"Os mais excitantes contos eróticos"


Sexo na balada - II (Final)


autor: PsicoPutinha
publicado em: 05/08/16
categoria: lésbicas
leituras: 6164
ver notas
Fonte: maior > menor


Primeira experiência lésbica. Espero que gostem.

Uma dica: quem ainda não leu "Sexo na balada- I " leia para entender e quem ja leu releia para entrar no clima.
--------

(...) comecei a chupar seus seios mordiscando os biquinhos rosados e perfeitos. Ela por sua vez gemia, com o dedinho na boca seduzia os rapazes que ja estavam de pau pra fora.

Saímos da banheira e fomos pra cama. Me deitei e Natália veio por cima, chupando meus seios, beijando meu corpo barriga e ahhh meu Deus!

Ela passou a língua lentamente na minha buceta, me olhando nos olhos, começou então uma chupada forte, sugando todo o meu mel, dando linguadas no meu grelinho.

Foi até a bolsa e tirou um consolo de mais ou menos uns 20cm, posicionou o vibrador na minha xaninha e ficou passeando com ele por la, fazendo movimentos circulares ela estimulava meu clítoris e passava na portinha da minha buceta.

Louca pra ser penetrada eu rebolava na direção do consolo, ela me olhou nos olhos e posicionou na entrada da minha xana, empurrando devagar eu senti toda a extensão entrando em mim, ela começou um vai e vem lento, me matando, eu rebolava sedenta naquele consolo.

Natália o tirou de mim e chupou, peguei o consolo da mão dela e de frente para os rapazes, comecei a chupá-lo, enfiava na boca, passava a língua sentindo o meu próprio gosto, eles ficaram malucos com a cena tão sedutora.

Voltei para a cama onde Natália se masturbava, e iniciamos um 69, chupava sua buceta, cuspia, e enfiava um dedo nela, coloquei mais um dedo e comecei um vai e vem rápido, vez em quando passando a língua em seu clítoris, não demorou muito e a safada gozou na minha boca.

Ela terminou a chupada sensacional em mim que gozei igual uma cadela.

Nesse momento fui até o Fred, me ajoelhei na frente dele e babei seu pau todinho.

Posicionei o pau na porta da minha bucetinha e sentei de uma vez, comecei a quicar, com força, sentia o pau bater no fundo, arrombava minha bucetinha toda e eu adorava aquilo.

Lucas estava comendo o cuzinho de Natália, que gemia como uma puta, ela olhou em nossa direção e nos chamou para a cama.

Peguei o Fred e fiquei de quatro ela beirada da cama, segurando nas barras da parede, o safado logo entendeu o recado, passou a língua no meu cuzinho, cuspiu e começou a enfiar.

No começo, como sempre, doeu um pouquinho, mas logo ele ja estava bombando enfiando toda a extensão de seu pau na minha bundinha quase virgem.

Lucas veio e colocou o pau em minha boca, sufocando meus gemidos com aquela vara grossa, enquanto Fred mamava os seios de Natália ainda metendo no meu cú.

O safado tirou o pau e deu para Natália chupar, que aceitou prontamente e o engoliu todo, engasgando a vadia sorria e novamente enfiava enchia a boca com o pau de Fred.

Lucas aproveitou a deixa pra comer minha bucetinha, e que delícia de pau!

Fizemos um papai e mamãe gostoso de mais, falava coisas desconexas e gemia como uma cachorra, gozei gritando seu nome.

- Ahhhh Lucaaass, Ahhhh seu filho da putaaa, to gozando safadooo!!!

Fred bombava forte no cuzinho da putinha, Natália gemia e gozava múltiplas vezes, ele espancava a bundinha dela, a deixando toda vermelha.

Vendo que eu estava "desocupada" descansando nos braços de Lucas, Fred disse que queria gozar no meu cuzinho, fiquei de quatro ja louca novamente e abri meu bumbum, ele doido de tesão, por cima ja enfiando a vara no meu rabinho, me fez gritar de prazer, explodi em mais um gozo que acabou comigo, o safado me vendo estremecer toda encheu meu rabinho de porra, caímos os 4 exaustos na cama, e depois de um tempinho na hidro e taças de vinho, fomos em bora, com a promessa que voltaremos a nos ver em breve.


-----
Olá amores, espero que gostem assim como eu gostei, ahh que dia delicioso! Tentei ser o mais fiel possível, mas não consegui chegar nem perto de colocar todos os detalhes.

Um beijo pra vocês e até o próximo conto.

Não se esqueçam de comentarem sugestões e classificar o conto.

Perdão porque qualquer erro ortográfico ou falta coerência.

Telegram: ThaliaMeyer.
Obrigada!
Thalia 3



ver comentários

Aviso:

Todos os comentários aqui exibidos são de inteira responsabilidade do comentarista. O site Clímax Contos Eróticos deixa claro nas suas normas que manifestações de pedofilia, racismo ou de qualquer outro teor ilícito serão banidas, assim como seus autores. Publicações ou comentários ofensivos aos demais membros poderão ser removidos.

Faça um comentário:



Sua nota para este texto:

Quero receber email sobre novos comentários.