou da minha calcinha, o que achou?

Ele logo me olhou com uma cara gostosa de tesão que já me deu vontade de agarrar na mesma hora e respondeu:

- Eu até gostei, mas com certeza vou gostar mais quando vc tirar!

Eu fiquei louca na hora, já queria que acabasse a aula, queria ele de qualquer jeito, não importava onde, mas eu tinha que ter aquela piroca gostosa pra mim e tinha que ser no fim daquela noite. Eu já não conseguia mais me concentrar e nem pensar em nada a não ser aproveitar aquele homem todinho pra mim, então resolvi sair e beber uma água, fazer uma horinha pela faculdade pro tempo passar mais rápido. Não adiantou nada, quando voltei nos olhamos de um jeito que fitou pouco a gente se pegar na frente de todo mundo, então ele enrolou mais um pouquinho e encerrou a aula.

Esperei pacientemente sair todas as pessoas inconvenientes que estavam me atrasando e fui louca pra cima dele. Como não queria prejudicar ele, coloquei uma cadeira atrás da porta, prendendo a maçaneta, só por segurança, pq naquele bloco ninguém iria mais aquela noite e já voltei na direção dele levantando o vestido. Eu estava com um conjunto branco por baixo, a calcinha bem pequena, mas que ele fez questão de tirar e começamos a matar aquele desejo maravilhoso.

Ele encostou na mesa e eu ajoelhei na frente dele, comecei a chupar gostoso, devagarzinho pra ele sentir a piroca todinha entrando e saindo da minha boquinha, passava a língua em tudo, depois botava de novo na boca, aumentando a intensidade, deixando a pica bem dura, do jeitinho que eu gosto.

Ele já estava louco de tesão, me botou sentada na mesa e começou a me beijar, deu um bjo gostoso na minha boca, com a mão no meu cabelo, puxou de leve e começou a descer pelo meu pescoço, tirou meu vestido, ficou chupando meus peitos, me olhando e ouvindo minhas gemidinhas e foi descendo. Nesse momento eu já tava doida, quando senti a boca dele na minha buceta não demorou nada pra eu gozar gostoso,sentindo a língua dele brincar enquanto eu ia a loucura.

Logo em seguida mandei ele meter aquela pica gostosa, fiquei debruçada na mesa e ele me pegando pela cintura, socando tudinho, puxando meu cabelo e falando:

- Era isso que vc queria né vagabunda, minha aluna safada, rebola gostoso vai.

Eu rebolava e sentia ele botar tudo, quando ele bateu na minha bunda e disse: goza pro seu professor vai, eu não resisti, gozei gostoso e gemia louca de tesão. Virei de frente pra ele, sentei na mesa e mandei ele botar, sentia aquela piroca gostosa ao mesma tempo do beijo, depois agarrei o corpo dele contra o meu, rebolando e gemendo no ouvido dele e gozamos intensamente!

Ficamos nos beijando ainda, curtindo mais um pouco aquela loucura e em seguida nos vestimos. Fomos conversando pelo corredor e quando eu ia agarrar ele de novo infelizmente acordei.. toda meladinha e me toquei até gozar pensando nesse desejo, nesse sonho incrível !

-------------------------------------------------------------

Espero que vcs tenham gostado, estarei mais vezes por aqui! ;)



ver comentários

Aviso:

Todos os comentários aqui exibidos são de inteira responsabilidade do comentarista. O site Clímax Contos Eróticos deixa claro nas suas normas que manifestações de pedofilia, racismo ou de qualquer outro teor ilícito serão banidas, assim como seus autores. Publicações ou comentários ofensivos aos demais membros poderão ser removidos.

Faça um comentário:



Sua nota para este texto:

Quero receber email sobre novos comentários.