"Os mais excitantes contos eróticos"

 

Noivo e o amigo, dei até o cuzinho


autor: eericaa
publicado em: 25/02/17
categoria: aventura
leituras: 6003
ver notas
Fonte: maior > menor


Vou contar como realizei o meu desejo que era dar para dois homens e ainda dei meu cuzinho, foi maravilhoso, doido demais, porém fantástico, fiquei muito feliz e entusiasmada e resolvi compartilhar com vocês!
Sou a Adriana tenho 25 anos, sou bem sexy, corpo gostoso, pernas grossas, peitos grandes e firmes, uma bunda linda bem durinha, tenho um noivo, o Leo, muito lindo, gostoso e safado, sempre me disse que queria transar comigo e com outro homem, achava tudo aquilo estranho, mas sempre tive vontade, Leo tem vários amigos super legais e divertidos, bonitos como ele, em especial o Gabriel, ele já me deu umas encaradas e umas indiretas, mas nunca falei nada para o Leo.
Um belo dia resolvi convidar o Gabriel para ir ao apartamento que eu e o Leo estamos decorando para morarmos após nosso casamento, disse que seria para ele dar umas dicas de decoração, iluminação, já que ele trabalha com isso, é arquiteto e entende bem de decoração.
Chegamos no apartamento, entramos e lá estava o Leo, que na hora não entendeu nossa visita, mas expliquei que queria umas dicas de Gabriel e Leo logo aceitou minha explicação. Então Gabriel começou a dar seus palpites, depois de algum tempo criei coragem e andei para um lado, andei para o outro e me aproximei de Leo e comecei abraçá-lo e beijá-lo bem de leve e com o olhar fixo em Gabriel, nesse momento Gabriel se afastou e começou a disfarçar, Leo não entendeu nada, mas também não recusou meus carinhos, então falei baixinho no seu ouvido.
-Resolvi realizar seu desejo, quero transar com você e com o Gabriel, bem gostoso, quero ficar louca e te deixar louco, será meu presente de casamento para você!
- Você é louca, justo com meu amigo!
-Eu escolho para quem eu quero dar, tenho tesão por ele e sei que ele também tem por mim, então é pegar ou largar, você escolhe!
Leo me agarrou e começou a me beijar, passava a mão na minha bunda levantando levemente minha saia, deixando minha bunda com minha calcinha fio dental amostra, percebi que Gabriel foi para a cozinha, e resolvemos ir atrás dele e continuar com nossa fantasia. Parei na porta da cozinha e olhei para ele e disse:
-Então Gabriel, hoje eu posso ser toda sua, sei que você tem vontade de transar comigo, hoje resolvi realizar o desejo do meu noivo, o meu e o seu, o que acha? Leo em seguida por trás de mim pegou no meus seios por cima da blusa e disse:
Amigo é para essas coisas, aproveita, hoje é seu dia de sorte! Pode realizar seu desejo e comer minha noiva, sei que você quer, ela e eu também, pode fazer tudo o que você quiser, sem ressentimentos, segredo nosso, ok!
Me debrucei sobre a pia arrebitando minha bunda grande, sexy, gostosa e ele não resistiu, não perdeu tempo e me abraçou por trás, enlaçando os braços pela minha cintura e me puxando de encontro ao seu corpo. Senti que seu pau duro na minha bunda, eu sentia uma sensação de prazer, eu rebolava, ele tirou minha saia, apoiei minha barriga em uma cadeira e fiquei de quatro, Leo passou a beijar minha bunda, eu apertava o pau de Leo que estava a minha frente, meus peitinhos endureceram, eu coloquei o pau do Leo todinho na minha boca, chupando bem gostoso, chegando até a garganta, apertava a cabecinha e rolava a língua bem na glande, apertava e chupava, Leo olhava minha chupada gostosa e ao mesmo tempo via Gabriel chupando minha bucetinha, Gabriel colocou minha calcinha de ladinho e chupou minha bucetinha, uma delicia de chupada, ele abria minha xoxota e metia a língua com vontade, roçava meu grelinho, esfregava o dedo nela toda e chupava bem gostoso, eu ficava doida e chupava Leo com mais vontade.
-Nossa que delícia de buceta, eu sabia que você era gostosa, tinha certeza, cada vez que eu te via com calça justa marcando sua bucetinha eu ficava louco de tesão, doido para meter minha língua nela.
-Então aproveita amigo, essa bucetinha vale ouro, é uma delicia, adoro chupar ela também, disse Leo.
Leo me pegou e me colocou em cima da mesa abriu minhas pernas e colou seu pau na minha bucetinha, eu adorei, estava toda molhadinha, quentinha, ensopada, esperando uma pica gostosa me foder, Gabriel começou a mamar nos meus peitinhos que estavam durinhos, ele chupava e puxava meus biquinhos com umas mordidinhas deliciosas, eu acariciava seu pau e suas bolas, o Gabriel tinha um pau grosso. Ficamos assim por uns minutos até que resolvi chupar aquele pau grosso do Gabriel, então Leo sentou em uma cadeira e eu me sentei de costas para ele em sua pica gostosa, me abaixei um pouquinho e meti o pau do Gabriel na boca, ele delirou, chupei bem gostoso, subi e desci naquela pica com vontade, enfiava tudo na boca a apertava massageando seu pau e apalpando sua bolas, para deixá-lo bem excitado, ele gemia e puxava meu cabelo de leve, Leo metia na minha xoxota, puxando minha bunda, Leo começou a acariciar meu cuzinho e perguntou para Gabriel se ele queria foder meu rabinho.
-E ai meu amigo, quer comer o rabinho dela, te garanto que é uma delicia, você vai adorar!
-Nossa, nem fala é tudo que eu quero!
Então eles me colocaram de quatro e ficaram passando o dedo no meu rabinho, levando todo meu melzinho para meu cuzinho, assim ele ficaria bem molhadinho.
-Vai Gabriel faça as honras, mete gostoso no rabinho dela, mete!
-Que delícia, vou foder ele todinho, vou deixá-lo todo arrombado!
Ele abriu minha bunda e foi colocando bem devagar, para não me machucar, eu gemia e adorava, ele foi indo, foi indo, até que conseguiu e colocou seu pau inteirinho, e começou a socar devagar, aos poucos foi aumentando a velocidade e a força, Leo não quis perder nada e subiu em uma cadeira e meteu o pau dele na minha boca, eu não sabia se chupava a pica dele ou se eu gemia de prazer dando meu cuzinho. Gabriel abria minha bunda e metia seu pau, socava tudo e ainda acariciava meu grelinho, eu estava adorando, muito bom dar para dois paus.
Gabriel bombou muito, mas gozou disse que queria comer minha bucetinha e gozar nela, que era seu sonho.
Deitei em cima da mesa e ele veio com seu caralho duro, grosso e gostoso e meteu na minha menina, adorei, ele fodia muito bem, continuei chupando o Leo e sendo fodida pelo Gabriel, ele socava tudo na minha bucetinha e dizia:
-Que loucura, que delícia, que bucetinha deliciosa, como você é gostosa, meu amigo você acertou má mega sena, para casar com uma mulher assim, gostosa, louca e putinha e tudo que um home quer! Vou foder ela bem gostoso, vou arrombar sua bucetinha todinha!
Assim ele continuou e me fodeu com força, me segurava na cintura e me puxava para seu pau, até que ele gozou, Leo aproveitou e logo socou seu pau na minha bucetinha, bombou com força, do jeito que eu gosto, me fazendo gozar e gemer feito louca, ele também gozou logo em seguida. Fiquei louca de tanto tesão e adorei a festinha doida.
Os meninos adoraram a festinha e eu também, nos divertimos muito, Gabriel nunca comentou nada como ninguém, sempre foi muito cavalheiro e guardou segredo e por isso foi recompensado outras vezes com outras festinhas tão gostosas quanto essa.



ver comentários

Aviso:

Todos os comentários aqui exibidos são de inteira responsabilidade do comentarista. O site Clímax Contos Eróticos deixa claro nas suas normas que manifestações de pedofilia, racismo ou de qualquer outro teor ilícito serão banidas, assim como seus autores. Publicações ou comentários ofensivos aos demais membros poderão ser removidos.

Faça um comentário:



Sua nota para este texto:

Quero receber email sobre novos comentários.