"Os mais excitantes contos eróticos"

 

Fudendo minha priminha na casa de praia


autor: morenocambh
publicado em: 18/08/16
categoria: incesto
leituras: 10993
ver notas
Fonte: maior > menor


minha prima, muito gostosa, bundinha empinada, seios deliciosos, corpinho perfeito.



Nós estavamos na casa de praia, eu ela e mais dois primos, nossos pais até que eles tiveram que voltar para cidade pois tinham tido problemas com familiares, mais iam rertorna a noite só ficou eu e minha prima que nao quis ir também eu entao que estava louco por minha prima, fiquei muito contente.



pois era minha chance de comer ela, minha prima foi ao banheiro tomar banho Fui sentar no sofa assistindo tv e fiquei 10 minutos depois . Fui até o banheiro e notei a porta aberta, fui entrando e vi minha prima pelada no chuveiro. lá perguntou se não queria tomar banho junto.



Não respondi, tirei a roupa e entrei no chuveiro Então ela começou a sirica mais maravilhosa . enfiava o dedo lá fundo, esfregava a palma da mão no seu grelinho, enfiou dois, três dedos e parou quando percebeu que eu ia gozar.



EU Disse: Agora levanta essa bucetinha linda da água que eu vou chupar ela todinha. Botei as coxas dela sobre os meus ombros e apoei minhas costas na parede . Aquela língua furiosa fez ela gozar duas vezes seguidas, entao eu nao satisfeito botei ela quatro no chão do banheiro e começei a brincar com o seu cusinho, esfregava o dedo nele ela, gritava que adorava até que meti a lingua lá no fundo do seu cusinho ela Gozou na hora gritando alto. comecei a lamber sua buceta, chupava enfiava a lingua, que delicia, ela gozava na minha boca e eu engolia tudinho.





Depois da seçao de oral pelo cuzinho ela virou e começou a chupar meu caralho, lambia, passa a lingua pelas beiradas me deixando louco, convidei para irmos para o quarto Deitei ela na cama e comecei a chupar os peitos dela, seus peitos são maravilhosos, grandes, mas duros feito pedras, e a essa hora os biquinhos estavam tão duros que parecia que iam rachar. fui descendo e comecei a chupar sua buceta a até que eu peço pra fuder a bucetinha dela, começo a estocar sua buceta, e ela goza mais umas tres veses nisso tudo.



Depois de deixar ela maluca, eu começo a botar o dedo novamente no seu cuzinho para alarga-lo, mas ela diz que nao precisa muito porque tá acostumada a masturbar o seu cusinho , apartir daih eu começo a fode-la pelo cuzinho e machuca-la pela velocidade, mas ela disse pra nao parar, eu tava quase gozando, e ela começou a sangrar pelo cuzinho e dizia: fode essa tua priminha vadia fode, me arromba vai, uhhhh.



E eu ficando louco, tirei dO cuzinho e botei em sua boca, ela começou a punheta-lo até eu gozar muito em sua boca, ela foi bebendo mas nao parava de sair eu ali entao obriguei ela a beber tudo, lambendo o que caia no chao, e ela obedeceu com gosto.



depois disso dormimos devido o cansaço, mas numa posiçao maravilhosa, num 69, ela com meu pau na boca , e eu com a buceta dela na minha boca. acordamos algumas horas depois comigo lambendo seu grelo, e ela se exitando de novo chupou meu até eu gozar, lambeu minha toda minha porra .



ver comentários

Aviso:

Todos os comentários aqui exibidos são de inteira responsabilidade do comentarista. O site Clímax Contos Eróticos deixa claro nas suas normas que manifestações de pedofilia, racismo ou de qualquer outro teor ilícito serão banidas, assim como seus autores. Publicações ou comentários ofensivos aos demais membros poderão ser removidos.

Faça um comentário:



Sua nota para este texto:

Quero receber email sobre novos comentários.